1. Spirit Fanfics >
  2. Até Onde O Amor Nos Levar >
  3. Você É Tão Sínico Mesmo!

História Até Onde O Amor Nos Levar - Capítulo 5


Escrita por:


Capítulo 5 - Você É Tão Sínico Mesmo!


Fanfic / Fanfiction Até Onde O Amor Nos Levar - Capítulo 5 - Você É Tão Sínico Mesmo!

Charles narrando——


Eu estava na arquibancada sentado, hoje o pessoal faria o teste pra entrar no time, eu já fui capitão de time, mas não sei se vou ser aqui, o pessoal é chato pra caralho.

Eu não acredito que o Santiago joga....pensei que gays não curtissem beisebol. As meninas do ensino médio iriam nos assistir, todas. O treinador chamou os meninos e iríamos começar a se exercitar primeiro. 

O Justin e o Santiago iriam começar a apostar uma corrida para alongar, ordens do treinador.

 O Santiago era 100% gay, ele foi pro campo com um shorts agarrado demais. Ele até que tinha umas pernas grossas, é uma bunda grande e  bem maior que a minha. A Alison estava do lado dele, acho que eles eram melhores amigos, me pergunto porque ela anda com gente como ele, tão estranho.


Justin- Acho que alguém vai perder de novo.....


Sam- Igual você que me perdeu./ eles ficaram nas posições.


Santiago narrando——


Justin- Que visão.....


Sam- Vai se ferrar!


Justin- Só de pensar o quanto eu aproveitei....../ ele já estava me irritando. Assim que começou a corrida eu estava na frente, eu sempre fui um ótimo corredor. Consegui dar um volta completa, e era óbvio que eu iria ganhar.


Justin- Treinador, ele trapaceou!


Sam- Eu?! Você que parece uma lesma!


Justin- Eu?! Você quem trapaceia! Como de costume./ falou se aproximando de mim.


Sam- Você é tão sínico mesmo!/ sai revirando os olhos, fui me sentar na arquibancada.

Eu percebi que o Bryan estava me encarando, o que será que ele estava pensando? Ele estava sério, que louco....se ele vier de graça ele vai encontrar hoje.


Charles narrando——


Na hora do jogo, eu  fiquei no time que o Sam estava, eu percebi que ele jogava bem pra cacete. Ele e o Bryan tinha a mesma velocidade. 

Na minha vez de rebater, eu rebati com força, eu jogava bem pra cacete, eu fazia aulas de beisebol e outros esportes.

Eu correndo era muito bom, magrelo=super leve, eu ia de boa, sem fazer muitos esforços.


/// De tarde


Eu estava indo pro estacionamento pra ir pegar o meu carro, meu lindo filho que era uma Bugatti, linda e perfeita.

Eu avistei a Alison de longe e a chamei.


Charles- Alison!/ gritei e ela me escutou, veio em minha direção.


Alison- Carrinho legal...


Charles- Legal? Essa máquina é fantástica!


Alison- Bom eu não sei, eu ligo muito pra isso.


Charles- Quer uma carona?


Alison- Não sei....depende de onde você vai me deixar.


Charles- Na porta de um hotel é ruim?!/falei aproximando os nossos rostos.


Alison- Péssimo.


Charles- Me fala o seu endereço que eu te levo.


Alison- Ok....mas se fizer alguma gracinha você me paga!/ abri a porta pra ela.


Charles- Eu nunca faria isso..../ entrei e liguei o carro./- Eu não imaginava que você era amiga do Santiago.


Alison- Só porque eu sou popular?


Charles- Não combina muito, pessoas como eu e você, odiamos esse povinho que não tem status.


Alison- Você odeia, porque eu não ligo a mínima para status. Eu e ele somos amigos desde a quinta série.


Charles- Ele tem cara de ser chato demais.


Alison- Ele é divertido, tímido e ousado. Eu lembro de quando ele namorava Justin, eles pareciam bem felizes.


Charles- Não acredito que ele namorou aquele Justin... por que eles terminaram?


Alison- Justin meteu um chifre nele com metade dos garotos e garotas.


Charles- Caraca, não sabia.


Alison- Mas não comenta com ele, ele ainda sofre com isso.


Charles- Eu não falo com ele.


Alison- Tadinho, eu tenho tanto dó dele....


Charles- Por que?


Alison- Ele tem problemas com a família....


Charles- Todos temos./ falei encarando o retrovisor.


/// 


Sam narrando—-


Eu estava carregando algumas caixas quando o meu celular começa a vibrar, eu nem fui atender. 

Fiquei organizando os livros, os arquivos e tudo mais.

Assim que terminei recebi outra ligação, do mesmo número.


Sam- Alô? Quem gostaria?


-Oi.....tá ocupado?


Sam- Quem é?


-Bryan...


Sam-Bryan?! O que você quer?


Bryan- Preciso falar com você...posso te encontrar?


Sam- Hoje não dá.


Bryan- Pode ser amanhã na escola?


Sam- Ok....


Bryan- Ok, tchau./ ele desligou, o que será que ele quer?


Notas Finais


Desculpe pela demora😄😄


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...