História As pupilas da minha alma - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Visualizações 22
Palavras 287
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drabs, Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Deux


Fanfic / Fanfiction As pupilas da minha alma - Capítulo 2 - Deux

Hoje eu só vim te dizer que tudo vai ficar bem. Ah, vai! Sei muito bem o quanto está doendo. Aqui também está. Minhas mãos chegam a tremer do tanto que parece ser insuportável. 

Você sente vontade de desistir? 

Eu também, quase todos os dias. São pensamentos demais. Pensamentos desnecessários um bocado. Mas quase nunca consigo controlá-los. 

Eu me encolho sobre a cama, o máximo que posso, porque gostaria de ocupar menos espaço no mundo. Às vezes dá essa sensação de que estou perdida no meio desta era. Deste caos.

Mas sei que esta é só mais uma crise e que logo irá passar. 

Eu sinto vontade de dormir para sempre também. Sinto muita! Vontade de sumir, ou de sequer ter um dia nascido. No entanto essa vontade não passa de um reflexo do medo de não suportar tanto julgamento, tanta pressão, tantos pensamentos fora de hora — todos feitos por minha própria mente. 

Já ouviu falarem que o pior julgamento é aquele que sua mente começa a fazer de você mesmo? 

Quem já passou por isso sabe o quão exaustivo é guerriar consigo mesmo. Após cada luta, há sempre quase uma morte. 

Eu realmente fico feliz em saber que até agora ainda não passou do quase. 

É que tenho muitos sonhos guardados numa caixinha em algum lugar do meu peito.

Quando a crise passa eu vejo que quero realizá-los e que tenho de esperar a maré baixar. 

Durante a crise não. Durante a gente só consegue ver o lado ruim de tudo porque a dor deixa tudo um pouco mais amargo. 

Por isso trinco os dentes e aguento firme mais uma chicoteada. Choro. Choro muito, mas sei que tudo vai ficar bem em seguida. 

Eu sei que vai. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...