História As Guerras Pelo Trono - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Steven Universe
Personagens Ametista, Bismuth, Garnet, Greg Universo, Lápis Lazuli, Peridot, Pérola, Rose Quartzo, Rubi, Safira, Sardonyx, Steven Quartzo Universo
Tags Steven Universo
Visualizações 36
Palavras 848
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Drama (Tragédia), Ficção, Luta, Magia, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Universo Alternativo, Violência, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá, eu sou aquela que não deve ser nomeada. Hahaha, estou aqui para compartilhar com vocês uma idéia de história que eu tenho certeza que irão gostar! É de um dos meus mais recentes shippes de Steven universo, Blue e Yellow Diamond, ou BLUELLOW como eu passei a chamar. Terá outros shippes, porém o enredo vai envolver mais Bluellow. Sem delongas, vamos logo com isso!

Capítulo 1 - 100 a.C.


     Essa é a história de como eu, forjando minha própria morte, me senti mais viva. 

Um império. Roma, cem anos antes de completar o século X,  e cá estou eu no nono, sentada ao lado do trono de meu pai em uma chata reunião de guerra. 

 Para ser sincera, o sucessor de meu pai ao trono é minha irmã, White, ela sim é quem devia estar aqui, não eu, mas ela com certeza está fazendo coisas mais interessantes do que ouvir esses homens velhos e rabugentos falando o tempo inteiro. White treina com os melhores gladiadores do império, repito, com os melhores gladiadores, guerreiros sanguinárias que não tem um pingo de dó ou piedade na hora da batalha, e isso para mim é muito interessante. Com muito custo consigo convencer papai a me deixar treinar, raramente obtenho êxito quando peço, sempre que posso fico observando minha irmã e os outros treinando.

 Minha mãe morreu quando eu tinha quinze anos de idade, ela sim me entendia melhor do que todos nesse palácio. Eu estava sempre junto dela, saíamos para passear ao redor do castelo, andávamos de cavalo, éramos muito ligadas, quando ela faleceu, meu pai me arrastou para ser um exemplo de filha e geralmente quando não estou no meu quarto fazendo alguma coisa no tempo livre ou estudando, estou nessas reuniões. Ele já tem sessenta e oito anos, velho, eu sei. Agora me perguntam minha idade, eu tenho vinte, e minha irmã tem vinte e cinco, somos bem novas ainda, admito, mas somos bem astutas e inteligentes. White é a favorita de papai, podemos dizer, por isso ela faz o que bem entender, ou quase sempre.

 Essas reuniões são para saber como está indo o reino ou como devemos agir se caso acontecer uma guerra,  ficar horas em um lugar ouvindo isso não é para qualquer um. Isso pouco me importa, já que não vai ser eu a rainha, no entanto por outro lado, aprendi muito vindo aqui, e todas as vezes que me pedem opiniões ou palpites, todos se impressionam, modéstia parte. 

 Ultimamente venho tendo sonhos estranhos, certas vezes chegam a ser pesadelos dos mais fortes. Eu sempre conto para White, mas ela não se importa com isso, diz que não tem tempo para minhas "baboseiras", fala que não é dela e chega até a me ignorar! Contei para meu pai uma vez, ele falou que é coisa da minha cabeça, e que estava muito ocupado para ouvir coisas inúteis. Nos meus sonhos sempre vejo alguém com vestimentas longas, e sempre está me olhando, nunca vi o rosto ou sei o nome, sempre estamos no meio do deserto com um sol de meio dia. Já em alguns outros, olho uma pessoa com vestis longas, escuras e usa uma coroa grande na cabeça, acho meio exagerado para tal, essa coroa não é de ouro, e sim preta. Esse alguém está com as mãos uma na frente da outra na frente do peito, elas giravam e formavam uma aura em formato de caveira, girava mais e deixava maior e jogava em minha direção.

 - Vossa Alteza - Uma voz entra ecoando na minha cabeça.

 - Vossa Alteza - A voz diz um pouco mais alto.

 - Yellow.

 Finalmente volto a realidade com meu pai gritando meu nome, dou um salto na cadeira e olho ao redor para no fim ver papai me olhando como quem quisesse dizer "Em que mundo você está?". 

 - Ãhh. O que? - Digo olhando o homem a minha frente, era o capitão da marinha. 

 - Vossa Alteza, ouviu o que eu acabei de dizer?

- Desculpe,  poderia repetir?

- Perguntei se acha uma boa idéia fazermos novas balsas na parte sul do reino. 

- Sim, devemos fazer uma balsa com aparência de abandonada, mas a estrutura será de ferro debaixo d'água. Colocaremos as torres entre as árvores de modo que ainda consigamos ver o que acontece e guardas escondidos. 

 De onde eu tirei aquilo?

 - Majestade, o que acha? - Se referiu ao meu pai.

 - Acredito que seja uma ótima idéia! - Nossa, não acredito que ele gostou dessa idéia de três segundos. - Senhores, está reunião está encerrada.

 Graças a Deus! Não aguentava mais.

 Quando todos saíram,  finalmente perguntei. 

 - Pai?

- Sim?

- Posso ir treinar com White?

Soltou uma grande lufada de ar e colocou as mãos nos meus ombros, me olhou com um semblante meio triste.

 - Yellow, você é a mais nova, ainda te vejo como uma garotinha.

 - Pai, não sou mais uma garotinha, já sou adulta.

 - Eu sei. - Soltou meu ombro e foi andando para porta.

 - Então deixa. Deixe-me te mostrar do sou capaz de fazer com uma espada na mão! - Me empolguei e falei com o tom da voz alto.

 -Yellow, já disse não, esse assunto acaba aqui, não quero mais você me pedindo isso. - E saiu.

 Saí pisando forte para meu quarto, meu enorme quarto com uma janela bem grande, peguei um copo com água e fui ver a vista. Acabei vendo White e alguns guerreiros lutando.

 Ela é boa, mas eu seria melhor.



 



Notas Finais


Oi tudo mundooo. Gostaram?
Um começo básico pra vocês, a partir do próximo já vai acontecer algumas coisas, mesmo que vocês achem insignificante. Galera, não deixem passar nenhum detalhe, cada vírgula e ponto também contam ( exagerei ), mas prestem bem atenção. Imaginem a Yellow com roupas longas, tipo vestidos ou túnicas, essas coisas, vai deixar mais legal! O enredo é medieval né? Mas não é nenhum Game Of Thrones. Kkk. Até o próximo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...