História Are you ready for it? - Capítulo 32


Escrita por:

Postado
Categorias Shingeki no Kyojin (Attack on Titan)
Personagens Annie Leonhardt, Armin Arlert, Bertolt Hoover, Eren Jaeger, Erwin Smith, Farlan Church, Historia Reiss, Isabel Magnolia, Jean Kirschtein, Keith Shadis, Kenny Ackerman, Levi Ackerman "Rivaille", Marco Bott, Mikasa Ackerman, Mike Zacharius, Mina Carolina, Personagens Originais, Petra Ral, Reiner Braun, Rico Brzenska, Samuel Linke-Jackson
Tags Eren, Ereri, Lemon, Levi, Mutante, Supernatural, Yaoi
Visualizações 129
Palavras 1.002
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Luta, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Linguagem Imprópria, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 32 - Brother


Fanfic / Fanfiction Are you ready for it? - Capítulo 32 - Brother

Não muito longe, Eren, Isabel e Petra corriam rapidamente seguindo os rastros de Reiner. Eren corria com toda a determinação que tinha dentro de si, mas não podia negar que estava começando a ficar cansado. Petra e Isabel pareceram notar isso rapidamente.

— Eren, suba nas minhas costas! — gritou Isabel.

Eren hesitou dizendo que conseguia continuar, mas Isabel praticamente o obrigou a subir, ele não discutiu mais e pulou nas costas da felina, Petra subiu também ficando atrás dele, e Isabel finalmente pôde usar sua total velocidade sem precisar esperar por ninguém.

Eren mal conseguia deixar os olhos abertos por causa do forte vendo que batia contra o seu rosto, Petra não se mostrava tão incomodada, parecia já estar acostumada.

— Ele está longe?! — Perguntou Eren.

— Não! — respondeu Isabel — Estamos bem perto deles...

Após dizer essa pequena frase, Isabel foi forçada a parar de correr ao ver outras duas Annies a sua frente.

— Fala sério. — Eren resmungou.

— Vocês vão em frente, eu cuido dessas duas. — Petra disse descendo das costas da irmã.

— Petra? Mas... — Isabel tentou.

— Está tudo bem irmãzinha, vá com o Eren. — Disse sorrindo — Eu dou conta.

Isabel e Eren afirmaram com a cabeça e Isabel continuou o caminho.

— Ela vai ficar bem? — Eren perguntou alto o suficiente para Isabel ouvir.

— Vai sim, se tem uma coisa que minhas irmãs sabem fazer é lutar.

Eren pareceu um pouco mais tranquilo. Enquanto se afastavam, Petra respirou fundo e encarou as duas a sua frente.

— Sabe que seus amigos vão se dar mal, não é? O Reiner é muito mais poderoso que eles. — disse a clone da direita.

— Eren não é fraco, e Isabel não é muito boazinha na forma animal. — Petra comentou sorrindo.

— Eles não chegam aos pés do meu Reiner, querida.

— Seu Reiner? Sua criadora pode não gostar muito disso.

Para a surpresa de Petra, a Annie da esquerda riu de maneira sarcástica.

— Posso saber qual é a graça?

— Oh minha querida — iniciou a da direita — Eu sou um clone, as duas com seus amigos também são, mas ela — apontou para a Annie da esquerda — Ela é a verdadeira, ela nos criou.

Petra não pôde esconder a surpresa, por um momento pensou que era mentira, enganação, alguma distração, mas não era.

— Apenas eu tenho essa tatuagem — Disse mostrando uma tatuagem no pulso claramente feita com ferro quente, era o desenho de uma serpente, e Petra se lembrou que nenhuma das clones tinham essa tatuagem, ou melhor, essa queimadura. Petra então mudou sua expressão sarcástica e ficou séria, então sem mais enrolação, partiu para cima das mulheres a sua frente.

Levi corria desesperadamente em direção aos outros, Bertholdt ficou no prédio com História . No caminho ele fez um desvio e acabou finalmente encontrando a sua casa. E ao longe viu duas pessoas que, ele já sabia que estavam ali pois os outros disseram, mas que mesmo assim ficou feliz em vê-los.

— Jean! Armin! — Gritou chamando a atenção dos dois.

Farlan havia pedido a Jean que ficasse ali com Armin enquanto tentavam achar a História , os dois sorriram ao ver Levi e foram até ele.

— Levi, que bom que está bem. — Jean disse.

— Igualmente, escute, você tem que levar o Armin até a cidade. Fiquem naquele prédio velho no centro, História  e Bertholdt estão lá.

— Graças a deus, História  está... Espera, o Bertholdt está com a História ?! — Pareceu desesperado.

— Está, mas não se preocupe, ele está com a gente agora.

— Você tem certeza que não é um truque dele?

— Tenho, confio nele. Mas vocês tem que ir pra lá agora, eu tenho que ir atrás do Reiner. — disse correndo até a saída.

— Do Reiner?! Você ficou louco?!

— Apenas vá, os outros vão chegar lá assim que eu os encontrar!

Levi continuou o caminho em que estava antes, quando ouviu sons familiares próximos, sons de gelo e cheiro de fogo.

— Erwin! Farlan! — gritou avisando os amigos acabando com as duas clones.

— Levi? O que tá fazendo aqui? — Farlan estava pronto para dar uma bela de uma bronca nele, pouco ligava se Levi era mais velho.

— Não dá tempo de explicar, Eu tenho que... essas duas são a Annie? — Parecia confuso ao ver uma Annie carbonizada e uma congelada. — Tá, depois vocês me contam, pra onde o Reiner foi?

— Naquela direção, Eren e as meninas foram atrás dele. — Erwin falou.

— Certo, vocês dois voltem para aquele prédio velho, e me esperem lá.

— Voltar? Mas e o...

— Vão! Bertholdt vai explicar a vocês. — disse correndo na direção que Erwin disse.

— O Bertholdt?! — Disseram os dois mais novos.

— É, o Bertholdt! Agora vão!

Se afastando novamente, Levi acabou encontrando Petra na floresta, e pelas feridas em seu corpo estava nítido que aquela era a Annie Real, uma outra já estava caída no chão com os ouvidos ensanguentados, certeza que Petra usou o seu grito, antes que Levi pudesse impedir, Petra agarrou Annie pelo cabelo, a arremessou no chão e deu uma forte pisada em seu estômago fazendo com que ela vomitasse sangue e imediatamente perdesse a consciência.

— Petra, não!

— Levi? O que você...?

— Ela... está morta? — Levi parecia aflito.

— ... Parece que sim... algum problema?

— Petra, não posso explicar agora, vá até o prédio velho no centro e fique com os outros, eles vão te explicar.

— Mas...

— Apenas vá... por favor.

Petra viu que, seja lá o que for, era sério, então ela consentiu, Levi lhe deu um beijo sereno na testa e correu em frente enquanto Petra voltava.

Isabel sentiu o cheiro de Reiner muito mais perto deles, ao chegarem em uma clareira pararam de correr, Eren e Isabel viram Reiner voltando em suas direções.

— Reiner... — Eren murmurou.

— Olá. — disse sorrindo.

— Por que voltou? — Isabel parecia desconfiada, a felina notou uma pequena cabana velha um pouco escondida nas árvores. — O que tem ali...

Isabel de repente foi jogada com violência para trás por uma sombra. A garota caiu inconsciente no chão e Eren sentiu o desespero tomar conta de si ao ver que ela voltou a sua forma humana mas não se levantou.

— Isabel!


Notas Finais


Tá fudido, meu parceiro


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...