História Até que os jogos os separe - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Namjin, Taekook, Yoonmin
Visualizações 12
Palavras 971
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Suspense, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura.

Capítulo 3 - Eu sou muito extremamente lindo.


Fanfic / Fanfiction Até que os jogos os separe - Capítulo 3 - Eu sou muito extremamente lindo.

Dia seguinte

Me levantei com certa dificuldade havia dormido tarde ontem pensando em certas coisas, entrei no banheiro, retirei minhas roupas e entrei na box logo ligando o chuveiro

Kook: Uii fria 

O aquecedor havia quebrado... tinha esquecido, continuei o banho 

(...)

Terminei de me vestir, vesti uma camisa e um macacão e calcei os sapatos

Mãe: Kook você vai se atrasar 

Kook: Já estou indo.

Me olhei no espelho e escovei os cabelos botando os óculos em seguida, sai do quarto e caminhei até a cozinha vendo já o café da manhã servido.

Mãe: Aquele papel que você trouxe ontem, o que era?

Kook: É o autografo de um ator ele também é modelo e um empresário.

Mãe: Conseguiu fácil assim o autografo de uma pessoa famosa?

Kook: Realmente, eu estranhei, é uma pessoa famosa e não tinha ninguém o acompanhando ou pessoas querendo um autografo dele a não ser eu

Mãe: Ele não é tão famoso assim?

Kook: Ele é bastante, a senhora já assistiu um drama com ele

Mãe: Qual drama?

Kook: Não lembro o nome agora

Mãe: Certo, coma e vá para o colégio.

(...)

E como sempre onde passo as pessoas olham para mim com repulsa principalmente os meus colegas de classe, felizmente o meu outro eu ao qual chamo apenas de Jeon não costuma aparecer no colégio agradeço por isso, senti alguém apertar a minha cintura e dei um pulo 

Jimin: Bom dia

Kook: Você quase me matou de susto e o que está fazendo aqui?

Jimin: aish, vim te visitar já que você não vai na minha sala 

Kook: Por que eu iria? hm? 

Jimin: Para conversar e não ficar isolado aqui com esse bando de gente asquerosa

Kook: Fala baixo 

Jimin: é pra escutar mesmo

Kook: Não me faz passar mais vergonha Jimin

Jimin: Muda de sala e vem para a minha

Kook: Já está acabando o ano Jimin

 Ele bufou

Jimin: Engraçado que você não colabora

Kook: Amanhã sai o resultado do vestibular

Jimin: NÃO ME LEMBRA AINNNN

Kook: Você estudou bastante.

Jimin: Mas estou nervoso 

Kook: Vai querer mesmo ser médico?

Jimin: Sim.

(...)

Professor: Você nunca foi de entrar em brigar JungKook

JungKook: Desculpe professor

Professor: Você tem que pedir desculpas ao seu colega

JungKook: Eu faço tudo mas não peço desculpas a ele

Professor: Se é assim, terá um castigo

JungKook: O que tenho que fazer?

Professor: Eu ia fala isso na próxima aula mas como tivemos esse incidente você fará um trabalho voluntário.

JungKook: Em que parte?

Ele me entregou o papel ao qual tinha o nome da empresa e o que eu deveria fazer.

JungKook: Quando eu devo começar?

Professor: Amanhã depois das aulas, você termina ás 18:30

Assenti 

Professor: Pode ir para sala agora, tente não arrumar mais confusão 

JungKook: Certo.

Sai da sala e senti uma forte dor de cabeça logo me encostando na parede, toda vez que mudamos isso acontece e a cada dia essas dores de cabeça vem se tornando insuportável, fechei os olhos enquanto segurava o meu cabelo os puxando um pouco.

Jimin: Kook.

Olhei para frente e vi Jimin

Jimin: Você está bem

Kook: Sim, estou só um pouco de dor de cabeça 

Jimin: Você lembra da briga que teve?

Kook: Eu não imaginava que ele tomasse meu corpo naquela hora. 

Dei um suspiro, isso está virando um inferno 

Jimin: você não deveria procurar um especialista...

Kook: Eu não vou voltar a me encher de remédio, em nenhum momento me ajudou apenas me fez ficar pior. 

Jimin: Mas isso está passando dos limites Kook

Kook: Vamos parar de falar sobre isso, eu não voltarei a procurar ajuda de psiquiatras 

Jimin: Se eu me tornar um você viria para a minha clínica né?

O olhei

Kook: Tá mais para você piorar minha situação Jiminie

Jimin: É sério JungKook.

Kook: Então, eu iria sim.

Jimin: ótimo, venha.

Ele me ajudou a voltar a sala, felizmente com o tempo que andei minha cabeça parou de doer.

(...)

Kook: Sabia que ter virado Jeon naquela hora não foi tão ruim

Jimin: Verdade, se não você teria apanhado bastante

Kook: Nem por isso, eu terei que fazer um trabalho voluntário e sabe onde?

Jimin: Onde?

Mostrei o papel ao mesmo

Jimin: Sério??

Kook: Sim, por isso brigar não foi má ideia... Jimin cadê os meus óculos?

Jimin: Foi sentir falta deles agora?

Kook: Sim, por isso eu estava vendo tudo embaçado...

Jimin: ai ai, durante a briga eles quebraram vai ter que fazer outro

Kook: Mentira né??

Jimin: Não.

Suspirei e levei o sanduíche até a minha boca 

Kook: Minha mãe vai reclamar bastante

Jimin: Vai levar uns tapas JungKook

Ele riu

Kook: Tu para de rir da desgraça dos outros 

Jimin: Não consigo

(...)

Mãe: O que ouve JungKook??

Kook: Você já recebeu a ligação?

Mãe: Sim e por que isso agora?

Kook: Eu não ia deixar o garoto bater em mim e ficar sem fazer nada

Mãe: Sim mas...

Kook: Mas o que? 

Dei um suspiro

Kook: Vou tomar um banho.

Subi as escadas 

(...)

Me olhei no espelho do banheiro 

Jeon: Aish, como se atrevem a machucar o meu rosto? 

Toquei no canto da boca e faço uma careta de dor 

Jeon: Maldito... 

Revirei os olhos e bufei, até parece que eu ia deixar machucarem ainda mais o meu corpo perfeito 

Jeon: Eu sou muito extremamente lindo 

Sorri, peguei a toalha logo a botando em volta da cintura e saindo do banheiro, caminhei até o guarda roupa e peguei uma roupa, escutei o toque do celular e fui ver quem era o bendito que me manda-rá mensagem.

" I will be there "

Que danado é isso? 

Jeon: Cada uma que me aparece 

Voltei a por o celular na escrivaninha, me vesti e escovei os cabelos 

Jeon: como eu ainda posso estar solteiro? 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado
Desculpem qualquer erro
Agradeço aos comentários anteriores
Bjs de açúcar


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...