1. Spirit Fanfics >
  2. Artificial Love-Byun Baekhyun (EXO) >
  3. Ciumes em dose dupla;

História Artificial Love-Byun Baekhyun (EXO) - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Desculpe pelo capítulo minúsculo novamente ;-;

𝐵𝑜𝑎 𝑙𝑒𝑖𝑡𝑢𝑟𝑎 𝑚𝑒𝑢𝑠 𝑎𝑚𝑜𝑟𝑒𝑠♡



•𝙰𝚒𝚗𝚍𝚊 𝚗𝚊𝚘 𝚏𝚘𝚒 𝚛𝚎𝚟𝚒𝚜𝚊𝚍𝚘.

Capítulo 3 - Ciumes em dose dupla;


Fanfic / Fanfiction Artificial Love-Byun Baekhyun (EXO) - Capítulo 3 - Ciumes em dose dupla;

"𝐴𝑐𝑜𝑒𝑠 𝑑𝑒𝑠𝑎𝑗𝑒𝑖𝑡𝑎𝑑𝑎𝑠 𝑛𝑎𝑜 𝑝𝑜𝑑𝑒𝑚 𝑟𝑒𝑝𝑟𝑒𝑠𝑒𝑛𝑡𝑎𝑟 𝑡𝑢𝑑𝑜 𝑜 𝑞𝑢𝑒 𝑝𝑎𝑠𝑠𝑎𝑚𝑜𝑠,𝑒 𝑛𝑒𝑚 𝑡𝑢𝑑𝑜 𝑜 𝑞𝑢𝑒 𝑠𝑒𝑛𝑡𝑖𝑚𝑜𝑠".(𝑆𝐸𝑉𝐸𝑁𝑇𝐸𝐸𝑁-𝐴𝑑𝑜𝑟𝑒 𝑈)

                                  ⇻⇺

𝐶𝑜𝑛𝑡𝑖𝑛𝑢𝑎𝑐𝑎𝑜...

                                  ⇻⇺

--Sim...-Abaixei minha cabeça,aguardando seu descontrole,acompanhados de sermões.Mas nada aconteceu;Eu o olhei novamente,e ele apenas estava com seus olhos semi fechados,aparentemente,se controlando para não socar qualquer pessoinha que passasse.

--Eu juro que mato ele algum dia.

--Vai em frente.-Eu ri,e ele suspirou.

--Olha,eu vou dar um jeito de nós nos encontrarmos,para eu te contar o que eu por enquanto descobri,aqui realmente não dá.

--Tá.

--Vamos voltar,e haja naturalmente.

--Certo.

[...]

--Onde vocês dois estavam?-Perguntou Chanyeol,parecendo um pouco incomodado com a situação,por fim,dando um gole na champanhe.

--A gente estava...é...-Minha palavras de repente se prenderam em um bloqueio estupidamente desnecessário naquele momento.

--Pegando alguns drinks.-Respondeu Baekhyun em meu lugar.

--É,fomos pegar drinks!-Confirmei na cara de pau.

--E onde estão os drinks?-Chanyeol perguntou,enquanto encarava nossas mãos,que não seguravam literalmente,nada.

Como somos burros!

Eu encarei Byun rapidamente,esperando que ele inventasse logo uma desculpa.

--Nós já bebemos.-Respondeu Baek,sendo exuberantemente simplista e calmo.

--Tá...mas enfim,S/n meu amor vamos indo?-Baekhyun o fuzilou,como sempre.

--Mas já? Está tão cedo...-Olhei de relance para Byun que me olhava com esperança em seu olhar.

--S/n,já são quase duas da manhã.

Em meu ponto de vista,Chanyeol estava mesmo era incomodado,ou confuso,pelo fato de eu e Baekhyun estarmos tão íntimos,para uma "primeira vez".

--Nossa...nem vi quando o tempo passou...mas...não podemos ficar mais um pouco? Eu realmente não quero ainda voltar para casa.

--Sinto muito amor,mas eu trabalho cedo amanhã.-Chanyeol respondeu,mas deu para notar a sua parcela de ríspidez.

--Ele tem razão senhorita S/n.-Olhei Baekhyun incrédula-Amanhã teremos muitos empresarios vizinhos para receber,e Chanyeol sendo o dono,tem que ser mais pontual do que todos os outros funcionários da empresa.

--Tudo bem...-Fiz beicinho,acompanhado de uma enorme expressão emburrada.

Que  cara mais chato!Eu só queria passar um tempo com o meu Byun oras!

Antes que eu pudesse me despedir de Byun,ele discretamente,colocou um pequeno pedaço de papel em minha mão e a fechou,logo depois,me lançando uma piscadela.

[...]

Ver o meu Baek indo embora para uma direção oposta da minha,fez um buraco em meu coração;Me doeu muito,de verdade.

Eu e Chanyeol adentramos o carro,e ele logo deu partida.

[...]

Quando chegamos na casa,eu me tranquei no banheiro,liguei a ducha,e deixei a água cair,para que Chanyeol pensasse que eu estava no banho;Mas na verdade,não.Era apenas uma distração para que eu conseguisse analisar o papel que Byun me entregara.

Dentro do mesmo,estava anotado o seu novo número de telefone;

--Vou ligar é agora mesmo!

Disquei os números,e me empolguei quando ouvi seu "Alô?"

Na ligação,ele havia me explicado o que eu teria que fazer para conseguirmos nos encontrar amanhã;Aparentemente eu teria que falar para Chanyeol que eu iria dormir na casa da irmã que eu nem sequer tinha,assim ele me encontraria e eu passaria a noite no apartamento no qual ele está vivendo aqui em Seul.

De início eu não fiquei muito segura de que iria dar certo,mas depois percebi que não contia nenhuma idéia melhor.

Me levantei do chão frio,e desliguei o chuveiro,já com o roupão para não deixar suspeitas.

--Ah,aí está você. -Chanyeol apareceu em minha frente ao abrir a porta do banheiro.

--Eu estava no banho oras...

--Sim,eu vi,mas...ué,você nem sequer está molhada.-Ele franziu o cenho desconfiado.

--É que eu me seco muito bem.-Menti.

--É deve ser...-Ele de repente agarrou meu rosto com suas grandes mãos,e selou nossos lábios.

Eu correspondi,não tendo escapatória;Mesmo eu não gostando de Chanyeol,eu não podia me enganar,o cara realmente beijava bem.

Suas mãos começaram a alisar minha cintura,que logo foi descendo até minha bunda,dando leves apalpadas na mesma.

--Eu...eu preciso me trocar Chanyeol...-Disse tentando me afastar;Qualquer desculpa seria bem vinda naquele momento.

--Qual é amor,pare de dar desculpinhas e deixe-me te foder logo!-Senti um alito de bebida sair de sua boca;Não que eu me importe,mas desde quando Chanyeol fuca bebado?

--Chanyeol...-Me separei dele,que logo fez uma expressão de raiva.

--Por que você não me deixa te tocar?! Eu sou teu namorado porra!-Me segurei para não o agredir ali mesmo-Você é minha namorada,e eu tenho direito de transar com você!-O encarei sem expressão.

Cara machista ele,não?

--Affe que se dane também!!-Ele saiu da casa,e só o barulho do carro sendo ligado foi escutado.

--Que cara mais escroto-Dei de ombros-Mau sabe que eu cago para o que ele diz.Tomara que Baekhyun deforme a cara desse trouxão iludido aí!-Caminhei até o quarto,me deitei extremamente calma,e por fim,adormeci.

𝐶𝑜𝑛𝑡𝑖𝑛𝑢𝑎...?


Notas Finais


Obrigada por ter lido;Isso realmente significa muito pra mim^^

(Favorite se você gostou do meu desempenho na escrita,e na criatividade também^^)


𝑀𝑖𝑛ℎ𝑎 𝑐𝑎𝑝𝑖𝑠𝑡𝑎:@𝑊𝑂𝑇𝑇𝑃


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...