História Artificial Love - Imagine Park Chanyeol (EXO) - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Lay, Personagens Originais, Sehun, Suho, Xiumin
Tags Chanyeol, Exo, Imagine, Kpop
Visualizações 323
Palavras 1.490
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Famí­lia, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Aaaaah Meus amoreeeesss! Desculpa pela demoraaa.

Eu naoestava comseguindo pensar em nada legal para escrever, mas finalmente eu conseguii!!

Espero que gosteeeem



AAAH E OBRIGADA DE VERDADE PELOS MAIS DE 60 FAVORITOS EU AMO VOCÊS!

Capítulo 9 - The party Pt2


-MININA NEM ACREDITO! - Grita Chen

-Que foi? - pergunto levemente confusa- Você sabe muito bem que nós temos que fingir que somos apaixonados e coisas melosas desse gênero. - reviro os olhos.

-Ta, eu sei! Mas não gostei do jeito que ele te tocou! Quem ele acha que é? - Chen (como já deve ter dado para perceber) ficou muito bravo. - Enfim, tente evitar de fazer isso de novo. - Ele fala com um bico nos lábios.

-Ta bom neném! - Falo bagunçando seu cabelos macios e ele revira os olhos em reposta.

Eu rio um pouco e nós fomos curtir a festa junto com o resto do pessoal.

Kai e Myung Hee ficaram se pegando a noite toda.

Baekhyun bebeu pra caralho e acabou pegando o Sehun, um dos amigos do Chanyeol que também estava muito bêbado.

E eu? Bom, eu tive que ficar ao lado de Chanyeol o tempo inteiro.

4:00 de manhã - Fim da festa

Todos já haviam ido embora, a casa estava uma bagunça só, Chanyeol tinha bebido mais que um alcoólatra que perdeu a família... Tá, também não é pra tanto, mais ele bebeu muito mais que o normal e estava totalmente alterado.

Nesse exato momento eu estou completamente sozinha com um homen que está cobrando aluguel de TODAS as plantas da casa. Alguém me ajuda.

-Ya! - Ele do nada aponta pra mim e vem andando meio caindo até que para em minha frente. - Você... é muito bonitinha! - Ele fala meio embolado e aperta minhas bochechas.

-Eu hein! Tá doido Chanyeol? - Falo tirando suas grandes mãos de meu rosto

-Eu não! Você que está! - arqueio uma de minhas sobrancelhas. - Porque continua me chamando de Chanyeol ou Park? Já temos intimidade suficiente para me chamar de Chany ou... Oppa? - Depois que ele fala isso ele cai no chão. Puta merda.

-Olha eu não sou babá pra cuidar de criança bêbeda, mas hoje vai ser uma exceção. 

Eu vou até ele e passo seu braço por cima dos meus ombros. Depois de muito esforço eu consigo bota-lo de pé e nós vamos em direção à escada

-Por que que o quarto tinha que ser na merda do segundo andar? - Me lamento em voz alta e ele parece achar graça da minha desgraça, pois vejo ele abrindo um sorriso. - Tá achando graça é? Imagina se fosse você tendo que carregar alguém quase duas vezes do seu tamanho e bem mais pesado também? Não ia achar graça né?! - Acho que ele ficou com um pouco de medo pois na mesma hora vejo aquele sorriso se desfazer.

Demorou um pouco mas eu finalmente consegui subir com ele até o quarto. Como ele já estava sem sapato mesmo eu só o jogo na cama.

-Pronto, já fiz mais que o suficiente! - Quando me viro para ir embora sinto uma mão em meu pulso, que me puxa me fazendo deitar na cama.

-Ya! O que você acha que está fazendo? - Falo olhando para o moreno que estava deitado ao meu lado.

-Fica aqui comigo. - Assim que ele termina de falar passa seu braço por cima de minha cintura, me impossibilitando de me levantar.

Eu suspiro e já que eu estava com dor de cabeça por causa da bebida, decido que iria ficar ali mesmo.

A luz do sol, batendo em meu rosto, como se estivesse falando para que eu acordasse.

Acordo meio tonta e estranhando um pouco o local. Lembro-me que havia mudada de casa.

Percebo que eu não estava sozinha. Haviam mãos ao redor da minha cintura. 

Quando me toco que... eu e Chanyeol dormimos de conchinha, e somente com as roupas de piscina de ontem.

-AAH! - Eu grito assustada quando me toco do que estava acontecendo fazendo com que Chanyeol caísse da cama também gritando.

-AAAH O QUE TA ACONTECENDO?! - Ele grita assim que levando do chão me olhando com uma certa raiva por eu ter o acordado e o feito cair.

-POR QUE VOCÊ ME PUXOU PARA DORMIR COM VOCÊ ONTEM? 

-EU NÃO FIZ ISSO, VOCÊ QUE DEITOU COMIGO! 

-ATA, COMO SE FOSSE EU A BÊBADA QUE ESTAVA COBRANDO ALUGUEL DE PLANTAS! - Ele me olha com a cara um pouco mais séria 

-Eu fiz isso? - Assinto com a cabeça. - Que idiota. 

-Foi o que eu me disse ontem. 

-Ah tá tá! Agora sai do quarto que eu quero trocar de roupa! - Ele fala me empurrando pra fora do quarto e fecha a porta na minha cara.

-Grosso. - Falo para mim mesma e reviro os olhos.

Eu desço as escadas e vou em direção à cozinha preparar algo para eu comer de café da manhã.

Chego na cozinha e começo a fazer um shake de leite com morango e uma salada de frutas.

Pov’s Chanyeol on

-Caralho, não acredito que eu dormi na mesma cama que ela que eu estava a abraçando de costas! - Falo pra mim mesmo assim que saí do banheiro indo para o quarto trocar de roupa. - Não vou negar que ela fica mais que bem somente de biquíni... -continuo - Não, Não, o que eu to falando? - Me dou um leve tapa no rosto.

Começo a me vestir e escuto o barulho do liquidificador. 

-Yey comida! 

Visto uma blusa preta e uma bermuda branca e desço meio que correndo, pois estava com fome.

Quando chego na cozinha vejo S/n sentada na bancada de costas para mim.

-O que você fez para o café? - Falo animado e passo meu braço por cima do ombro dela. Ela me olha e logo tira meu braço dela.

-Para você nada. - Diz simplista.

-Nossa nem pra fazer algo pro marido comer. - falo e reviro os olhos.

-Não é como se eu quisesse ter casado com você. - Ela me responde sem nem mesmo tirar os olhos de sua salada se fruta. Percebo que ela estava bebendo um shake de morango que já estava no final. 

Eu olho para ele, olho para ela, olho para o shake de novo e pego ele fazendo a garota falar um “Ya!”, eu rio e começo a bebe-lo. 

-Aish! Podia pedir que eu fazia um pra você. - A olho ainda com a bebida na boca e logo em seguida ela acaba, fazendo com que eu colocasse o copo de volta na bancada.

-Sério? - Pergunto animado.

-Antes era, mas já que você decidiu beber o meu, tirou a minha boa vontade. - Ela fala, se levanta e vai andando em direção à área da piscina

-Aaaah, por favorzinho? - Falo entrando em sua frente e fazendo um bico em meus lábios. Vejo ela sorrindo de lado.

-Eu faço. - Me animo, mas logo isso é estragado. - Mas tem um preço.

-Qual? - pergunto e arqueio minhas sobrancelhas.

-Terá que fazer aegyo - Ela me olha agora com o sorriso completo.

-Ah, sério isso? 

-Se você não quer, então tudo bem. - Ela volta à andar mas eu paro ela.

-Tá, tudo bem, o quer que eu faça.

-Mmm.. - Ela para por uns estantes para pensar. - Já sei! Aquele em que você fala que sonhou com um fantasma! 

Reviro os olhos e falo arrancando muitas risadas da garota.

-Pronto, satisfeita? - pergunto com uma cara de tédio.

-aham - ela me responde ainda rindo um pouco. - Você vai querer de que? - Me pergunta voltando para a cozinha.

-O mesmo que o seu. - Fala e a observo fazendo o shake.

Algum tempo depois ela termina.

-Pronto, toma! - Ela me dá e eu agradeço - Se me dá licença eu cou tomar banho. - Ela fala e se retira me deixando lá sozinho, o que me dá uma ideia.

Pov’s S/n On

Eu subo e vou tomar banho já que não havia tomado desde ontem.

Demoro algum tempo na banheira, termino tudo o que tinha fazer, saio do banheiro aproveitando que tinha trancado a porta do quarto, para me trocar no quarto.

Boto um short de moletom talvez um pouco curto e preto com uma listra branca nos lados e um blusão também preto. 

Quando estava penteando meu cabelo escuto algumas vozes vindas lá de baixo. Termino o que estava fazendo e vou o que estava acontecendo.

-S/n! - Vejo Baek que vem até mim e me da um abraço.

-Hã.. o que tá acontecendo? - pergunto confusa.

-Eu estava sem nada pra fazer e decidi que ia chamar os meninos ué - Chanyeol me responde como se fosse algo óbvio.

-E porque você veio com eles? - pergunto agora olhando para baekhyun.

Vejo ele ele o olhar para baixo e coçar a cabeça, logo em seguida olha para Sehun que desvia o olhar.

-MENTIRA? - Abro a boca em um “o” perfeito. - AAAAH AMEI!! - Falo logo abraçando o mesmo e fazendo com que todos que estavam ali rissem.


Notas Finais


Desculpem qualquer erro!

Até o proximooo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...