1. Spirit Fanfics >
  2. Aquele sorriso familiar >
  3. Capítulo único - Meu maior desejo

História Aquele sorriso familiar - Capítulo 1


Escrita por: e Mi_kun


Notas do Autor


Oi, gente!
Atrasado como sempre, mas ok. Essa fic é para o tema Saudade, não consegui evitar escrever sobre o final do filme depois de assistir todo o anime novamente.
Ah, e falando nisso, se você não viu o filme de Madoka (o Rebellion), corre do spoiler!

Capítulo 1 - Capítulo único - Meu maior desejo


Saudade era tudo o que eu sentia, nesses dias preenchidos simplesmente pela dor e o vazio em meu peito, somente lutando contra os espectros.

Não só por não poder mais te ver, mas porque sua existência tinha sido excluída como consequência de seu desejo. Como disse muitas vezes, você é muito gentil para esse mundo. Você  acabou sacrificando sua vida como humana para viver presa à responsabilidade de manter a estabilidade do mundo e evitar que as garotas mágicas algum dia se tornassem bruxas, você se tornou o que atualmente chamamos de Lei do Ciclo, mas sou agora a única que ainda guarda a memória de sua breve existência.

— Madoka — Sussurrei, como um mantra, assim como fazia todas as vezes que a lembrança de seu sorriso cruzava minha mente entorpecida, nessa realidade que não desejei.

— Aquela é Kaname Madoka? — Perguntou uma das garotas ao meu lado, observando algo acima de mim. Tudo parecia confuso, mas tinha certeza que havia me tornado uma bruxa, por culpa da curiosidade dos Incubadores, sobre o que seria realmente a Lei do Ciclo, a nossa salvação.

Se não era mais uma bruxa, isso só queria dizer que finalmente poderia reencontrar Madoka, ver aquele sorriso familiar novamente, ser salva assim como todas as garotas mágicas daquele destino cruel. 

Era meu desejo, tê-la em meus braços, foi exatamente para ter o poder de protegê-la que me tornei uma garota mágica, tudo se resumia a ela. Voltei no tempo tantas vezes para poder salvá-la que talvez tenha corrompido minha própria alma no processo, não era mais humana, não tinha qualquer empatia pelos outros, só queria me sacrificar, tudo pelo seu bem.

Agora, poderia vê-la depois de tanto tempo, mas somente isso não me parecia suficiente. Queria mais, queria me livrar de tudo que pudesse me separar novamente dela, criar um mundo onde ela pudesse viver feliz. Meu maior desejo era ela. 

Assim que pude ver seu rosto acima do meu, seu sorriso radiante, acompanhada da luz que sempre trazia contigo, preenchendo todo o ambiente a nossa volta, não resisti à vontade de agarrá-la.

Sim, aquilo era tudo por você. Foi um erro permitir que me deixasse depois de tanto tempo que sacrifiquei tentando te proteger. Só queria que pudesse recompensar meus esforços, me tirar essa dor que é não tê-la sempre ao meu lado, não pude resistir a puxá-la do céu e, sendo você sagrada como uma deusa, só poderia me equiparar a um demônio por a querer somente para mim.

Eu sou o próprio mal, por destruir seu sonho por conta de meu desejo. Mas tudo isso é sua culpa, por me cativar com seu sorriso, pelo amor que sinto por você. 

Assim como você, alterei as leis do universo a meu bel prazer, pois meu desejo era forte o suficiente para destruir a própria existência. Tudo isso era por você.

No fim, tudo o que eu queria era te manter assim, perto de mim, como a garota gentil e inocente que sempre foi, essa era a sua forma verdadeira e não aceitaria perdê-la novamente. Te manteria aqui, nesse universo reescrito, uma deusa prisioneira de meu desejo egoísta. Nunca mais me sentiria só.

— Madoka — A chamei, agarrando seus dedos cálidos em uma urgência disfarçada. Olhei para seu rosto alegre, encarando o brilho das estrelas acima de nós, ambas deitadas na grama, em um dos pontos mais altos da cidade.

— O que foi? — Me respondeu, também se virando para me observar. Você nunca poderia imaginar o meu contentamento ao ter meu chamado respondido, diferente daquela época.

— As estrelas estão lindas hoje... — Disse simplesmente. — É sempre muito bom vir aqui com você.

— Também gosto de estar com você. — Ela sorriu gentilmente, voltando a olhar para cima. Em um impulso, a garota de cabelos róseos esticou sua mão para o alto, como se quisesse alcançar algo muito além de si. — Sempre que olho para o céu, tenho uma sensação estranha, como se algo tivesse mudado. Como se algo em mim não estivesse certo.

Me aproximei dela, a abraçando com necessidade, assustando-a. Acariciei sua cabeça, observando os laços vermelhos que prendiam seu cabelo, aqueles que tinham sido um dia a minha única recordação de você.

— Não há nada de errado em você. Essa é exatamente quem você deveria ser — Sussurrei a última parte. Nunca mais te soltaria, te manteria assim para todo o sempre, se necessário. 

Dei um breve beijo em sua testa, rindo quando seu rosto se enrubesceu.


Notas Finais


Espero que tenham gostado!
Eu sou apaixonado por esse anime e principalmente por esse ship <3

Queria agradecer à betagem maravilhosa da @DudaMidoriya_02 e à capa perfeita da @DreamerMoon.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...