História .Arella Rhovanion - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Arella, Luta, Mãe Da Ravena, Magia, Mistério, Ravena, Trigon Castelo
Visualizações 11
Palavras 527
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror, Violência
Avisos: Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 16 - Capitulo 16 -Ultimo Capítulo


-eu sou imortal --Ravena segurou na espada, e chutou o rosto de Trigon, dando impulso e fazendo ele ele soltar a espada.

Ravena deu um mortal pra trás, e caiu de pé, mas teve que se ajoelhar, afinal tinha uma espada em sua barriga. Olhou o ferimento, e viu que precisava de alguns minutos. 

Arella vendo aquilo, pegou a sua espada e foi ganhando tempo para Ravena.

A mesma respirou fundo, segurou na espada novamente, e a puxou com força, fazendo ela cuspir mais sangue, e a sangrar mais o ferimento. Jogou a espada de lado, colocou a mão na barriga, que se regenerava. 

Levantou, pegou sua espada, e foi em direção a Trigon. Ele estava virado, então aproveitou e pulou em suas costas, colocando as presas para fora e cravando os dentes em seu pescoço.


-Aaah!! -Trigon gritou de dor.


Ele pegou Ravena pelo pescoço, e a jogou contra a parede. Virou para Arella e a pegou no pescoço também.


-eu devia rancar seu pescoço também! Mas vou deixa-la ter uma morte lenta...


Com sua espada, perfurou Arella igualmente a Ravena. De fora a fora, girou a espada dentro de Arella, fazendo um buraco enorme em sua barriga.

Ravena sem hesitar, pegou sua espada e teleportou do lado de Trigon, e cortou o braço que segurava o pescoço de Arella, fazendo jorrar sangue, respingando muito Ravena.


-Sua desgraçada! --ele tirou a espada de Arella e revidou contra Ravena, que defendia.

Numa oportunidade, Ravena deu lhe uma rasteira, derrubando Trigon, e o perfurando também, girando bem mais a espada.

Ofegante, correu até a mãe, que estava caída.


-MÃE! Mãe...

-q... Querida...

-voce não vai se regenerar??

-o corte...foi muito... Profundo...


Lagrimas caíam aos montes dos olhos de Ravena.


-então...vai morrer?

-é a vida...


Ravena deitou no peito da mãe, por uma ultima vez. As lagrimas, pingavam, e o sangue de Trigon presente em Ravena, manchava o vestido de Arella.


-Ravena! --Diana gritou.


Ravena levantou a cabeça, ainda chorando.


-D-diana...?

-tome --ela entregou uma pequena bolsa a Ravena.

-pra que?

-vá --Diana abriu um portal.

-c...como...?

-VÁ LOGO!


Ravena olhou para o corpo da mãe, que ainda tinha resquício de vida. Pegou a bolsa, e antes de entrar no portal, olhou para trás novamente, e Arella sussurrou um "eu te amo".

Ravena entrou no portal, que se fechou logo apos.

Diana pegou o corpo de Arella, agora, sem vida,e abriu outro portal.


Os portais de eram diferentes. Diana foi para Azarath, que havia sido reconstruída a muito custo.

Ravena veio para a Terra.

Caiu na frente de uma cabana na floresta. Decidiu bater. Foi atendida por uma senhora. 

Nunca lhe disse suas origens. Apenas vivia ali. Comiam o que plantavam, tinham agua do poço.

No ano de 1.639, viu reis e rainhas caírem, pragas, guerras, doenças devastar cidades inteiras, evolução da raça humana... 

4 anos depois, a senhora morreu. Ravena tinha, nessa época, 16 anos.

Viveu, amou, e é mais velha que qualquer um na Terra.

Ravena ficou muito triste com a perca da senhora. Mas decidiu que era hora de sair, e conhecer o mundo.

Aprendeu feitiços, e foi assim, que controlou todo o ódio dentro de si, por ser um demônio e ver sua mãe morrer. Lembrou que no dia de seu aniversário, não houve festa, e foi o último dia em que comeu o bolo que só sua mãe sabia fazer.






Fim.


Notas Finais


Pois é, mais essa chegou ao fim.
Agradeço aos favoritos, e aos comentários que me inspiraram a continuar.❤

Espero que tenham gostado❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...