História As últimas batidas do coração - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Alice Longbottom, Alvo Potter, Draco Malfoy, Gina Weasley, Harry Potter, Jorge Weasley, Lílian L. Potter, Lorcan Scamander, Lucius Malfoy, Lysander Scamander, Neville Longbottom, Ronald Weasley, Scorpius Malfoy, Ted Lupin, Tiago S. Potter
Tags Drarry, Jamespotter, Scormes, Scorpius
Visualizações 15
Palavras 697
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiee, me dêem o feedback se estão gostando da fic, Oq estão achando?
Para eu poder me ajustar e fazer algo melhor para vcs

Capítulo 3 - Três


Pov Scorpius

As provas finais são amanhã, hoje ao menos eu tenho uma desculpa para passar o dia todo em meu quarto estudando.

Eu estava estudando desde que acordei, hoje nem me dei ao trabalho de ir tomar café da manhã. Estou lendo o livro de transfiguração até que sou interrompido por uma batida na porta.

Hoje é dia de sair para hogsmead, e quase toda a escola não está, e os poucos que ainda se importam com as notas finais, estão na biblioteca. Mas não fiquei pensando muito nisso e disse:

- Entra! - levantei o rosto para visualizar quem entrava e me surpreendi - James?

- Eu vim perguntar se você pode me ajudar a estudar - disse ele coçando a nuca demonstrando uma certa timidez, o que com certeza não era típico dele.

Apesar de achar estranho James se importando com as notas resolvi ajudar mesmo assim.

- Não que eu ache que sou a pessoa mais adequada para te ajudar, mas claro que eu posso te ajudar. 


- Valeu... - ele fechou a porta atrás de si e se aproximou sentando na minha cama - ahh e também tenho que te falar uma coisa

O olhei confuso

- Meu pai disse que essas férias seu pai vai ter que viajar e pediu para que pudesse fica com a gente, ou você pode ficar com seu avô. - ao ouvir a palavra "avô" me veio uma aflição quase que instantânea

- NÃO! Eu fico com vocês, só não queria incomodar, sei que não é a primeira vez que isso acontece - sorri tentando disfarçar meu desanimo

- Não vai incomodar, meu pai te adora - ele riu - Você faz mais do que eu e todos meus irmãos juntos.

- Se você diz... Bom vamos começar logo a estudar. Qual matéria tem maior dificuldade?

- Todas... - olhou para mim dando um sorriso maroto.

- Bom... Aí você me complica, mas tudo bem vamos começar por transfiguração.

Me senti desconfortável quando ele se aproximou de mim para escutar o que eu falava, não me sinto muito confortável com a aproximação das pessoas. Decidi não reclamar e continuar a explicação.


James Pov

Confesso que com a proximidade e com o doce cheiro que exalava dele era necessário todo meu auto controle para poder presta atenção na explicação em vez de analizar cada detalhe de seu rosto.

Os cabelos dele que iam até um pouco abaixo dos ombros eram tão lisos, em um loiro quase branco, que todas as tentativas que ele fazia de colocá-lo atrás da orelha eram inúteis. Os olhos dele tinham tal profundidade que facilmente me perdiam neles, eles eram azul com as bordas acinsentados e tinha cílios longos e delicadamente separados, O nariz perfeitamente arrebitado, e a boca pequena rosada, confesso que meu olhos demoraram para sair dessa parte. 

- James? - scorpius me chamou me tirando dos meus desvaneios

- a.. ah Oi? - respondi desajeitado

- Você entendeu? 

- Não muito bem, você explicar de novo? 

- Ah.. Claro - disse voltando sua atenção para o livro

Dessa vez me esforcei para entender o que ele falava.

O tempo passou rapidamente e já era noite, me levantei enquanto ele fazia o mesmo desajeitadamente ajeitando a roupa

- Bom então eu vou indo até mais. - sorri

- Até, boa noite. - olhou para o chão e para mim novamente como sempre fazia.

- Boa noite 

me virei para sair, mas logo pensei em algo e voltei colocando a mão na porta impedindo que ele a fechasse.

- É.. scorpius você não vai jantar?

- Não, não tô com fome...

- Mas você passou o horário do almoço comigo, eu tô morrendo de fome, e vc também deveria 

- Não quero comer... - sorriu de lado

- Você vai comer, você precisa

- Não querooo - disse manhoso

- Não tem essa de não querer - disse o carregando e colocando sobre meu ombro

- James o que está fazendo? - perguntou assustado

- Te levando para jantar - disse natural 

- James me soltaaa, todo mundo vai ficar olhando se vc passar me carregando assim 

- Eu te dei a opção de ir de boa vontade, você que não quis.

Ele disestiu de se debater e apenas gruniu em desaprovação.








Notas Finais


Desculpa pelos capítulos pequenos não estou tendo muito tempo nem criatividade


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...