História ★As quatro estações★ - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Amor, Comedia, Drama, Hentai, Jikook, Jimin Príncipe, Jimin Top, Jimin!top, Jungkook Principe, Jungkook Uke, Jungkook!uke, Magia, Namjin, Poderes, Principes, Rainha, Rei, Reinos, Romance, Vhope, Yoai
Visualizações 48
Palavras 1.751
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Lemon, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá,olá pessoas do meu coração.
Tudo bem com vocês?

Então dessa vez eu não demorei,e pra aplaudir de pé igreja.kkkk

Não tenho muito o que dizer,então até lá embaixo.

☆Boa leitura★

Capítulo 8 - Não vou te perdoar.


Fanfic / Fanfiction ★As quatro estações★ - Capítulo 8 - Não vou te perdoar.




°Jimin on°



A parte mais facil,havia acabado de ser feita,ou sejá sair do palácio sem ser visto pelo meu pai,geralmente essa seria uma parte dificil mas como meu lindo e querido irmão Jin me deu cobertura,essa acabou sendo a parte mais facil.

Agora a parte mais dificil e entrar no reino do inverno sem ser visto,tá essa não é lá a parte mais dificil sendo que graças ao Jungkook,eu conheço uma entrada "secreta"digamos assim, a parte mais dificil é entrar no palacio sem ser morto,vocês podem pensar que é exagêro meu mas não é,e ainda tem a ipotêse de eu estar errado e o Jungkook nem morar lá,mas digamos que tenho que arriscar.



....



Uma parte já foi feita,agora nesse exato momento estou aqui tentando formular um plano em minha mente,de como entraria em um castelo sem ser notado,pra vocês terem um noção todo mundo aqui tem até a mesma cor de cabelo,que vai ds um castanho claro até um medio,sem falar que eles são muito,muitoo brancos-quando eu digo muito,é muito mesmo-como passaria sem ser percebido,sendo que todo mundo aqui e igual,é muito facil reconhecer que eu não sou daqui,e nem devia só pra ressaltar mesmo.

_pensa Jimin,pensa.

Repetir tal frase, não estavá teno efeito algum,nenhum pensamento vinha em minha mente,nada mesmo.

Acabei chegando na conclusão que iria até o castelo,e até que eu chegasse lá,pensaria em alguma coisa...acreditem foi o melhor que consegui pensar.



....


Não demorou até que eu estivesse na parte de trás do palacio,mas até agora nenhuma ideia brilhante me veio a cabeça.

_ei garoto o que você está fazendo ai?

Uma voz feminina se fez presente atrás de mim;eu sabia que iria ser descoberto,só não sabia que seria tão cedo assim.

_bem,e-eu,eu.

Disse me virando lentamente,podendo ver que era uma senhora que falava comigo,menos mal assim dava pra correr.

_o garoto dos cabelos da cor do sol,exatamente como devia ser.

Ela sussurou mas não pude escutar muito bem o que ela queria dizer.

_desculpa,mas o que você disse?

Perguntei baixinho,mas ela pareceu não escutar,ou melhor ignorar todas as minhas palavras.

_você veio ver o principe certo?

_eu devia dizer que sim?

Aquilo soou muito mais como uma pergunta do que uma afirmação.

_por que demorou tanto?

Ela disse de forma simples e sem mais nem menos,levou sua mão direita de encontro com a minha orelha segurando com certa força.

A senhora me puxou em direção a uma porta,sem soltar minha orelha em momento algum,acho que se eu não morrer por conta propria,essa senhora me mata.

_ele está lá encima,vá depressa.

Ela disse sem mais nem menos,e soltou minha orelha,então automaticamente levei minhas mãos de encontro com a área que provavelmente estaria vermelha e apertei a região.

_anda logo criança,você não vai ter outra chance.

Por um momento passou por minha mente o por que dela estar me ajudando,e como ela sabia de tanta coisa,mas verdadeiramente eu não tinha tempo.

_obrigada.

Disse por fim enquanto a fitava,e a mesma estavá com um sorriso nos labios.

_anda logo Jimin.

Ela disse assim que me virei e começei a andar pra-só-Deus-sabe-onde,mas pera como ela sabe meu nome.

_como você...

Minhas palavras morreram no ar assim que me virei e pude ver que ela não estavá mais ali.

Passei ambás as minhas mãos em meu rosto,antés de voltar a caminhar.


...




_nunca imaginei que aqui seria tão legal,sempre imaginei tudo preto e congelado.

Dizia pra mim mesmo,na intenção de afastar todo o meu nervorsismo,e todo o meu medo de alguém aparecer assim do nada e me por um fim,mas a cada passo percebia que não estavá adiantando nada.

_Jimin o que você está fazendo aqui?

Nesse momento pensei que talvez fosse meu fim,mas meu pensamento mudou,afinal ele sabe meu nome,e se meu nervorsismo não tiver interferido em nada,eu conheço muito bem essa voz.

Virei meu corpo lentamente na direção da voz,e confirmei o que já sabia,era realmente Jungkook ali.

_Bem eu vim te ver.

Disse um pouco mais aliviado por realmente ser ele ali,minhas conclusões realmente estavam certas.

_como você sabia que eu estavá aqui?

Ele perguntou com a voz baixinha,como se temesse minha resposta.

_digamos que foi minha intuição e por fim uma ajudinha a parte.

Disse e sorri fraco sem tirar meus olhos de suas orbes negras.

_isso não vem ao caso agora,você tem que sair daqui,as pessoas não podem te ver.

Ele disse assim que se aproximou de mim,e segurou minha mão e me puxou até uma das portas que tinham ali no corredor,o que acabei deduzindo que era o seu quarto,logo ele fechou a porta atrás de sí.

_por que você veio?

Ele perguntou no mesmo tom de voz baixinho de antés,e logo se aproximou da cama e se sentou enquanto fitava seus dedos.

_por que eu queria te ver,afinal só de pensar que talvez eu nunca mais te veria,e por minha culpa;eu tive que fazer algo...eu não queria ficar londe de você.

Todas as palavras que havia acabado de dizer,eram sinceras;as poucas vezes que estavá com ele já foram o suficiênte para me fazer ficar apegado a ele de tal forma...e

é tipo magia sabe?

_mas você não devia ter vindo

Ele disse assim que voltou a levantar seu olhar.

_eu tinha que me desculpar com você Kook,me desculpe por tudo aquilo que eu falei

Disse em tom de voz meigo e fui me aproximando do menor que estavá sentando,me

abaixando para poder ficar na altura do mesmo.

_me desculpa por tudo o que falei antés naquele dia,nada o que eu disse era verdade...você não e nada daquilo que eu disse,e-eu falei sem pensar,eu não te conheço verdadeiramente pra poder dizer aquilo sobre você,mas se você permitir eu queria muito te conhecer de verdade.

Disse me ajoelhava na frente da cama,ficando entre as pernas do menor e levei uma de minhas mãos até sua bochecha esquerda e acariciei a mesma.

_J-Jimim e-eu,eu.

_só fala que você vai me dar a chance de me redimir com você.

Voltei a falar.

_só diz que me perdoa por favor Kook.

Ele voltou sua atenção para os seus dedos,enquanto brincava com eles como se realmente aquilo fosse algo interessante.

_eu não vou te perdoar.

Nossa,por essa eu não esperavá...eu não o culpo por isso,mas tenho que admitir que essa doeu muito.

_eu não vou te perdoar agora,por que eu já te perdoei...e você não tem que se desculpar sendo que não fez nada de errado,você apenas me disse o que mais ninguém teve coragem.

_você quase me matou do coração kook...e não eu não disse a verdade,por que você não é nem metade daquilo que eu falei,então você me desculpa?

Perguntei enquanto o fitava e permiti que um pequeno sorriso delineasse meus labios.

_é claro que eu perdoou você.

Ele disse voltando a me olhar com aqueles olhinhos brilhantes.

_mas me diga,como você conseguiu entrar aqui?

O garoto disse deixando um pequeno tom de curiosidade visivel em sua voz.

_digamos que uma senhora estranha,me pegou pela orelha literalmente,e me falou aonde você estavá.

_ela é uma amiga minha,mas como ela sabia que você estavá me procurando...ah,deixa quieto isso...

Ele disse sorrindo exibindo aquele sorriso lindo,com aqueles dentinhos salientes.

_então,eu me lembro muito bem que a alguns tempos atrás um certo garoto me disse, que me mostraria o que mais era capaz...mas até hojé,não vi nada.

Brinquei arrancando uma risadinha baixa do moreno.

_e quem seria esse garoto, que mentiu assim pra você?

Ele disse sorrindo.

_hum,o que acha desse garoto te mostra agora?

Ele disse e nesse mesmo momento me levantei do chão,me sentando ao seu lado na cama.

_eu acharia isso uma otima ideia.

Disse o encarando,enquanto ele se sentava no meio da cama e cruzou suas pernas em forma de índio,logo copiei seus movimentos ficando de frente para o menor.

_fecha os olhos.

Ele disse enquato levava ambas as mãos de encontro com os meus olhos,para que assim eu os fechasse.

_desse jeito você me deixa curioso.

Ele continuou em silêncio,mas eu sabia que ele ainda estavá sentado ali,devido ao peso na cama.

Depois de alguns intantes,ele voltou a falar.

_pode abrir os olhos agora.



Autora on•



O moreno disse em um tom de voz meigo,e assim que o loiro abriu seus olhos se viu perdido diante tudo aquilo.

Era como se as paredes do quarto,ouvessem sumido juntamente com o chão,ficando só a cama ao centro,e o resto do quarto em uma completa escuridão.

Aos poucos alguns pontinhos brilhantes começaram a aparecer no ar,como se fossem estrelinhas;elas foram aumentando de forma rapida iluminando todo o quarto com aquelas luzinhas.

_como você faz isso?

O loiro perguntou,ainda admirado com tamanha beleza perante seus olhos.

_eu já disse que eu não sei,apenas faço.

O moreno disse em um sussuro,enquanto fitava o mais velho.

_isso é incrivel,serio eu nunca vi nada desse tipo...Kook,você e incrivel.

_eu não sou incrivel...Ah,olha isso.

O moreno disse em um tom animado,juntando suas mãos na frente do corpo,e assim que ele as abriu,tinha uma flor nelas.

_como você diz que não é incrivel(?),essa não é a flor que eu te dei no dia em que te conheci?

O loiro perguntou.

_é sim,eu guardei.

O moreno disse,e o loiro se aproximou do menor,beie nesse momento as bochechas do garoto,ganharam um

tom rosado.

_eu nunca vou cansar de dizer o quanto você é incrivel;eu faria tudo pra poder ver isso todo dia ao seu lado.

O loiro disse.

_mesmo que isso sejá perigoso pra você?..mesmo que isso te faça mal?

_olha Kook,eu já arrisquei minha vida vindo até aqui,por você eu passo por isso de novo.

_você tem que parar de arriscar sua vida,por que você não pode morrer...e falando em morrer,é melhor você ir embora por que meu irmão já deve estar chegando,e se ele te ver vai te matar.

O moreno disse e assim que terminou de falar tudo no quarto voltou ao normal.

_então sobre o seu irmão eu estavá certo.

Brincou o loiro.

_eu não queria ir embora,eu queria ficar aqui com você.

_nossa que fofo você;mas é melhor você ir não quero problemas com o meu irmão.

Ele disse em um tom de voz serio e se levantou da cama,caminhando até a porta com o loiro logo atrás.



...★...


_então nos vemos amanha?...por favor não fala talvez não.

O loiro disse arrancando uma risada gostosa do menor.

_nos vemos amanha sim Jimin.

O moreno disse,e logo pode ver o maior se virar e começar a andar pra longe.



...☆....



•Jungkook on•

Assim que o garoto dos cabelos da cor do sol foi embora,voltei até os corredores para poder ir até meu quarto.


_quem era aquele com você Jungkook?

Dei graças a Deus,por ter sido apenas Lalisa que estavá no final do corredor.


_mais alguém o viu?


Perguntei enquanto me aproximava da ruiva.


_não que eu saiba,mas você sabe que seu irmão ira saber sobre isso.


_eu sei,eu sei...por esse motivo vou precisar mentir.


Disse e suspirei leve.


_agora você virou um garoto mentiroso,que bonito heim...mas agora me diz quem era o rapaz?




♥....


Já estavá deitado em minha cama,por um bom tempo apenas pensando em como tão pouco tempo,Jimin já não saia de minha mente.


Graças a Deus,meu irmão não deu as caras até agora,mas meu momento de paz,não durou muito.




_Min Jungkook,quem estavá aqui com você?

Meu imão perguntou assim que abriu a porta de meu quarto.




Continua•


Notas Finais


Então gente,foi isso.

Espero que gostem,por mais que eu sinta que minha escrita nesse capitulo tenha sido um pouco...tipo assim "ruim"(?):|,mas vida que segue neh?

Então amores,não tive tempo de revisar..eu fiz e já postei...então me desculpem os erros,em breve irei revisar.

Até o proximo amores♡♥♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...