1. Spirit Fanfics >
  2. Até que a morte nos separe (vhope) >
  3. Uma noite emocionante.

História Até que a morte nos separe (vhope) - Capítulo 4


Escrita por:


Capítulo 4 - Uma noite emocionante.


      TAEHYUNG ON


sinto alguém me sacudindo enquanto estava dormindo, abro um olho e bejo nayeon que nem uma doida tentando me acordar.



- vamos Taehyung, levanta!!!!! - abro os olhos arregalados achando que tinha acontecido algo.


- que foi?! A casa ta pegando fogo?! Mamãe ou papai estão passando mal?! A Neide ta qui?! Se for ela eu juro que vou... - nayeon me interrompe e quase meu coração sai pela boca.



- que?! Não! Já ta na na hora de ir para a balada. Ja passou de meia noite. Levanta! - nessa hora deu vontade de dá um soco na Nayeon, mas lembro que não devo bater em animais, apenas levar para o veterinário.



- merda, Nayeon! Que susto! Ta doida de me acordar assim?! - jogo um travesseiro na mesma.



- ai! Isso doi. Vamos logo!


- ta! Sai do meu quarto! - me levanto da cama.


- pra que? - ela levanta a sobrancelha com deboche.


- você não quer ver eu me trocar, né?


- ah ta. - ela rir bobo. - to indo. - reviro os olhos e ela fecha a porta.


Coloco minha roupa de festa (capa) e vou para a mesinha que esta minhas chaves do carro. Nayeon ficou me esperando apoiada com seu corpo no carro. Nós dois entramos no carro, colocamos o sinto e fomos. No caminho, Nayeon ficava colocando maquiagem. Porém na mexida do carro até la, Nayeon ficava borrando a maquiagem achando que estava acertanto.

Parei o carro pois ja tinhamos chegado. E quando olho para Nayeon, ela estava que nem uma palhaça e não pude segurar pra não rir.

Chamei a atenção de todo mundo com a minha risada porque ela era estranha quando a coisa é muito engraçada. Um garoto que parecia ter tido minha idade estava no meu lado, mas mal conseguimos ver um ao outro por causa do lugar escuro. Ele ouvia minha risada esquesita.


- ta bom, jin, para de rir. - o garoto falou para mim e se virou. - opa! Desculpa ai, cara. - ele saia dali dando risadas.


Eu nunca tinha rido tanto na minha vida. Essa foi uma vez mágica, uma vez que nunca iriei esquecer. Entrei com a nayeon que me deu um susto gritando que nem uma doida encontrando as "amigas" e deixei ela sozinha com as amigas para ficar sentado no balcão onde pedi um refri. Ficava olhando a festa rolar mas não sai do lugar pois eu não estava afim de mexer, até que ouço uma foz familiar.



- acho que alguém gostou da festa e quis vim de novo. - me virei e me deparei com aquele sorriso lindon do Hoseok.


- ah, é você. - comprimentei o mesmo com um aperto de mão.


- eu estava olhando você e você não estava fazendo nada então vim até aqui. Você quer que eu te mostre a mesa de DJ parq você sabir desse tedio?. - um sorriso invadiu meu rosto. Ser DJ era o meu sonho! - claro! - me levantei e o segui até a mesa.



- então vamos. - Hoseok dava risadas do meu jeito animado.


Senti meu sonho tentando sair da minha cabeça pra se tornar realidade quando toco no aparelho, mas sabia que nunca poderei ser DJ e poder tocar em uma coisa dessa. Olhava para o publico dançado e imaginando como eu estivesse fazendo o show de batidas animadas.



°•||imaginação on||•°



- e com vocês, DJ V! - um homem dizia com o microfone em mãos e todos aplaudiam.


Me posicionei no aparelho e comecei a tocar e todos cantavam juntos e dançavam.



- "so what..." - cantava a música com o meu ritimo eletrônico, até que vejo alguém passando a mão na frente do meu rosto.


°•||imaginação off||•°



- o que? O que? - dizia quando noto Hoseok passando a mão na frente de meu rosto.


- Taehyung? Eu estava falando com você mas você estava voando alto.



- desculpa. - fico corado e rio que nem bobo.


- tudo bem. Você quer...que eu te mostre como funciona? - assenti.



Hoseok me explicou como funcionava aquele aparecelho e aprendi rápido, pois eu estava bastante atento ja que eu estava curioso para saber e poder tocar.



- nossa, Taehyung! Você aprendeu rápido! - hoseok dizia impressionado enquanto eu estava tocando.



- wow! Eu não acredito que estou fazendo isso mesmo! - estava emocionado e feliz por poder realizar o meu sonho por uma noite.



Tinha tocado mais de vinte músicas e por causa disso fiquei cansado e parei. Fui tomar um copo de água e peguei meu celular para esponder algumas mensagens e vejo que ja era cinco e quarenta e cinco. Fiquei muito assustado, meus pais poderiam acordar a qualquer momento e notar que eu e Nayeon não estavamos ali! Fui imediatamente pegar nayeon para ir para casa, e nessa hora vejo... não acredito! A criatura dormiu no chão.

Peguei a mesma e carreguei em estilo noiva para o carro. Coloco ela no carro e coloco o sinto nela e vou embora com ela para casa. Quando a gente chega, pego Nayeon e a carrego para o quarto da mesma e boto ela lá.

Vejo minha mãe andando pela casa com seu roupão tomando café olhando para o celular e fui para meu quarto silenciosamente sem que ela percebesse, e tirei minha roupa e deitei na minha cama e adormeci. No estante que fechei os olhos... droga!



Relógio: 06:00




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...