História Até o Fim - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Amor Verdadeiro, Aventura, Drama, Fantasia, Ficção, Romance
Visualizações 2
Palavras 669
Terminada Não
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Boa leitura :D

Capítulo 2 - Capítulo Dois


Reino de Prisnin

Van chae

A Sobrenatural me deu uma capa enorme para que eu não fosse reconhecida, e acabamos indo para um lugar parecendo um quarto enorme.

Eu: Onde estamos? - digo olhando ao redor.

XXX: Estamos em minha propriedade, bem vindo em mi casa.

Eu: Ah...- penso um pouco e lembro-me de ter esquecido de lhe fazer uma pergunta. -Ah! Qual seu nome, Sobrenatural?

Lia: Meu nome é Lia, e o seu?- diz pegando uma caixa branca.

Eu: Sou Van Chae, Princesa de Flowning. Agradeço pela sua gentileza.

Lia: Van? Princesa? Pera, você é a filha de Van August? - diz sentando ao meu lado e abrindo a caixa com suprimentos médicos.

Eu: Como sabe o nome do meu Pai?- ela pega meu braço e começar a passar um líquido em minha ferida, que começa a arder.- Ai! Dói! 

Lia: Pare de frescura. E sim, conheço seu pai. - diz já botando panos limpos e cobrindo meu braço.- pronto, já está feito o curativo.- guarda tudo de novo na caixa e bota a caixa onde estava.

Eu: Ei! Me responda! Como conhece meu pai?

Narradora 

Lia: Eu não confio em Humanos, principalmente aqueles que exigem algo que não é de sua autoria.- diz pegando um livro e o abrindo em seguida.

Chae: Como é que é?- diz se levantando da cama , pegando o livro e jogando para outro canto do quarto.- Não vou ser julgada por alguém que tem asas de mosquito.

Lia: Como é? Quer morrer garota? 

Chae: Se tiver coragem de matar uma humana, seu mosquito.

Lia: Sua----

XXX: Parem vocês duas, agora!- Uma mulher de cabelos loiros, pele branca e olhos brancos, com enormes asas douradas, as faz ficarem paralisadas.- Lia, já disse para parar de ser mal com os humanos!

Lia: Mas , foi ela que começou e--

XXX: Não quero desculpas.

Chae: Quem é você? Me tira dessa droga!

XXX: Vamos começar do começo.- diz tirando o feitiço delas.

Skye: Sou Skye, Rainha de Prisnin e Professora da Lia, minha sinceras desculpas Princesa, pela indelicadeza de Lia.

Chae: Tudo bem, mas como sabe que sou Princesa?

Skye: Seu pai é um de nos, Sobrenaturais, ele é meu melhor amigo.

Lia: Como pode contar assim, tão facilmente pra ela?- diz indignada pelo que escutou.

Chae: Pera, meu pai é o que?

Skye: Ele é um Sobrenatural, ele vem de uma alcatéia de Lobos Brancos.- responde a Chae. - E sim, Lia, ela tem obrigação de saber algo assim de seu Pai, já que ela é uma Misturada.

Chae: Tá..., Olha, vocês devem estar ficando loucos, meu pai é humano e completamente humano , e eu também sou.

Skye: Não, você não é. É uma híbrida Branca.

Lia: Ela o quê?

Chae: Eu o quê?

Skye: Parece que vou ter que explicar isso.- diz respirando forte e expirando.- Ok.

História

A muito tempo atrás, seu pai e sua mãe se encontraram no Campo das Borboletas, onde acabaram se apaixonando, para ficarem , August teve que fugir de sua alcatéia , o que até agora é proíbido, já que na Lei dos Lobos, Fugir ou Sair da alcatéia é um sinal de covardia e era totalmente proíbido de entrar no Reino de Prisnin, mesmo August tendo feito um crime, sempre fui amiga dele e continuo sendo e o fiz fugir em segurança de Prisnin e ir para o lado dos Humanos, depois de alguns anos , fui coroada para ser Rainha de Prisnin, e nesse mesmo dia foi quando descobrir que August se casaria com a Princesa Annie e seria futuro Rei do Reino dos Humanos, depois de anos fui visitar meu velho amigo, e descobrir que Annie estava grávida através dele, fiquei preocupada pós tive uma visão de algo terrível futuramente mas deixei passar, quando chegou o dia de seu nascimento, foi o mesmo dia em que a Lua Vermelha apareceu e eu concluí que minha visão era real, tinha nascido a primeira híbrida Branca na terra e que poderia causar caos e destruição.






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...