História Arlequina e Coringa - Louco Amor (Segunda Temporada) - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Arlequina (Harley Quinn), Asa Noturna, Batman, Esquadrão Suicida, Hera Venenosa, Liga da Justiça, Mulher Gato, Mulher Maravilha (Wonder Woman)
Personagens Coringa (Jack Napier), Harleen Frances Quinzel (Harley Quinn / Arlequina)
Tags Arlequina, Coringa, Harleen Quinzel, Harley, Harley Quinn, Jarley, Joker, Mad Love
Visualizações 113
Palavras 531
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hii loves turu bom? Espero que sim
.
.
Bjos e boa leitura :3

Capítulo 3 - Vazio


Fanfic / Fanfiction Arlequina e Coringa - Louco Amor (Segunda Temporada) - Capítulo 3 - Vazio

Arlequina on:

Acordei ainda assustada pelo pesadelo de ontem a noite, e o Puddin já saiu. 10:00 AM. Eu não sei, só sinto um vazio.. um vazio enorme.. porque esse sonho? Eu sonhei que tinha uma filha, que o Puddin era carinhoso comigo.. um sonho bom, mas depois.. minha filha morre e eu matei o Puddin.. esse sonho significa algo? Não, não pode ser. Não pode significar nada. Se, algum dia, eu vier a ter uma criança, eu vou proteger com unhas e dentes, nada vai acontecer com a criança. Mas eu provavelmente não terei filhos... Mas chega. Chega de pensar nisso.

Fui tomar um banho e depois fui almoçar. Sozinha, pra variar... Mais um dia entediante aqui nesse lugar... Não posso sair, não posso fazer nada... Subi para o quarto, vou praticar minha ginástica que eu ganho mais. Fiquei lá até meu celular tocar, fiquei esperando chegar na parte que eu gosto do toque.

[Gangsta]

I need a gangsta To love me better Than all the others do To always forgive me Ride or die with me That's just what gangsters do I'm fucked up, I'm black and blue I'm built for it, all the abuse I got secrets, that nobody, nobody, nobody knows I'm good on, that pussy shit I don't want, what I can get I want someone, with secrets That nobody, nobody, nobody knows I need a gangsta To love me better Than all the others do To always forgive me Ride or die with me That's just what gangsters do My freakness is on the loose And running, all over you Please take me to places That nobody, nobody goes You got me hooked up on the feeling You got me hanging from the ceiling Got me up so high I'm barely breathing So don't let me, don't let me Don't let me, don't let me go

Pronto já ouvi a música, agora posso atender. Preciso perder essa mania.

Ligação on

-Harleen

-Oi, Rebecca.

-Por que demorou tanto pra atender? Tava tendo um filho?

-Calma, sua louca. Tava esperando chegar na parte que eu gosto do toque.

-Ah, a madame não pode ouvir música outra hora? Tem que ouvir o toque quando eu ligo?

-Sim. Não é nada urgente.

-E se fosse?

-Mas não é.

-Tá bom você venceu. Só queria saber se você tá bem.

-Sim, estou bem. Você me liga praticamente todos os dias pra perguntar se eu estou bem.

-Você mora com um psicopata, então, né.. eu fico preocupada.

-Ele não me faz mal. Pode ficar tranquila.

-Tá, mas eu não posso evitar a preocupação.

-Minha irmãzinha de sempre..

-Sim. Não vou mudar. Te acostuma, que eu vou continuar fazendo isso.

-Ai aí, estou perdida..

-Ha ha ha, palhaça. Bem, agora eu tenho que desligar, tenho que voltar às aulas.

-Ah é, você tem alunos, professora Rebecca. Tchau, beijo.

-Beijo.

Ligação off

-Irmã? 

-Puddin... eu..

-Tá, cala a boca.

-Não está bravo?

-Tanto faz você ter, não ter uma irmã.. desde que ela não me atrapalhe.

-Será que.. eu posso sair amanhã?

-Pra onde e com quem? Se for com aquela erva daninha e a gata traidora, esquece.

-O que você tem contra minhas amigas? Ah, tá, deixa pra lá. Com a minha irmã.

-Desde que não me atrapalhe.

-Te amo muito Puddin.

Passamos o resto do dia assaltando bancos, explodindo coisas e depois voltamos pra "casa" finalmente dormir..


Notas Finais


Então é isso espero que tenha gostado
.
.
Deixem opiniões, sugestões♡
.
.
Capítulo curtindo hoje, Sorry.
.
.
Gentee eu comecei a escrever sobre BatCat, se alguém quiser ler tá aqui o link:
https://www.spiritfanfiction.com/historia/gatos-e-morcegos-amor-e-odio-13026403
.
.
Bjosss e tchaau 💋


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...