1. Spirit Fanfics >
  2. Até Aqui? (Imagine Boy Story) >
  3. Sonhos...

História Até Aqui? (Imagine Boy Story) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oie!

Eu tô passando aqui pra informar que em todos os capítulos são os personagens falando com a psicóloga.
Espero que gostem desse conceito já que eu nunca vi por aqui...

Alguns capítulos que eu penso que não é 100% necessário para a história eu vou marcar com um (.) no título pra caso alguém queira pular.

Por enquanto é só.Boa leitura! ^-^

Capítulo 1 - Sonhos...


Fanfic / Fanfiction Até Aqui? (Imagine Boy Story) - Capítulo 1 - Sonhos...

S/N ON


Psicóloga:
—Oi, seja bem-vinda! Pode se sentar.

S/N:
—Oi, ah... Ok. Por onde eu começo?

Psicóloga:
—Se apresente e pode começar contando o porquê veio aqui.

S/N:
—Ah, okay. Meu nome é S/N, tenho 16 anos, e venho aqui porque eu sinto que não posso continuar fazendo tudo o que eu faço. Sinto que coisas ruins vão continuar acontecendo ao meu redor, e as pessoas que estão em minha volta por minha causa.

Psicóloga:
—Então me conte como tudo isso começou...

P.O.V. S/N ON


Depois de muita pesquisa, eu decidi com o que quero trabalhar, eu quero ser trainee e mesmo que eu não debute, eu vou me esforçar pra pelo menos continuar dançando... Como eu sempre gostei.

Minha mãe entra na sala e me chama para conversar, fazendo eu sair dos meus pensamentos.

—Filha, já decidiu com o que vai trabalhar?

—Já, mãe, mas tenho medo de que a senhora não aceite, já que parece uma coisa meio idiota...

—S/N, sendo uma coisa que você queira, eu vou te apoiar. Mas me promete que, mesmo se eu for a última e única pessoa a acreditar que você vai conseguir, você vai continuar tentando realizar seus sonhos?

Abro um sorriso me sentindo acolhida, vou até ela e lhe dou um forte abraço e sussurro: "Prometo!"

Nós nos separamos e ela pergunta.

—E aí? O que você escolheu?

—Mamãe, eu quero ser trainee e mesmo que eu não debute, vou poder trabalhar com música e dança, coisas que eu gosto.

—Que bom, filha! Já sabe qual a empresa que vai ser sortuda por ter a melhor dançarina e cantora de todos os tempo?

Minha mãe sempre me "mimou" muito falando que eu era melhor que todos os famosos, apesar de eu saber que era por ser minha mãe que ela falava isso, eu penso igual a ela, afinal eu tenho uma auto-estima muito boa.

—Não, estou em dúvida entre duas empresas, gosto das duas e meu grupo coreano favorito é de uma delas, mas o meu grupo chinês favorito é da outra.

—Não se apresse para escolher. Veja quais são os benefícios e as cargas horárias de cada empresa, não adianta escolher uma e ser maltratada lá.

—Sim, mãe pode deixar!

Parece que eu vou ter que voltar para as pesquisas hahaha!

2 dias depois...

Depois de muita pesquisa, eu finalmente descobri a melhor empresa para mim. Mas corre um risco de eu ser transferida para outro país...

—Filha?— Minha mãe me tira dos meus pensamentos. — Está tudo bem?

—Claro, mãe. — sorrio nervosa sem saber como eu conto esse pequeno trecho das "vantagens" dessa empresa.

—Você parece um pouco preocupada... — Diz ela num tom meio triste.

—Bom... É que eu fiz como a senhora pediu e pesquisei os benefícios e eu descobri que a melhor empresa é a JYP. Só que ela é da Coréia, e tem grandes chances de eu ser transferida para outro país...

—E por que a preocupação? — Ela não parece mais triste, porém dá pra perceber o nervosismo em suas expressões.

—Porque pelo fato de eu não saber como vou me sair e se eu for bem, o que eu faço se for transferida?

—Ai, filha, não se preocupe, você vai ser a melhor dentre todos e se você for transferida, vai aprender novas culturas e conhecer gente nova!

Quando ela fala faz parecer tão fácil... Eu até esqueço da minha timidez extrema.

P.O.V. S/N OFF


S/N:
—Até aí tava tudo bem, meus pensamentos estavam ótimos e tudo mais.

Psicóloga:
—Eu entendi, poderia me contar mais na próxima consulta? É que agora estamos sem tempo.

S/N:
—Tudo bem. Até a próxima consulta, Doutora!

S/N OFF


Notas Finais


Essa é minha primeira fanfic, então... Não tenho certeza se vai ser um bom começo nem se está sendo uma boa história.

Essa fanfic é um modelo de como eu leio quando tem P.O.V na história, eu imagino o personagem contando um acontecimento pra alguém.

Apesar da história estar meio curta, esse capítulo, e provável que o próximo também, é como se fosse um projeto sendo formado do 0. Um projeto que foi criado juntando um pouco de realismo e ficção pra fazer os fãs imaginarem a vida com o(s) ídolo(s). (Não soube expressar bem o que eu queria dizer).

Bem, as Notas finais está meio grande mas acho que eu disse tudo. Até mais, Bāi bai.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...