História Arranjado - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Got7
Personagens Jackson, Mark
Tags Markjack, Markson
Visualizações 20
Palavras 250
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drabble, Slash, Universo Alternativo
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Palavra chave: No



Não, não deu certo. 

Não, não consegui amá-lo.

Não, ele também não teve culpa.

E não, não houve um sim.

Nada segue a regra imaginária, um dia estou vivendo, no outro casado, é financeiro, é por egoísmo, é problemático, é para amá-lo. Principalmente problemático, pois não existiu felicidade, atração, eu não me senti entorpecido e também não esqueci o contrato assinado.

Não deu certo, não sou ômega dependente, ele não é o alfa protetor e possessivo. Não exija posturas quando nada disso é consentido. Houve estresse o tempo todo, ele calou-se e eu chorei quase todo dia. Porque não é para ter amor ali, pois nada que é forçado funciona. Eu não o via, eu não sabia o que fazer, tive medo, ele se trancou no quarto e encontrou depressão. A situação nunca melhorou e nós nunca tivemos outra opção.

Geralmente o fim é a separação e o debate sobre o egoísmo e onde ele pode chegar. Casamento arranjado acontece em famílias quebradas, então nada sólido pode vir disso.

Consentimento nunca vem acima dos interesses, e por isso a palavra chave é não, quando passam por cima dos seus limites, do respeito, é não, sempre. 

Talvez pudéssemos ter algo se assim fosse de ser, um encontro casual, uma descoberta nova vinda de uma pessoa sorridente. Talvez eu gostasse dele num outro momento, talvez nos casássemos. Se houvesse chance, se houvesse sim. Mas fomos quebrados, nunca houvera perguntas, apenas exigências e frieza. Nunca houve respeito, então nunca haverá um amor que floresça neste tipo de solo radioativo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...