História As Irmãs Gêmeas - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Jolari
Visualizações 17
Palavras 1.078
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Mistério, Policial, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Contando a verdade para Mharessa


Larissa Narrando:

Abri os olhos com muita dificuldade por causa do sol. Olhei pro meu lado e vi JG dormindo. Tentei me levantar, mais o seu corpo estava em cima de mim. 

Lari: JG acorda. - Digo cutucando ele

JG: o que foi? - Pergunta coçando os olhos 

Lari: já está na hora de você se levantar. - Digo com o lençol no meu corpo indo até o banheiro. - Você tem que ir pra empresa e já estar tarde.

JG: tá bom. 

Fiz minhas higiene pessoal e tomei um banho nada demorado. Saio do box e me enrolo na toalha e vou até o closet vestir uma roupa. Visto um Short curto e uma regata preta. Não estava com muita vontade de pentear meus cabelos, pego o mesmo e faço um coque alto e saio do quarto. 

Desço as escadas e vou pra cozinha. Encontro com a Agnes e a Mharessa tomando café juntas. 

Lari: Bom dia - Digo sorrindo 

Mha/Agnes: Bom dia - Elas diz juntas

Mha: nossa acordou animada em? - Pergunta sorrindo debochada 

Lari: ai deixa de ser chata Mharessa - Dou um tapa leve na sua mão sorrindo 

Agnes: mamãe você vai sair? - Pergunta me olhando 

Lari: Claro que não meu amor! Mais a senhorita vai pra escola agora mesmo. - Digo e vejo a mesma fazer drama. - E nada de fazer drama 

Agnes: eu não quero ir pra escola hoje - Diz fazendo drama 

Lari: você vai sim! A Mharessa te leva - Digo isso e vejo a mesma me olhar incrédula 

Mha: você tá ficando louca? - Nego com a cabeça rindo. - Larissa eu tenho muitas coisas pra fazer 

Lari: problema é seu! Você vai levar a minha filha pra escola sim. - Falo bebendo um pouco de suco de laranja 

Mha: tá bom Larissa - Diz bufando. 


Cassandra Narrando: 

Cheguei aqui no Rio de Janeiro e logo aluguei um apartamento pra mim. Me levanto da cama um pouco sonolenta e vou até o banheiro tomando um banho. Visto um vestido curto e calço um salto alto. Passo baton vermelho escuro e arrumo o meu cabelo. Pego a minha bolsa e saio do meu apartamento. É hoje que vou me encontrar com o JG. 

Entrei no meu carro e vou até a empresa do meu amor. Paro o carro bem na frente da empresa e entro ao estacionamento. 

Lalinha: Bom dia dona Larissa - Diz sorridente 

Cassandra: Bom dia Lalinha, o meu marido estar? - Pergunto simples 

Lalinha: ele está numa reunião agora e não pode atender a senhora - Diz. Olho pra ela com nojo 

Cassandra: eu sou a mulher do JG, e quero agora falar com o meu marido - Digo irritada 

Lalinha: tu... tudo be... bem - Diz gaguejando e discando os números no telefone. - A senhora pode subir. 

Cassandra: obrigada Querida - Digo e vou pro elevador 


JG Narrando:

Estava olhando alguns papéis e escuto o telefone tocar. Lalinha disse que a Larissa estava lá em baixo. Pois mandei a Lalinha liberar a entrada dela. Me levanto da cadeira e fico de costas pra estante pra guardar os papéis. 

Cassandra: Bom dia meu amor - Diz uma voz grossa e firme, mais pouco debochada 

JG: Cassandra? O que você está fazendo aqui? - Pergunto não acreditando 

Cassandra: sentiu saudades bebê? Pois Queria te falar que estou de volta aqui no Rio de Janeiro. - Diz sorrindo maliciosa 

JG: como você me encontrou aqui? - Pergunto 

Cassandra: não se faça de idiota, porque você não é! Eu me lembro muito bem quando você se encontrava com a mosca morta da minha irmã gêmea. Pois vim para o Rio de Janeiro para me vingar de vocês dois, vou fazer um inferno na vida de vocês. 

JG: Sério? Não me diga - Digo sorrindo debochado. - Você sabia que eu me casei com ela? - Pergunto 

Cassandra: não brinque comigo JG, pois não estou para brincadeira - Ela fala pegando uma arma da sua bolsa e dando o tiro na parede.

JG: saia daqui Cassandra! Não quero discutir com você - Digo sem paciência 

Cassandra: muito menos eu. Só quero me vingar de você e da minha querida irmãzinha. - Diz sorrindo diabólica. Vejo a mesma sair da minha sala em passos rápido. 

Me sento na cadeira respirando fundo. Volto a trabalhar, mais não consigo tirar a cassandra na minha cabeça. Vejo as horas passar rápido. Visto o meu palitô e pego minha pasta e vou em direção ao meu carro. 

Chego na garagem, entro no meu carro e dou partida pra casa.

Chego em casa mais rápido possível. Mando os seguranças guardar o meu carro e entro na casa. Vou até a cozinha e me esbarro com a Mharessa. 

Mha: olha por onde anda né filhão - Diz sorrindo 

JG: Desculpa Mha. Estava distraído.

Mha: tava mesmo! O que aconteceu? - Pergunta agora séria 

JG: posso te contar um segredo? - Pergunto olhando pra ela 

Mha: claro que pode João - Diz séria

JG: você não pode contar pra Larissa do que eu vou te falar. 

Mha: tudo bem JG, agora me conta - Fala se sentando no balcão 

JG: a Larissa tem uma irmã gêmea - Digo e vejo a mesma arregalar os olhos 

Mha: O que? Como assim João? 

JG: antes de eu conhecer a Larissa, eu estava namorando com a Cassandra, a irmã gêmea dela. Anos se passaram e eu conheci a Larissa, me apaixonei pela a Lari. Terminei o meu namoro com a Cassandra, no começo ela não queria aceitar. A Cassandra já viu a Larissa, mais a Lari nem sonha que tem uma irmã gêmea que quer se vingar de nós dois..

Mha: nossa que maluquice. Eu nunca soube que a Larissa tinha uma irmã gêmea. A Lari nunca viu ela mesmo?  - Pergunta

JG: Claro que não! Mais a Cassandra já está aqui no Rio de Janeiro de volta pra se vingar da gente. 

Mha: nossa Mano, eu não tô nem acreditando que a Larissa tem uma irmã gêmea. Mais se você quiser minha ajuda, pode contar comigo pra afastar essa mulher de perto da Larissa. 

JG: obrigada Mha. Você é a melhor amiga que temos aqui - Digo sorrindo 

Lari: faz tempo que você chegou amor? - Ela pergunta entrando na cozinha beijando os meus lábios 

JG: faz sim vida! - Beijo seus lábios 

Mha: o amor é lindo meu deus - Diz sorrindo 

Lari: para sua doida. - Lari fala sorrindo 

Subimos escadas e fomos pro quarto dormir. 

























Notas Finais


Amores não deixem de comentar as suas opiniões sobre o que achou do capítulo. As suas opiniões são muito importantes pra mim... Bjs até o próximo capítulo💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...