História .arabella. - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Neo Culture Technology (NCT), Red Velvet, Super Junior
Personagens Chenle, Choi Siwon, Heechul, Irene, Jeno, Jisung, Johnny, Joy, Kim Heechul, Mark, Seulgi, Taeyong, Ten, Wendy, Yeri
Tags Jenle, Johnten, Marksung, Sichul, Taeten, Wengi
Visualizações 58
Palavras 642
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu tô apaixonada por essa foto

Capítulo 9 - .capítulo oito.


Fanfic / Fanfiction .arabella. - Capítulo 9 - .capítulo oito.

.ten.

Depois que cheguei do mercado, corri direto para o quarto de Chenle, abri a porta e joguei os doces e o sorvete em cima da cama, deitei ao seu lado enquanto ele ia fechar as cortinas e apagar luz.

– Encontrei com Johnny no mercado.- soltei e Chenle se virou pra mim com um sorriso malicioso.– Nem vem filhotinho de golfinho.

– Olha o bullying.

– Olhando.- disse e levei uma "almofadada" no rosto.– Agressivo.

– Sou, mas e aí, conversaram?

– Sim, pouco, mas nos falamos. - olhei para a tv onde passava a introdução de um filme antigo, que logo vi ser "Curtindo a vida adoidado", meu filme preferido.– Descobri que ele também gosta de sorvete de flocos.

– Ai, está vendo? Mais uma coisa em comum entre vocês dois. - diz enchendo a mão de m&m's. – Quando eu começar a shippar, não reclame.

– Chenle, menos, ele será meu patrão apartir de amanhã. - bufei. – Mesmo assim, não teria como ficarmos juntos.

– Menino, pensa comigo.- da pausa no filme e se senta de frente para mim juntado suas mãos.– Ele vai ser seu chefe apartir de amanhã e você será o secretário dele apartir de amanhã, imagina que história isso daria, meu anjo. - pega mais balas.– Imagina foder na sa-. O interrompo atordoado.

– Chenle! Olha o quê está falando!

– Não dá para ver o que sai da minha boca, maninho.

– Meu Deus, até outro dia você era uma criança que não sabia direito o que era um pênis, e agora já está falando sobre foder. - sento na cama olhando para um ponto específico na parede, totalmente perdido em meus pensamentos.– Estou ficando velho.

– Aish! Pare de drama! Você têm apenas 19 anos.

– E você 16, não era para falar sobre sexo.

– Okay, okay, vamos mudar de assunto. - disse voltando a ver o filme, com uma feição emburrada no rosto. Parece uma criança.– Mas eu ainda shippo.

– Cala a boca!- jogo uma almofada nele.

×

– Ansioso? - Taeyong perguntando se apoiando no armário ao lado do meu, ele sempre me acompanha até meu armário e até minha sala, isso acontece basicamente desde que viramos amigos.

– Para que? - guardo o livro e bato a porta do armário usando uma força desnecessária, fazendo com que um estrondo seja ouvido.– Merda! - suspirei.– Não, não estou nervoso.

– É, estou vendo.- ri de leve.– Vai dar tudo certo, ser um secretário não parece ser tão difícil.- passa o braço pelo meu pescoço, começamos a caminhar em direção a sala da minha próxima aula.– Quer que eu te leve lá? Estou de moto hoje.

– Pode ser, obrigado.

– Agora vai lá, por que já vai tocar o sinal.

×

Tae para sua moto exatamente em frente a empresa, desço da mesma e lhe entrego o capacete.– Obrigado, sério mesmo.

– Não, precisa agradecer.- sorri de leve, me aproximo dele e o abraço da maneira que posso já que o mais velho ainda estava na moto. Ele retribui e deixa um beijo em minha testa, nos afastamos e olho para o relógio em meu pulso vendo que já estava em meu horário.

– Bom, tenho que ir.

– Boa sorte.- diz e sorri antes de ir em alta velocidade com sua moto, me viro de frente para a grande empresa novamente, suspiro nervosamente e entro, logo parando na recepcionista, digo meu nome e ela libera minha passagem e me diz o andar onde tenho que ir.

Entro no elevador e aperto o botão do nono andar, as portas fecham e logo uma musiquinha chata de ambiente começa a tocar também, ajeito meus cabelos no espelho a minha frente para ao menos tentar melhorar minha aparência e quando o elevador para, sinto o nervosismo tomar conta de mim novamente.

E finalmente as portas se abrem, ando em direção a porta em que a recepcionista disse ser a de Seo, e dou leves batidas na mesma.

– Pode entrar.


Notas Finais


É isto
Até o próximo capítulo.
AH ANTES QUE EU ESQUEÇA
Estou escrevendo uma fanfic de Camren junto com a minha amiga, ela posta no Wattpad através do perfil: @Alefelxx e eu posto aqui


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...