1. Spirit Fanfics >
  2. As Universitárias superpoderosas >
  3. Nevasca

História As Universitárias superpoderosas - Capítulo 11


Escrita por:


Notas do Autor


hey hey, e voltei e postei, rapidinho, aproveitei que tinha que fazer um trabalho e ja escrevi um capitulo, espero que gostem, boa leitura!

Capítulo 11 - Nevasca


Fanfic / Fanfiction As Universitárias superpoderosas - Capítulo 11 - Nevasca

Domingo à noite, em um restaurante

- E esse vai ser nosso plano de vingança – diz Elsa contente

- Sabe que ainda prefiro só ver a Astrid quebrar o nariz dele de novo, né? – retruca Merida que fez a alegria de sua amiga sumir

- E sermos expulsas? – pergunta Rapunzel – Vamos prosseguir com o plano de Elsa

- Lamento Merida, mas concordo com elas – diz Astrid com um meio sorriso

- Ok então, vocês venceram, posso comer agora? – diz pegando o cardápio e olhando o mesmo

- Mas você já comeu – responde Rapunzel

- Uma mulher não pode querer comer de novo? – pergunta a ruiva, tirando risadas de todas na mesa

- E vamos para a segunda rodada então – diz Astrid

- Garçom! – grita Elsa – Queremos fazer um novo pedido – diz sorrindo

...

Após todas se alimentarem pela segunda vez, pagaram a conta e decidiram ir embora, dessa vez na calçada e conscientes, conversando e rindo alegremente pelas ruas, no entanto, um percurso diferente foi tomado, graças a Rapunzel.

- O que estamos fazendo por aqui mesmo? – indaga Merida

- Se for o que estou pensando, ela deve estar procurando a oficina mecânica – diz Elsa sorrindo malicioso

- Não me diz que é onde aqueles dois corredores trabalham – fala Astrid com um pouco de ódio na voz  

- Só quero saber onde fica, mas é claro que estou perdida – diz Punzie olhando para os lados

- Podemos ir embora agora? Amanhã tem aula – suplica Merida

- Sem falar que essa rua da medo – completa Elsa, após conferir se o celular ainda está em seu bolso

- Relaxa El, se alguém tentar nos roubar, deixa comigo – fala Astrid confiante

- Sei que você é forte, mas... – diz Elsa sem graça

- Você é sedentária – completa Merida – Na verdade todas somos, se for pra correr estamos ferradas

- Vendo por esse lado, vocês tem certa razão, melhor irmos embora, Rapunzel? Vamos – diz Astrid encarando as costas da loira

- Desisto – diz com um suspiro – Vamos embora – fala e se volta para suas amigas, que no mesmo instante começaram a andar – Vocês estavam dizendo sobre sermos assaltadas né?

- Pode acontecer a qualquer instante, ainda mais nessa escuridão – diz Elsa enquanto caminha

- Sabe que você tem razão mesmo – afirma a loira

- Por que diz isso?

- Porque estou sendo assaltada

Após Rapunzel dizer isso, suas amigas se viram e observam cinco rapazes, um deles atrás de Punzie com uma faca apontada em seu pescoço

- Punzie, não se mexe e nem surta – Merida diz tentando acalmar a loira

- Nem estou surtando – responde calmamente

- Mas deveria loira – diz o assaltante com a faca

- Será mesmo? – retruca

- Prestem atenção: vocês vão nos dar seus celulares e todo o dinheiro que tiverem, e em troca prometemos não machucar vocês – diz outro rapaz o que fez Rapunzel rir

- Rapunzel, pelo amor de Deus, fica quietinha, tem uma faca no seu pescoço – diz Astrid sem piscar

- Qual a graça loira? – pergunta o rapaz com a faca

- Vocês estão fudidos, simples – responde rindo

- E por que estamos? Você que tem uma faca no seu pescoço – responde o mesmo

- Sim, mas a Nevasca já congelou sua mão e você nem percebeu

- O que?

- AGORA! – grita Elsa

Nesse momento Elsa já tinha congelado o braço do assaltante o suficiente para perder os movimentos por hora, o que resultou em Punzie colocando a mão no braço do assaltante e o empurrando; enquanto os outros assaltantes tentavam entender o que aconteceu, a loira foi para perto de suas amigas, e agora os cinco estavam encarando elas com ódio no olhar

- Vão se arrepender disso – diz um

- Vocês que não deviam ter mexido com a gente – responde Astrid

- É cinco contra quatro princesa, faça as contas – diz sorrindo

- Princesa? Vai se arrepender disso – fala com um olhar mortal

E então Astrid foi a primeira a ir pra cima do ladrão, deu um soco em seu estômago, chutou a perna direita do mesmo, e ele caiu no chão, nesse momento Merida pegou algumas pedras que encontrou no local e começou a jogar

- Nada de rosto Merida! – diz Elsa, que fez a ruiva bufar, porém obedeceu

Enquanto Merida jogava pedras em partes que provavelmente não causaria um estrago tão grande, outro foi para cima de Elsa com uma faca, e a mesma congelou o chão, fazendo o mesmo escorregar e cair; Rapunzel começou fazer churrasco com as cuecas de outro; Astrid estava pronta para dar o golpe final, quando o quinto assaltante veio por trás e a segurou, prendendo seus braços, enquanto a mesma tentava escapar foi tempo o suficiente para o assaltante levantar e dar um soco no estômago da loira, que resultou no pico da raiva dela

- Astrid! Não! – grita Elsa sabendo o que ia acontecer

Nesse momento Astrid da uma cabeçada no que a segurava e pisa no pé do mesmo, que o fez cair no chão de tão forte que foi, e no que a golpeou, foi somente um soco no rosto, o suficiente para quebrar seu nariz, então deu o segundo, que fez o lábio sangrar, então ele correu, e a loira se voltou para o que estava no chão, pisando em sua perna o que a fez quebrar e gemidos de dor serem ouvidos. Elsa ia até a amiga, porém o assaltante veio e a segurou, então Elsa congelou seus pés no asfalto e soltou tanto gelo pelos braços que o assaltante a soltou de tão gelado que ficou, porém já era tarde, Astrid havia quebrado a perna dele e o outro não tinha sinal, somente sangue, todavia a sede de sangue de Astrid não havia acabado, ela ia dar outro golpe, então Elsa fez um escudo de gelo sobre o assaltante, e quando Astrid foi dar um golpe o quebrou

- Meninas! Preciso de ajuda aqui – grita Elsa

Após queimar short, camiseta, gorro, e até a faca que foi apontado para ela, o assaltante ficou somente com um pedaço da cueca e um corte de cabelo peculiar, o que fez Rapunzel sorrir e ir ajudar sua amiga, esquentando o corpo dela o máximo que podia, para suar e fazer recuperar a consciência, para voltar ao normal.

- Merida! Sua vez – diz a loira

A ruiva após quebrar várias costelas do indivíduo que iria lhe assaltar, talvez alguns ossos dos pés e talvez todos os ossos do corpo, pegou a maior pedra que encontrou e mirou na testa de Astrid, que acertou e obteve o olhar de sua amiga, que por sorte era normal

- O que eu fiz? – pergunta a loira chocada

- Vamos embora – responde Merida

- Antes que eles acordem de preferência – completa Rapunzel

E nisso todas correram, saindo do local e voltando para o campos da universidade

...

Após todas tomarem seu banho, decidiram conversar sobre o ocorrido, antes que o dia acabasse

- Nosso primeiro ato de heroísmo – diz Punzie alegre

- Não sei se foi bem um heroísmo – responde Elsa

- Eles iam assaltar outras pessoas, e agora não vão mais, então foi sim – retruca Merida

- Acho que ela fala do fato que eu quase matei duas pessoas – Astrid diz e todas ficam em silêncio – Se vocês não tivessem me impedido, eu teria matado eles e...

- Teria não – interrompe Rapunzel

- Teria sim Punzie, eu queria matar eles, e eu teria matado, eu agradeço a vocês por terem me impedido, e prometo a todas aqui, que vou me controlar mais

- Vamos te ajudar Astrid – Elsa diz e a loira sorri, então todas se abraçam

- O que foi aquilo? – pergunta Merida

- Eu perdi o controle, simples – responde Astrid

- Não, eu falo do Nevasca – a ruiva diz e Elsa fica vermelha

- Rapunzel me perguntou quando voltávamos do hospital se tinha algum nome em mente, mas não sei ainda

- Ele é perfeito El – responde Merida o que a fez sorrir

- Combina com você, admito – Astrid diz e todas riem

- Eu falei pra ela – diz Rapunzel

- Então de agora em diante, me chamem de Nevasca!


Notas Finais


comentem, me deem opiniões, e me aguardem, beijos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...