História As conseqüências - Capítulo 31


Escrita por:

Postado
Categorias Ansatsu Kyoshitsu (Assassination Classroom), Ao no Exorcist, Ib
Personagens Garry, Ib, Izumo Kamiki, Kaede Kayano, Karma Akabane, Konekomaru Miwa, Mephisto Pheles, Nagisa Shiota, Renzo Shima, Rin Okumura, Ryuji "Bon" Suguro, Shirou Fujimoto, Shura Kirigakure, Yukio Okumura
Visualizações 4
Palavras 3.119
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 31 - Epílogo


Karma POV

Sentei-me na frente de uma pequena roseira de volta ao pequeno abrigo da mãe de Shiemi. Já fazia uma semana desde ... desde que fui resgatado. E desde que Garry morreu. Eu não fiz muito por um funeral para Garry. Eu não tinha realmente o minframe certo para algo assim. Mas tudo bem, não era como se houvesse muitas pessoas aqui para sentir sua falta. Eu tinha certeza de que a Classe E estaria lá, e a aula de empacotamento provavelmente apareceria no diretor, mas ele era um demônio, e ele sempre seria apenas minha convocação em suas mentes.

Não, era melhor que eu me entristecesse sozinha e em silêncio. A mãe de Shiemi tinha sido gentil o suficiente para me deixar passar algum tempo trabalhando em seus jardins depois que saí da enfermaria da True Cross. Então foi assim que eu lidei com isso. Garry não queria que eu parasse minha vida para chorar, mesmo que houvesse uma parte de mim que realmente queria fazer isso. Eu sabia que não podia me dar ao luxo de fazer isso, porque isso significaria parar, e parar significava que eu iria me desligar. Eu tenho uma gangue para correr, não posso me dar ao luxo de desligar. Então eu não fiz e me enterrei na realidade. Kyoya havia assumido o que precisava ser feito com os Malandros e a Classe E havia ajudado.

Eu fui deixado com meus próprios recursos. Houve um momento no meu primeiro dia na enfermaria quando tentei invocar Garry em alguma tentativa equivocada de trazê-lo de volta, mas eu acabei me nocauteando por uma hora e produzindo um pequeno exército de grandes e pequenos assustadores. bonecas Quando cheguei, só havia 3 sentado no meu travesseiro e trançando meu cabelo. Eles não tinham saído até que uma enfermeira apareceu.

Eu tinha passado a última semana de escola na enfermaria, sendo capaz de fazer todos os meus exames graças a uma intervenção de Mephisto. O maldito rei demônio havia interferido muito nas consequências da igreja ser queimada no chão por chamas azuis. O Vaticano foi notificado da tentativa fracassada de me sequestrar e me usar, mas eles não enviaram ninguém que fosse um alívio. Mephisto aparentemente foi o único a lidar com todas as comunicações com o Vaticano e meus professores. Eu não sei o que ele disse para convencê-los a deixar-me fazer meus exames na enfermaria, mas com certeza, eles enviaram os chefes de departamento com todos os meus exames para que eu tivesse um supervisor durante eles e eles poderia ter certeza que eu não fiz batota.

Os professores que não sabiam o que a turma fez realmente foram informados de que eu havia sido sequestrada pela máfia por acidente e que havia sido recuperada pelo governo. Considerando que eles tinham visto o Karasuma-sensei por vezes apenas meio sinistro, eles acreditavam na mentira com facilidade. Também ajudava que eu estivesse visivelmente ferida, então todos tiveram pena de mim e deixaram algumas coisas deslizarem - minha caligrafia sendo uma delas.

Minha professora de matemática, em particular, ficou impressionada com o desempenho que eu fiz, considerando que ainda tinha uma concussão. Eles classificaram os testes por causa de uma conversa que tive com Mephisto no meu primeiro dia consciente.

 

 

“Olá Rin-chan! Eu sou eu! Você é o irmão mais velho mais querido! ”Veio a chamada alegre da porta da sala privada em que eu tinha sido colocada. Eles não poderiam arriscar me mandar para a enfermaria normal da True Cross por causa da rapidez com que eu curo quando o fator de cura entra em ação - seria suspeito se alguém que estivesse literalmente meio morto de repente melhorasse. Ainda demorou muito para eu curar e ainda não estava na melhor forma. Havia muita dor residual e fantasma no ataque de Mary, e os médicos do Vaticano especializados em biologia demoníaca para garantir que essa erva estivesse fora do meu sistema. Eu deveria ter sido capaz de me curar mais rápido, mas os médicos estavam nervosos que meus poderes fizessem os ossos cicatrizarem incorretamente, então eles diminuíram um pouco o meu metabolismo.

Eu não estava satisfeito com essa decisão, mas entendi porque isso tinha que ser feito. Ainda assim, os exames estavam acontecendo e eu ainda não tinha ideia do que faria a respeito disso. Se eu não fizesse esses exames, eu ia ter notas horríveis em todas as minhas aulas, e simplesmente não podia permitir isso. Não importa em que formato eu esteja, tirar notas ruins é inaceitável. Eu trabalhei tanto para chegar aqui, não posso deixar Mary de todas as pessoas, arruinar meu futuro para mim.

Quando acordei, Nagisa me assegurou que, com a história de capa que me contaram, meus professores entenderiam, mas eu ainda estava descontente. Eu já estava acordada há algumas horas e, pela primeira vez desde que fui resgatada, estava sozinha. Claro, Mephisto teve que estragar tudo. "O que você quer, Pheles?" Eu gemi, minha voz ainda rouca do meu tempo em cativeiro. Mephisto entrou e se empoleirou no fundo da minha cama, um largo sorriso estampado em seu rosto.

“Por que, Rin-chan! Um irmão mais velho não pode checar seu irmãozinho? - ele perguntou, com um sorriso de dentes. No meu olhar não impressionado, ele surpreendentemente cortou a porcaria e ficou sério. “Eu informei o Vaticano sobre o que aconteceu, e tomei a liberdade de informar seus professores sobre suas… circunstâncias. Tenho certeza de que seus associados lhe contaram a reportagem de capa. Tenho certeza que você prefere falar sobre isso com um de seus conselheiros de confiança, mas infelizmente você não tem esse luxo. Como diretor da escola, eu sou aquele com quem você precisa conversar. Você tem alguma pergunta?"

Eu nunca tinha visto esse lado de Mephisto antes, então era bem compreensível porque eu fui pego de surpresa por sua súbita seriedade. Toda esta situação foi apenas bizarra e nada realmente parecia real agora. Foi incrivelmente angustiante. “O que eu vou fazer sobre os exames?” Eu pergunto imediatamente, decidindo lidar com o aspecto escolar dessa situação, já que Mephisto foi o primeiro a mencioná-la. Eu poderia lidar com ... tudo mais depois.

“Bem, você tem duas opções; você pode esperar até que você esteja curado e então fazer seus exames, e nesse caso você terá que ficar nas instalações da escola por mais tempo do que eu tenho certeza que você gostaria - ou você poderia fazer seus exames a partir de amanhã. Eu falei com seus professores e fiz arranjos para qualquer situação. ”Mephisto me informou. "Claro, cabe a você o que você quer fazer, mas eu posso te dar algum conselho?" Eu simplesmente aceno sem palavras. Ele vai dar independentemente, mas neste momento, eu acho que eu realmente quero esse conselho. "Sua escolha depende se você quer ou não retornar à True Cross por mais um ano."

Eu meio que apenas sentei lá por um momento. Eu estava acordado por cerca de 5 horas e agora eu estava tendo que pensar sobre o meu futuro. Ótimo.

Se eu fosse ser honesto comigo mesmo, não sei se realmente quero ficar aqui. Claro que a aula de empinar não era tão ruim quanto costumava ser, mas eu já sabia tudo o que Yukio e Shura estavam nos ensinando e tecnicamente eu já era um exorcista - e um alto escalão nisso. A única razão pela qual eu ainda teria sido forçada a ir para cá era vigiar Yukio em busca de sinais dele desenvolvendo poderes demoníacos. Ele ainda não tem, e considerando que ele foi colocado em uma situação de alta tensão (me resgatando) e nenhum poder apareceu, eu acho que é bem seguro dizer que ele não estará desenvolvendo nenhum. Além disso, Karasuma-sensei estaria aqui para cuidar dele para mim, então o Vaticano terá alguém para assistir o outro Satanás desovar.

As aulas na True Cross eram boas, e eu ficaria só para aquelas, mas as memórias que essa academia traria ... bem, eu não acho que eu seria realmente capaz de ficar aqui mais tempo do que eu tenho que fazer. Foi difícil o suficiente olhar para as quatro paredes desta sala, mas o campus inteiro apenas fez minha pele rastejar agora. Todo mundo aqui sabia sobre o que tinha acontecido comigo - ou pelo menos a reportagem de capa - e eu sei que eles não vão me tratar da mesma forma. Eu não quero ser mimada. O que passei foi horrível e mentalmente assustador, e provavelmente nunca mais serei o mesmo; mas eu posso cuidar de mim mesmo. Eu não preciso da aparência de pena que todos os estudantes dolorosamente normais me darão.

Honestamente, eu não vou conseguir superar isso se eu ficar. Não poderei superar todos os meus problemas recentemente desenvolvidos, e isso me enfraquecerá. Eu preciso fugir. "Eu gostaria de transferir para outra escola." Eu digo decisivamente. O único problema era decidir aonde ir, e se eu gostaria de tentar ter uma chance normal ou se eu gostaria de encontrar outra escola única. Eu gostaria de ir a público? Ou eu gostaria de pagar por melhor educação e nome? Havia muito a considerar.

Mephisto assentiu em compreensão. “Sim, acho que seria melhor assim. Não há nada mais que essa escola possa fazer por você. ”Ele se mexeu levemente. “Se você não planeja voltar, sugiro que conclua seus exames o mais rápido possível. Eu posso fazer com que os professores classifiquem os exames e juntem sua transcrição final no dia seguinte, se você fizer isso, o que lhe dará mais tempo para sair daqui e fazer os exames de colocação na próxima escola de sua escolha. Não tenho dúvidas de que você quer que o colegial termine o mais rápido possível, e você tem o QI para fazê-lo ”.

“Se eu pudesse começar meus exames amanhã, seria ótimo. Tenho certeza de que serei capaz de lidar com eles. Eu certamente lidei com coisas piores. ”Eu digo, embora um pouco desajeitada. Eu não estava pensando direito agora, mas sei que posso fazer esses exames. Eu estudei mais do que o suficiente para fazer qualquer um deles em meu sono, mesmo sem meu cérebro. Mephisto se levantou.

“Eu vou mandar alguém dizer aos seus amigos para arrumar suas coisas e levá-las de volta para o apartamento que você guarda. Eu estarei em contato. Eins zwei drei! ”E então ele saiu da existência dramaticamente, sem dúvida retornando ao seu escritório. Suspirei pesadamente antes de me inclinar para trás em meus travesseiros completamente exaustos. Os próximos dias seriam muito longos.

 

 

E menino eu estava certo. Esses exames tinham sido uma dor na minha bunda, mas eu passei com cores vorazes e isso era tudo que importava. Com certeza, Mephisto alegremente me entregou minha transcrição e assinatura de aprovação antes de seguir seu caminho. Nagisa e Sugino entraram e me disseram que haviam consertado meu apartamento e esvaziado meu dormitório, pelo qual eu estava incrivelmente agradecido. Eu realmente não queria voltar para aquele dormitório horrível, e agora eu não precisaria.

Os exames duraram a semana inteira, mas como eu fiz mais de dois exames por dia, consegui terminar meus exames muito mais cedo do que os outros. Eu só tinha sido mantido na enfermaria por outro caminho e, como tal, tinha tempo livre. Pensar depois de passar por uma experiência traumática não era algo que eu queria fazer, então eu vaguei e tentei me manter ocupada. Eventualmente, eu me encontrei na loja da mãe de Shiemi, e ela me permitiu ficar vadiando e ajudando enquanto os exames e as últimas aulas que não tinham exames terminavam. Sugino e Shindou foram os melhores e me deixaram ficar com eles depois que eu fui liberado, para que eu ainda estivesse no campus, caso algo acontecesse. Era diferente, ficar nos dormitórios reais, mas foi o suficiente por enquanto.

As únicas classes e / ou cerimônias que eu seria forçada a assistir eram aquelas no último dia em que os professores devolveriam qualquer boletim, projetos e transcrições de que os alunos precisassem. Era como um dia livre em que as pessoas pudessem se despedir de seus amigos e relaxar por um dia depois dos exames. Eu estava quase totalmente curada agora, e eu estava esperando que esse pequeno fato me permitisse escapar com a mentira sobre quão sérios eram meus ferimentos. Se houvesse apenas cicatrizes (porque meu metabolismo e fator de cura aparentemente não se livraram de cicatrizes), eu poderia cobri-las. Eu ainda estava dolorida, mas isso não podia ser ajudado.

Então, foi o último dia de aula e, claro, eu tive que ficar mais tarde do que o normal porque ainda havia a última turma com que lidar. Bem isso e eu tive que fazer o meu anúncio para os outros fios. Eu lhes devia um adeus, depois de suas (embora escassas) contribuições para o meu resgate. Então, sim, estou indo do jardim de volta a True Cross e esperando que Yukio não me repreenda por estar atrasado. Desde que a escola está terminando tecnicamente agora, há apenas um monte de estudantes em todas as ruas. Eu estou vestindo meu uniforme, então eu sei que as pessoas me reconhecem, mas em uma reviravolta surpreendente de eventos, ninguém se aproxima de mim. Nem mesmo para dar bons desejos.

Obrigado foda.

 

O edifício real em que as aulas de empinar eram mantidas era basicamente deserto. Não havia ninguém ao lado das ruas e estava estranhamente silencioso no prédio. Eu não tive aquela sensação desconfortável embora - não estava quieto naquele modo. Eu caminhei pelos corredores, permitindo que os sapatos que eu usava clicassem no chão de madeira enquanto eu ia. Mais cedo do que eu gostaria, encontrei-me em pé do lado de fora da porta da sala de aula.

Bem, acho que é hora do show.

Eu não me incomodo em bater e, em vez disso, eu simplesmente entro e me sento no meu assento habitual, reprimindo um estremecimento quando empurra as cicatrizes recentes nas minhas costas. Houve uma conversa tranquila acontecendo ao fundo, mas parou assim que me viram. "Então, como vocês todos foram?" Eu pergunto casualmente, me inclinando no meu assento e apoiando meus pés na mesa ao meu lado. Por um momento, as crianças ficaram apenas olhando para mim como se não pudessem acreditar que eu estava aqui. “Resgate brilhante, a propósito. Obrigado por isso.

Houve um momento de silêncio antes que a sala explodisse em um caos puro enquanto todos corriam ao redor da mesa. Nenhum deles tinha sido capaz de visitá-lo depois de eu ter sido levado para a enfermaria para pegar meus ossos e consertar qualquer hemorragia interna. Eles todos tiveram seus exames (não tendo o mesmo luxo de uma desculpa como eu fiz), então eles não tiveram tempo de parar antes de eu ter sido liberado. Esta é a primeira vez que eles me viram desde o resgate, e eu meio que me senti mal que esta provavelmente seria a última vez que eles me veriam por um longo tempo.

Eu só precisava fazer isso. Eu posso me dar ao luxo de ser egoísta agora.

Sobre o barulho do barulho eu levantei o meu próprio e pedi silêncio. “Um de cada vez pessoal! Eu não posso ouvir todos vocês. Eu estou sorrindo, mesmo que não esteja alcançando meus olhos. Eles não parecem capazes de dizer, então eu acho que estou seguro.

"Como você está se sentindo?" Yukio pergunta imediatamente.

Eu dou de ombros sem compromisso. "Eu tenho sido pior." Eu me contento dizendo, mesmo que não fosse exatamente verdade. Isso foi provavelmente o mais que eu já fui ferido de uma só vez. Algumas dessas lesões foram muito graves.

Izumo é o próximo a falar. "Eu não posso acreditar que você terminou seus exames literalmente em uma cama de hospital." Eu sorrio descaradamente para ela.

“Bem, eu estudei muito para esses exames,” eu reclamo, “eu me recuso a receber uma nota ruim. Nunca. Ela revira os olhos para mim, mas sorri e eu relaxo um pouco.

Shima olha para mim com admiração. "Ainda cara, não há como eu ter sido capaz de fazer isso."

“Claro que você não faria. Sou eu e você é um idiota.

Shima gritou indignada. Houve uma rodada de gargalhadas em todos e logo nos dissolveu em agradáveis ​​conversas. Mas então chegou a hora do fim da aula.

"Bem! Isso vai terminar o seu primeiro ano de aula! Yukio aplaudiu, seu rosto se iluminou de felicidade e orgulho. "Estou ansioso para ensinar a todos vocês no ano que vem, então, por favor, não deixem suas habilidades frouxas!" Bem, essa é a minha sugestão, não é?

Assim que todos começaram a se levantar, comecei a falar, minha voz ecoando pela sala. “Na verdade eu tenho algo que preciso contar para vocês. Eu não vou voltar no próximo ano. Estou me transferindo. Olho Yukio nos olhos enquanto digo isso, testemunhando sua expressão passar de feliz a perturbada.

"O quê?" Ele sussurrou em choque. "Por quê?" Sua voz estava com o coração partido.

Eu olho para o resto da turma para ver que eles pareciam igualmente destruídos. Mesmo tsundere Izumo. “Este lugar tem muitas lembranças ruins. Eu preciso de algum tempo para curar - além do único motivo que eu realmente acabei vindo para True Cross era para cuidar de você. Eu suspiro, revelando a verdadeira razão que eu tinha vindo. Pode doer, mas espero que eles entendam. “Eu fui enviado pelo Vaticano para cuidar de você Yukio, para ter certeza de que você não desenvolveu nenhum poder. Você esteve em muitas situações de risco de vida e alto estresse - em nenhum deles você mostrou qualquer sinal de desenvolvimento de poderes. É altamente provável que você nunca irá. Fiz o exame de exorcistas antes de ir ao mosteiro e passei porque já conhecia demônios. Não tenho mais nada que eu possa aprender com você.

Todo mundo fica quieto por um momento, e então Izumo fareja e furiosamente enxuga seus olhos. "Bem, você sabe o que é melhor para você - e eu entendo por que não está aqui." Houve outra fungada particularmente alta e ela olhou para mim. “É melhor você manter contato, você me ouve ?! Eu quero e-mails ou uma mensagem de texto toda semana com todas as fofocas da sua nova escola. ”Ela bateu o pé em um sorriso típico de tsundere e eu não pude deixar de sorrir suavemente para ela.

"Pode apostar."

Depois de mais uma pausa de silêncio, Yukio olhou para mim com um estranho olhar em seu rosto. "Onde você está indo?" Yukio perguntou baixinho, olhando para mim com os olhos cheios de água. Eu olho para longe, evitando os olhares de todos.

“É uma escola que alguns dos meus amigos mais próximos… vão. Academia Ouran. ”


Notas Finais


Finalmente acabou né, desculpem a demora eu estou sem net a um bom tempo já, bom é isso até a próxima temporada.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...