História As férias das problemáticas - Capítulo 52


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Karin, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Suigetsu Hozuki, Tamaki, TenTen Mitsashi
Tags Gaaino, Naruhina, Nejiten, Sasusaku, Shikatema, Suika
Visualizações 62
Palavras 1.276
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Voltei bebês!

Espero que gostem! Estou meio enferrujada, perdi um pouco o jeito mas tentei!

Logo logo tem mais

Capítulo 52 - "Metadinhas" e flores




Neji On


As semanas passaram voando, Tenten parecia um pouco distante, a peguei falando com o espelho diversas vezes.

Não que seja anormal vindo dela, mas o fato é que em nenhuma das vezes era alguma crise,na verdade quando eu chegava perto ela ficava normal.

Fechei os olhos suspirando,haviam se passado 3 meses, e ela tem ficado mais pensativa com o passar dos dias.
Ela quer se afastar? Terminar? Será que aquele sentimento que a ligou a mim, desapareceu?

Sentei na cama esfregando as mãos em meus rosto exasperado.

Suspirei pesadamente.

A alguns meses,quando Naruto pediu Hina em casamente cogitei fazer o mesmo com Tenten, mas ela se afastou...

Levantei da cama e coloquei uma camisa branca.

Cansei de ficar aqui me matando com esses pensamentos.

Desci as escadas calmamente.

Ela estava sentada no sofá segurando Mitsuki e sorrindo.

Foi impossivel não sorrir.

Ela sorria de um jeitinho único,sabe aqueles sorrisos de comecial ,um sorriso em uma forma normal?pois é! Não era o caso dela.

Ainda assim aquele sorriso "quadrado" era o mais lindo do mundo para mim.

-Neji_ chamou Karin que estava ao lado dela.

Sorri levemente.

-Estou ensinando a Tenten a segurar um filho,ela já aprendeu a dar mamadeira, a colocar pra dormir e outras coisas_ falou Karin rindo.

-Karin Uzumaki!_ gritou Tenten vermelha.

Porque ela aprenderia isso se ela não quer ter filhos?

-O quê?ainda não falou pra ele?_perguntou Karin.

Tenten revirou os olhos e entregou o Mitsuki para Karin.

- Podemos conversar?_perguntou Tenten estalando os dedos nervosa.

Assenti e passei meu braço direito por seu ombro e a guiei pelo jardim.

Andamos em silêncio até a psicina e sentamos na beirada.

O sol não estava tão agressivo pois ainda eram 8 hrs.

O silêncio durou 5 minutos e meu coração estava inquieto,eu odiava a sensação.

-Neji..._chamou ela com uma voz baixa,quase inaudível.

Estava apreensivo e sabia o que pensar.
Ela esteve distante durante quase 3 meses.
E agora ela...Estava cuidando do Mitsuki...eu apenas n entendo o que houve.

A olhei nos olhos , lhe dando a entender que estava ouvindo.

- Eu estive pensando..._começou ela.

-Eu percebi..._ respondi e ela me olhou confusa_ você tem estado distante a um bom tempo_expliquei.

-Passei mais tempo com Karin..._respondeu ela engolindo em seco.

-porquê?_perguntei arqueiando a sobrancelha.

-Estive pensando sobre umas coisas...sabe que eu não quero ter filhos,pela minha condição...então eu pensei em..._falou ela abaixando cada vez mais o tom de voz.

-Pensou em..._encoragei

-O que você acha de adotar?não agora...talvez mais a frente, você seria capaz de se "conformar" com isso?_perguntou ela rápido.

Arregalei os olhos ,mas logo suavizei a expressão para tranquilizar a minha pucca.

- Não vou me "conformar"_ falei e ela me olhoi aflita_... porquê não é um prêmio de consolação...eu apenas quero muito adotar e ter uma familia com você _ falei sorrindo e ela suspirou aliviada.

Eu sei que ela apenas não sabia escolher as palavras para falar.

A abracei.

-Então casa comigo?_pediu ela com o rosto escondido na curva do meu pescoço.

Meu coração parou! Como? Isso foi um pedido mesmo ou apenas sei lá.

Ela levantou o rosto corado, procurando meu olhar.

-Aceita?_perguntou ela _aceita casar comigo?_ refez a pergunta.

Eu sorri.

-Achei que eu deveria fazer esse pedido _ falei rindo.

-Acho que eu te amo na mesma intensidade que você então...não faz diferença quem fizer o pedido..._respondeu ela dando de ombros.

-Nesse caso....e em todos os casos!eu aceito _ falei rindo.

Ela tirou do bolso uma caixinha.

E quando abriu percebi que eram aqueles colares que são "metadinhas"

Sorri.

Ela é definitivamente muito fofa.

E o símbolo era YingYang( é assim q escreve?)

Ela separou os cordões e segurou o preto com força.

Colocou a parte branca no meu pescoço e eu fiz o mesmo com o dela.

- É porque...eu sempre fui confusa,complicada e um pouco sombria..._falou ela apertando o pingente em seu colar_... eu era escura,e você foi minha parte boa durante muito tempo,tempo o suficiente para me ensinar a brilhar para mim mesma_ concluiu.

Beijei o topo da sua cabeça.

-Eu amo você..._ falei rindo.

-Eu amo você..._respondeu ela encostando a cabeça em meu ombro ainda segurando o pingente do seu colar.





Sasuke On



Sakura estava sentada na cama,fazendo um trabalho da faculdade,e eu deitado a observando

Revirei os olhos e me sentei,passei os braços pela sua cintura e a puxei para se deitar comigo.

Ela reclamou sorrindo.

-Preciso terminar o trabalho Sasuke...vale uma nota que eu preciso _ falou ela tentando escapar do meu abraço.

-Sakura! É sábado ainda e esse trabalho é para quinta_ falei.

Ela suspirou.

-Sabe que gosto de deixar tudo organizado e certinho_ falou ela rindo.

-Você é muito chata_ falei a soltando e ela me olhou.

Virei o rosto para o lado oposto e cruzei os braços.

Ouvi Saky gargalhar.

Acabei dormindo em alguns minutos.

....

Meu celular tocou e acordei em um susto,logo sentindo algo em minha cintura, os braços de Saky.

Sorri.
Desliguei o despertador do celular e voltei a fechar os olhos.

-Mas que menino preguiçoso _ falou Sakura com a cara na minha costa.

Eu ri.

-Sonolento_ corrigi.

-Preguiçoso _teimou ela.

Me levantei da cama e logo ela fez o mesmo.

Escovei os dentes e arrumei meu cabelo.

Quem acorda 8 hrs toma banho E volta a dormir pra acordar 30 minutos depois?
Eu !

-Vou banhar_anuncia Sakura indo para o banheiro.

Hora perfeita.

Desci as escadas correndo e peguei com a Ino o buquê de flores que Saky mais gostava! Sakuras.

Combinei com ela ontem, e Gaara trouxe as flores hoje cedo.

-Boa sorte!_ desejaram quando subi as escadas correndo e quase caindo.

Vesti a camisa que eu havia separado.

Segurei as flores em frente a minha camisa, e coloquei a mão esquerda no meu bolso e fiquei parado em frente ao banheiro.

Respirei fundo,quando a porta se abriu,inclinei minha cabeça nervoso.

Tentei não encará-la.

Esse negócio de ser romântico parece fácil, mas é difícil pra caralho.

-Sasuke_ sussurrou ela e levantei meu olhar.

Tirei a não do bolso e cocei a nuca.

Preparei todo um texto para esse momento,e minha mente agora estava em branco.

Me aproximei e sorrindo nervoso e estendi as flores para ela.

Ela deu risada e as segurou.

- tão bonitas_ falou sentindo o perfume natural que na verdade, me lembrava a própria Saky.

- É uma qualidade da minha Sakura também _ falei rindo.

Ela deu risada mais uma vez.

-Posso saber o motivo?_perguntou elase referindo ao momento romântico.

Ela costuma ser direta!GRAÇAS A DEUS! Não sabia conduzir essa situação.

-Fecha os olhos_ pedi e ela me olhou estranho.

Estavamos próximos o suficiente para que ela só pudesse ver o enorme buquê de flores,meus ombros e meu rosto.

-Porquê?_perguntou ela desconfiada.

-Um negócio aí _falei rindo e ela revirou os olhos._ só fecha os olhos..._pedi rindo e ela o fez.

Me afastei dela alguns passos e me certifiquei da estampa da camisa, sim estava correta.

Respirei fundo.

-Pode abrir_ avisei e ela o fez.

Primeiro ela me olhou sem entender nada,eu sorri corado.

Ela me analisou e seus olhos verdes e brilhantes se abriram ainda mais ao ler minha camisa.

"Casa comigo?"

Ela cobriu a boca com as duas mãos, consegui surpreender pelo menos.

Seus olhos brilhavam e ela parecia prestes a chorar.

-E então?_perguntei rindo nervoso.

Ela sorriu e correu até mim,pulou em meu pescoço rindo e sussurrando vários  "sims" a cada segundo.

Suspirei aliviado.

A apertei em meus braços ao seu redor carinhosamente e beijei seus cabelos.

-Vou te fazer muito feliz_ prometi.

- Já faz!todos os dias_ respondeu ela.






Notas Finais


Gostaram??? Ficou ruim??? O q acharam meus amores?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...