1. Spirit Fanfics >
  2. As Cinco Muralhas >
  3. Festival da Tormenta

História As Cinco Muralhas - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Festival da Tormenta


Cada ano o Festival tinha um clã anfitrião, dessa vez seria os Kim e como eles eram famosos por seu lado acolhedor acabaram permitindo a participação de três clãs menores que se mostrassem aptos para a competição, foi chamado os Yuan, Shin e os Wang, todos selecionados após mostrarem as habilidades em luta.

 

                - Está tudo bem para você hoje? – perguntou Maiko observando Yuki arrumar as botas.

                - Por que não estaria?

                - Seu pai vai estar aqui hoje, assim como seu meio irmão – explicou a garota, ela sabia que o assunto do pai ainda mexia com o rapaz e não queria que ele perdesse pontos por estar perturbado com pensamentos do passado.

                Yuki sentiu seu sorriso morrer aos poucos, já haviam falado que seu pai e meio irmão estariam no Festival, mas tentou esquecer esse pensamento ao máximo, se sentou ao lado dela e olhou para uma poça a sua frente.

                - Sabe, meu pai mentiu para minha mãe, disse que iria se casar com ela e dar tudo que ela merecia, amor, conforto e uma família grande e bonita, não a olhariam torto, nem a tratariam como inferior e quando eu nasci ela subiu as escadas do palácio para mostrar como eu era bonito e ela viu um bebê nos braços de quem prometeu ama-la, ele havia sumido por um ano, minha mãe acreditava que ele estava em reunião, mas ele estava casado e tinha um filho de poucos meses mais novo que eu, ele riu da minha mãe e tentou me arrancar dos braços dela, mas ele não sabia que minha mãe era filha de um caçador de porte alto e herdou a espada dele, quando agarraram ela, ela tirou a espada e cortou o rosto do Mestre Yuan, mesmo minha mãe pedindo desculpas ela sabia que não viveria muito, nos escondemos, nos protegemos e quando fiz quatro anos não vi ela voltar do trabalho mais... Agradeço todos os dias pelo o Mestre Kim ter me encontrado e me salvado, mas para meu pai biológico sinto nojo e pena, matar uma mulher, queimar a espada e nem se quer deixar o filho dizer adeus a mãe... – Yuki falava irritado e cada vez mais alto, ele não se importava se seu ódio fosse ouvido, não tinha mais medo.

                A dupla levantou a cabeça e viram uma pessoa que não esperava parado na porta, era Yuzo, ele ouvia a conversa de modo descarado, ele se curvou como um pedido silencioso de desculpas por ter ouvido e se retirou.

                - Ele é sinistro, acho que a solidão que ele viveu deve ter feito ficar assim – comentou maiko.

            - Talvez ele já veio assim, não conseguimos entender a mente de alguém se ela não falar – disse Yuki se levantando e transformando a expressão triste em um sorriso.

                Como o esperado Yuzo não estava na área dos capitães, os Mestres se sentaram e o rapaz mascarado se colocou ao lado do seu Mestre, o servo olhou para a área dos capitães, viu Chen, Ren, Haru e generais representando os outros grupos, Yuki virou a cabeça na direção da área alta onde os Mestres estavam e reconheceu pela roupa seu pai, apertou a bainha da espada que estava na sua mão e se aproximou do seu time.

                Sons de correntes sendo quebradas fez todos ficarem em alerta, as bestas corrompidas e talvez um batedor, estavam sendo soltos na floresta, todos eram seres que não tinham salvação, suas almas se deterioraram e sua consciência está tão fragmentada que não sabem nem o que estão fazendo mais, então sobrava apenas ser mortos.

                - Acha que trouxeram um batedor? – perguntou um soldado para Yuki.

                - Do jeito que querem chamar a atenção um dos outros... Não duvido que esteja com batedores e cobras gigantes na floresta – respondeu sem tirar os olhos da direção que foi dada para o seu grupo.

                O alarme do sino fez todos começarem a correr para dentro da floresta, os capitães seguiram também, eles tinham que seguir o caminho selecionado, se o vigia ver que alguém entrou na zona do outro antes da marca correta era desclassificado.

                - Os vigias aumentaram – murmurou Chen olhando para as árvores com pássaros escuros e com olhos vermelhos, eles pertenciam ao clã Achikita.

                - Eles estão vigiando outra coisa – comentou Ren ao lado do herdeiro Kim.

                - Colocaram coisas novas nessa floresta, eles precisam ter certeza que não vão sair – disse Yuki em tom baixo.

                Eles saíram do caminho em poucos segundos de um ser os atingir, o animal possuía apenas três pernas, caminhando de maneira desengonçada, as presas eram grandes e se projetavam para fora da boca, era um destroçador com toda certeza, mas parecia mudado.

                - Por que ele está tão rápido? Eles eram para ser lentos – reclamou Yuki desviando de um ataque.

              - Todos sofreram mutações, foram pegos na zona escura, a matéria sofre pressão na aquela área, não é surpresa que tenham características e aparências distintas – explicou Ren matando um demônio pequeno e fraco com facilidade, a espada branca já tinha a coloração de sangue marcando a lamina.

                - Eles... tem sangue – comentou Chen surpreso.

                - Todos naturalmente têm, mas esses possuem bem mais, parece que eles tem um coração pulsando ainda – explicou Yuki matando o destroçador.

O vigia dos Kim e dos Byakuya balançaram as asas e abriram os bicos soltando sons diferentes avisando que abateram, o placar próximo aos Mestres rodou revelando quantos monstros já haviam matado.

- Mataram um destroçador? Parece que suas joias estão bem afiadas hoje – comentou Oshiro bebendo um pouco de chá.

 – Fico curioso sobre um servo simples como Yuki ter tanta habilidade de esgrima ao ponto de matar um destroçador... Parece que nem sempre os herdeiros ou soldados raros conseguem ser tão destacados. Não acha, Mestre Shin? – disse Raiden, ele sabia bem a história de abandono paternal de Yuan e o que ele fez com a pobre mãe de Yuki.

- Alguns nascem com talento – respondeu o Mestre Yuan sem olhar para quem o dirigiu a palavra, seu clã tinha sérias dificuldades para crescer, mesmo tendo dinheiro e grande quantidade de soldados ele não conseguia exercer poder tão grande.

 

                Aos poucos soldados voltavam para a área que saíram, feridos ou por terem acabado suas armas e a espada não ter sido suficiente para parar os monstros, alguns perderam suas espadas e teriam que procura-las depois pela floresta.

                - Eles são espertos, sabem se esconder – comentou Chen apertando o cabo da espada enquanto andava devagar.

                - A densidade... O que colocaram lá dentro? – perguntou Byakuya preocupado ao sentir o ar ficar mais pesado e servos mais fracos ficarem tontos. – Os herdeiros estão lá dentro, enlouqueceram ao deixa-los soltos e não nos falar o que está lá?

                - Alguns batedores – respondeu Mestre Yang, onde moravam existia muitos batedores e a especialidade deles eram matar apenas essa raça de seres.

                - Alguns?! Quantos vocês trouxeram? – perguntou a senhora Kim se levantando.

                O Mestre se calou, olhando para os soldados feridos sento trazidos cada vez mais, um deles estava tão ferido que não demoraria muito para morrer, a forma que o tronco estava marcado com garras profundas era um batedor que fez aquilo.

                - Não para de sair soldados! Mande Yuzo, Mestre Achikita! – pediu Takashi preocupado com seu filho que não saia da floresta.

                -Cace e mate – mandou Raiden para seu soldado.

                Yuzo se moveu rápido, correndo para dentro da floresta, ele não precisou andar muito para encontrar batedores, vê byakuya, Chen e Yuki encurralados, tirou Sakura da bainha e decepou três dos quatro braços que cada monstro tinha, se colocou na frente do trio e avaliou como estavam, viu que possuíam poucos ferimentos e mataram muitos seres de porte pequeno e médio, mas ao ver o corpo de Haru desacordado ficou preocupado.

                - Levem Haru devolta, irei matar esses dois, voltem o mais rápido possível, tem poucos soldados ainda na floresta e se não eliminar todos vão fugir para as vilas – disse Yuzo lançando sakura com força a cravando no meio da testa do monstro, juntou as mãos e em uma explosão a espada voltou para sua mão e o monstro caiu morto.

                - Explosão de energia limpa – murmurou Yuki surpreso, poucos soldados eram capazes de fazer uma explosão tão forte e Yuzo era o primeiro que viu que era capaz de fazer uma utilizando a espada como catalizador.

                - Se mecha, Yuki! – mandou Chen pegando Haru nos braços.

                - Vá você, Byakuya e eu vamos ficar aqui e ajudar a limpar a área – disse Yuki pegando a espada e atacando um batedor.

                O herdeiro Kim obedeceu, correu o mais rápido que conseguia, Ren se movia rápido e sua espada mais ainda, com a ajuda de Yuzo conseguiu matar um batedor, Yuki fazia selos de isolamento, mantinha suas mãos firmes no chão e um desenho vermelho saia das mãos e se estendia pela a área, os seres que pisavam ficavam presos e até os batedores possuíam dificuldade para se mexer, seu selo era um dos mais fortes, teve dificuldade para controla-lo para não prender pessoas.

                Após poucos minutos haviam matado todos, inúmeros sinais feitos pelo os vigias avisando que o trio abateu muitos de uma vez só, eles voltaram rápidos, ao chegar viram Chen cuidando dos ferimentos de Haru e o passando para um médico adequado, os três chamaram atenção dos mestres a medida que se aproximavam com as espadas sujas de sangue assim como suas roupas.

                - Vocês estão bem? – perguntou o Mestre Kim se levantando.

                - Sim, Mestre, eram batedores modificados, quatro braços, quatro pernas, presas grandes, assim como garras, também eram maiores, me perguntou quem jogou seres tão cruéis e perigosos em uma simples competição, o mesmo se aplica a todos os outros monstros, todos eram modificados e possuíam muito sangue – disse Yuki dando um passo a frente, suas informações deixaram os Mestres e presentes desconfortáveis e preocupados. – Se não acreditam trouxemos um demônio de porte médio, que deveria ser fácil matar, mas a pele era grossa e se moviam muito rápido.

                Yuzo jogou o corpo morto do destroçador para todos verem, Mestre Byakuya ficou de frente para o monstro e o avaliou.

                - Eles estão falando a verdade. Mesmo vindos da zona escura não eram para se tornarem tão fortes – disse o homem após observar cada detalhe dito.

                - Se tinham a finalidade de abater todos os competidores chegaram perto – comentou Yuki provocativo.

                - Por que seu servo fala tanto e culpa alguma pessoa de alta classe como assassino? – perguntou Mestre Yuan irritado.

                - Mestre, eu não preciso ser da realeza para ter voz, se algo está errado e ninguém se prontifica a falar me sinto no direito de falar, se está insatisfeito com minha conduta está criticando e diminuindo os esforços e preparação dos soldados e do Mestre Kim – rebateu Yuki o olhando nos olhos. – E fazer tal ato sem motivo pode ser qualificado como um crime leve, gostaria de ser punido em público, Mestre Yuan?

                - Já chega! Yuki, dobre sua língua – mandou a senhora Kim se levantando. – Não ache que por se destacar novamente no Festival tenha o direito de falar de maneira desrespeitosa com Mestres.

                Ren e Yuzo voltaram para perto dos Mestres dos seus clãs, Yuki permaneceu parado, olhando sua senhora nos olhos, era um rapaz desafiador e só se moveu quando Chen o chamou, como foi destinado para ser servo do herdeiro Chen em seus momentos de provocações resolvia obedecer apenas ao rapaz.

                - Fim do Festival da Tormenta! Ganhadores são o clã Kim com o abate de cinquenta presas com bônus por matar batedores, em segundo lugar clã Achikita com o abate de quarenta e dois seres com bônus de matar batedores e em terceiro lugar o clã Byakuya com o total de trinta e sete seres e bônus de matar batedores, parabéns aos três colocados e os que não chegaram aos três maiores mais sorte no ano que vem! Aproveitem o jantar especial na corte Kim com participação dos Mestres e seus soldados que mais caçaram e abateram seres no festival – disse um servo em alto e bom som. – Os soldados destaques são de cada clã são, Yuki Saito, Ren Byakuya, Yuzo, Haru Oshiro, Daesung Yuan, Shiro Wang, Sho Yang, parabéns e bom banquete a todos!

                - Yuki ficou entre os três melhores, esse servo é bem interessante – comentou Mestre Wang.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...