História Arca : Agouro do amanhã - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Originais
Tags Ação, Aventura, Fantasia
Visualizações 2
Palavras 470
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Shounen
Avisos: Álcool, Canibalismo, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Adatriun é um mineral raramente encontrado, logo é de valor inestimável.

Capítulo 2 - O Nobre Baldun


O NOBRE BALDUN

-Qual o seu nome ? Você está bem ? Quantos anos tem !?

-Deixe ela em paz Orion, deve estar cansada!!

-Estou bem, estou viva graças a vocês, obrigado!!

Essa voz doce, cheia de ternura e afago pertencia a Elen, com orelhas quase pontudas e olhos púrpura, não havia muito o que comentar sobre a aparência de Elen, apenas a sua maneira despojada de se vestir, passava a impressão de ser uma camponesa.

-Oque aconteceu ? Por que você foi capturada ? – indagou Orion.

-Eu estava comprando ovos de cocatriz quando senti uma dor na cabeça e acordei amarrada na árvore e vocês lutando... – com dificuldade para falar sobre o incidente ela deu uma longa pausa -Provavelmente eles iriam me vender para algum nobre, novamente agradeço a bondade de vocês. -        

-Ondevocê mora ? podemos te levar até a sua casa...

 -Ótima ideia Rígel!!!

Depois de caminha pela floresta Orion e Rígel chegaram a capital, a capital da província Scarlett era a terceira mais rica de todo reinado, suas ruas eram de pedras colocadas perfeitamente em um formato xadrez, cristais em orbi flutuavam pela cidade passando notícias sobre a atual situação de inferior sul, algo que dizia sobre um confronto. Após Orion se despedir da sua nova “amiga” eles foram de encontro a área nobre da capital, a área nobre eram ornamentadas com as mais belas flores da província, grandes casas feitas em mármore, perfeitamente alinhadas, fontes por todo o lado e no final da rua mais estreita havia um portão...

 -Parece ser aqui, mas não vejo ninguém por perto...

 -Não sei Orion, quais as chances de estarmos atrasados ? 90%? 

-ora ora jovens retardatários, já era hora de aparecer.... 

O portão se abriu e de uma portaria saiu um senhor aparentava ter 70 invernos, andava meio curvado se apoiando em uma bengala, não passava a sensação de ser um nobre e nem intimidação, era só um porteiro.... Caminhando pelo jardim daquela mansão era possível ver o narcisismo do nobre Baldun, os olhos de Orion e Rígel se encheram de brilho pois nunca haviam testemunhado tanta abundancia em ouro, ainda mais em moldes de estátuas, a porta da mansão aparentava tinha cerca de 3 metros de altura, as portas se abriram uma luz refletiu diante dos olhos dos dois....

-Hahahaha. Chegaram os que faltavam!!.

Uma voz embriagada, animada e alta ecoava pelo salão, ele tinha 1,30 de altura, suas vestes eram da mais pura seda, sentado em uma espécie de trono, havia ali uma escada de três degraus para ele alcançar o trono, dois guardas estavam atrás do trono, ambos segurando uma espada.. 

-É HORA DO ANÚNCIO, ALGUNS DIAS ATRÁS ROUBARAM O MEU CÁLICE FEITO DE ADATRIUN, PRECISO QUE PEGEM ELE DE VOLTA, E O CULPADO TRAGAM VIVO, E LHES PAGAREI O SUFICIENTE PARA SUSTENTAR SUAS MISERÁVEIS VIDAS!!!!!


Notas Finais


Obrigado por chegarem aqui


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...