1. Spirit Fanfics >
  2. Arkios High - A Lua de Sangue (Imagine Bang Chan) >
  3. O Pesadelo

História Arkios High - A Lua de Sangue (Imagine Bang Chan) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Olaris meus amores <3

Finalmente voltei, e tô repostando a minha fic. Espero que gostem!

Boa leitura ^-^

Capítulo 1 - O Pesadelo


Fanfic / Fanfiction Arkios High - A Lua de Sangue (Imagine Bang Chan) - Capítulo 1 - O Pesadelo

Kim Minkyung

                            04 de Fevereiro de 2018 Busan, 06h48

 

Me levanto da cama e olho pra o lado, uma garotinha de longos cabelos negros e pele pálida me chamava, ela é exatamente igual a mim, mas só que bem mais nova. Ela me chama com sua voz doce e aguda e me encara com um olhar assustado. Diz que está com medo. 

Vou em direção para a janela e toda a área de fora da casa está completamente encoberta por uma névoa cinza, escura como foligem, a única coisa possível ver nitidamente é a Lua, vermelha, tão vermelha como sangue.

Eu saio do quarto, o meu antigo quarto, de quando eu era criança, junto com a garotinha.

O corredor tinha um caminho de pétalas roxas, e seguimos esse caminho até o quarto dos meus pais. E assim que abro a porta, a garotinha se desfaz em poeira. 

Assim que dou um passo para dentro do quarto, sinto um líquido sobre meus pés. Era sangue, mas não qualquer tipo de sangue, era sangue de bruxa.

Sigo o rastro que o sangue fresco havia deixado no chão. E encontro minha mãe e minhas irmã todas mortas, cheias de ferimentos e queimaduras por toda a extensão de seus corpos.

Olho para o outro lado do quarto, e meu pai estava lá, totalmente sujo com o sangue delas, com o olhar fixo a janela do quarto.

Eu tento gritar, mas não sai nenhum som de minha boca.

Ele se vira e se aproxima de mim, seus olhos eram completamente negros e opacos, segurava um isqueiro eu suas mãos. 

— A próxima será VOCÊ! 

Σ


MK - AAAAAAAAAAH – Eu levanto da cama bruscamente.

HW - MINKYUNG?! – Tia Hwasa entra no quarto desesperada. – O que aconteceu? 

MK: Tia... E-eu... – Minha voz estava trêmula. 

HW: Você teve aquele sonho de novo não foi? – Eu só balanço a cabeça que sim. – Veja está suando – ela seca a minha testa com as mãos.

MK: Aish... Estou tendo esse sonho quase toda noite. 

HW: É melhor ficar atenta Minkuyng, sempre que isso acontece o seu pai volta atrás de você. 

MK: Eu sei tia... – Eu levanto da cama e vou procurar uma roupa para me trocar.

HW: E você sabe que agora eu não vou mais estar pra te ajudar. – ela se senta na cama me encarando.  – Por isso eu quero que você vá para Arkios High, você vai ficar bem mais protegida lá do que comigo. 

MK: Eu entendo que você quer me proteger tia... Mas ele ainda pode ir atrás de mim que qualquer jeito. – Eu pego algumas peças de roupas e jogo para Hwasa.

HW: Min... Eu sei disso... – ela coloca as roupas sobre a cama e vem até mim. – Mas você vai estar muito melhor junto lá, estará cercada de pessoas como você. – ela coloca as mãos sobre meus ombros. – Você é especial meu amor, e garanto que você vai ficar bem.

MK: Tudo bem Tia... – ela dá um beijo na minha testa. 

HW: Agora tome um banho, se troque, que eu vou preparar o seu café. – ela vai até a porta do quarto. – Que daqui a pouco vamos pra estrada. – ela sai fechando a porta do quarto.

Vou para o banheiro faço minhas higienes, tomo um banho e coloco um vestidinho leve branco com uma jaqueta de couro um pouco maior que o meu tamanho e calço um all star preto de cano médio. Penteio meu cabelo e prendo metade dele e um rabo.

Olho pra a cabeceira da minha cama e vejo pendurado o colar que minha mãe me deu antes de morrer. O colar era de prata e tinha um pingente feito de ametistas que formavam uma rosa perfeita.

Pego o colar e o coloco dentro do bolso da minha jaqueta e vou em direção a cozinha, onde minha tia já estava me esperando para tomar café. 

Assim que terminamos, pego minhas malas e coloco no carro, e depois de umas três horas de viagem floresta a dentro chegamos nos portões de Arkios High.


Arkios High, 10h34


Havia muitos alunos chegando, alguns com os pais, outros sozinhos, sobrenaturais de todo o tipo, fadas, lobos, vampiros, bruxas, anjos, demônios, híbridos. Alguns nascidos em Arkios, mas a grande maioria tinham nascido no mundo humano. 

Todos esses seres que sempre ficam escondidos entre humanos, podendo se libertar e revelar quem realmente são: sobrenaturais

Minha tia me ajuda a tirar as coisas do carro e me leva até a escadaria do prédio.

HW: Boa sorte minha querida!

MK: Bom, acho que eu vou precisar. – ela dá uma pequena risada abafada. 

HW: Até Julho! – ela me abraça forte. 

MK: Até tia! – eu retribuo o seu abraço.

Ela vai embora de carro acenando pra mim. E a vejo desaparecer ao longe. 

MK: Bom... 

Eu pego minhas coisas do chão e vou adentrando ao prédio.

MK: Vamos lá! 




CONTINUA...







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...