História Are you really happy? - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Texto
Visualizações 2
Palavras 374
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Droubble

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Desculpem os erros!
A imagem da capa é minha :3
(quero usar fotos (nas histórias originais) para a capa tiradas por mim)

Boa leitura!!

Capítulo 1 - Our mask


Cada gota de álcool era um escape. Cada gota de álcool era uma esperança de que o álcool no sangue conseguisse levar cada dor guardada, cada vazio, cada coisa acumulada. Mas o álcool acaba, as risadas causadas pelo efeito acabam, a segurança causada pelo álcool acaba, tudo acaba tão rapidamente que você nem percebe.

A verdade é que somos jovens absurdamente vazios, tentando esconder isso naquela nossa máscara de adolescentes zoeiros, engraçados e desenrolados.

O cigarro vai apagar, a fumaça irá e sumirá lentamente como cada esperança nossa.

Mas não se preocupem, vamos estar lá com nossas máscaras intactas de sorrisos bonitos, enquanto o furacão dentro de nós destrói tudo lentamente.

Somos ridiculamente impulsivos, fazendo tudo que queremos sem pensar nas consequências, sem tentar ver o outro lado da moeda, afinal, só nós estamos certos.

Mas os impulsos geram consequências e machucados na alma, talvez não em você, mas sim em alguém próximo

Estamos sempre no 8 ou 80, ou machucando alguém pelo impulso, ou nos ferrando por alguém, pelo mesmo motivo. Porque ta tudo bem você se machucar, tudo bem te machucaram e te deixarem de lado se a outra pessoa estiver feliz. Mas me diz, fariam o mesmo por você? Valeu a pena abrir mão de várias coisas por alguém que nem tá mais aí contigo? Ou que nem se importa contigo?

Mas tudo bem, você pode gritar alegremente, rir escandalosamente, beber até cair e fumar até os pulmões virarem cinza. Você pode magoar alguém com suas atitudes e palavras diversas vezes, só porque o impulso falou mais alto, e você pode falar que você está bem e que nada te machuca. Está tudo bem, e agora você pode colocar sua máscara de indiferente, falar para os outros e para si mesmo que determinadas coisas não te machucam, e que você ta "seguindo o baile". Está tudo bem, eu também faço isso.

Mas agora o copo da bebida está vazio, e eu estou tão vazia quanto ele. Pois é, aquela breve felicidade foi embora, tão rapidamente quanto a luz no fim do túnel, um flash curto, que eu nunca consegui seguir, apenas me perder mais.

Mas os sorrisos continuam intactos em nosso rosto, e você transborda felicidade por ai, mas, bem, Are you really happy? (Você é realmente feliz?)



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...