História Atração fatal - Capítulo 34


Escrita por:

Visualizações 9
Palavras 1.336
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Policial, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 34 - Mais uma garrafa


Cena 01 – Mansão Cabral – Noite.

Antônia abre a porta e se depara com o advogado Ricardo Brandão.

- Boa noite. A Geovana está? – Questiona o homem.

- Boa noite. Eu vou chama-la! – Disse Antônia.

Geovana surge no alto da escada.

- Não precisa Antônia. Tudo bem Ricardo? – Pergunta Geovana descendo.

- Estou ótimo. Podemos conversar a sós? – Questiona Ricardo.

- Antônia... Deixe-nos a sós! – Pediu Geovana.

- Com licença! – Disse a empregada ao sair.

- Agora que estamos sozinhos. Pode me responder por que não vai mais seguir com o pedido do divórcio? – Pergunta Ricardo.

- Eu pensei bastante nessa decisão e no momento não quero mais seguir em frente. Quero dar uma nova chance para o meu casamento. – Disse Geovana.

- Tem certeza disso Geovana? E como fica a gente? – Questiona Ricardo.

- Nada muda. Eu só peço que você entenda. – Pediu Geovana.

- Você tem direito a metade da fortuna com o Nelson. Essa casa é o de menos. – Disse Ricardo.

- Não continuarei aqui por causa dessa mansão, eu não posso perder o Nelson. Eu descobri que ainda o amo. Gosto de você Ricardo, mas amo o meu marido. – Disse Geovana.

Tocando “Christina Aguilera – I’m Just a Fool”.

Geovana se aproxima de Ricardo e lhe dá um rápido beijo.

- Você tem certeza que é isso que você quer? – Questiona Ricardo.

- Eu já fiz a minha escolha e espero sinceramente que você aceite e entenda. – Respondeu Geovana.

 

Cena 02 – Teatro – Noite.

Nelson e Beatriz assistem a uma peça. Os dois estão adorando toda a história e a cada minuto os olhares se tornam mais fortes. Ele segura a mão da modelo e ela sorri.

- Você está me fazendo bastante feliz! – Disse Nelson.

- Essa é a minha intenção. Sempre te fazer feliz! – Respondeu Beatriz.

Eles se beijam rapidamente e depois voltam a dar atenção a peça.

 

Cena 03 – Interior – Casa de Alzira – Noite.

Clara serve um café para o namorado Mário e os dois permanecem na sala.

- Já disse que amo o seu café? – Pergunta Mário.

- Essa é a primeira vez que faço um café para você. – Respondeu Clara sorrindo.

Clara olha para o relógio e parece aflita.

- Aconteceu alguma coisa? – Questiona Mário.

- Estou preocupada com a Tia Alzira. Ela saiu mais cedo e ainda não voltou. Também percebi que ela não tem tomado os remédios. – Disse Clara.

- Então, melhor conversar com ela quando chegar! – Disse Mário.

- Vou conversar. Estou aqui por causa dela e se algo acontecer? Já tentei ligar para a Clarice, mas a minha irmã não me atendeu. – Disse Clara.

- Liga de novo! – Disse Mário.

 

Cena 04 – Casa de Praia – Noite.

Marcelo prepara o jantar e arruma a mesa para impressionar Clarice.

- Posso saber o que está fazendo? – Questiona Clarice.

- Estou preparando um prato especial. Não é todo dia que pedimos a mão de uma pessoa em casamento e ela diz sim. – Disse Marcelo.

- E você pretende perguntar a outras pessoas? – Questiona Clarice.

- Talvez! – Disse Marcelo piscando um dos olhos.

- Sério é? – Pergunta Clarice.

- Quantas vezes você quiser dizer sim! – Disse Marcelo.

- Bobo! Eu vou dizer é não! – Responde Clarice sorrindo.

 

Cena 05 – Apartamento de Raul – Noite.

Stela toca a campainha do apartamento do pai de Beatriz e Raul surge para abrir a porta.

- Quem é a senhora? – Questiona Raul.

- Eu sou amiga da Beatriz. Como vai? – Pergunta Stela.

- A Beatriz não está. – Responde Raul.

- Sério? Eu queria tanto falar com a Beatriz. Será que ela vai demorar? – Questiona Stela.

- Provavelmente... Minha filha saiu com o futuro marido dela. Acredito que nem volta hoje! – Disse Raul.

- Futuro marido? – Questiona Stela.

- Sim... Minha filha Beatriz está prestes a se casar com um empresário cheio da grana! – Respondeu Raul.

- A Beatriz ainda não me contou. Eu a encontrei antes de sua viagem para a França. Precisamos nos encontrar o quanto antes. – Disse Stela.

- Verdade. Beatriz estava na França trabalhando como modelo, mas voltou há pouco tempo. – Disse Raul.

- Eu acompanho a trajetória da Beatriz. É uma modelo muito conhecida! – Responde Stela.

 

Cena 06 – Casa de Margarete – Sala – Noite.

Dunizete chega com um bolo e entrega para sua amiga Margarete.

- Como você está minha amiga? – Questiona Dunizete.

- Estou em pedaços Dunizete. Dói um pouco, mas um dia passa. – Disse Margarete.

- Você parece estar reagindo melhor do que eu esperava! – Disse Dunizete.

- Eu ainda amo aquele homem, mas eu amo mais a mim. Eu não posso perdoá-lo. Eu sou do tipo que se traiu, não tem segunda chance. – Disse Margarete.

- Eu entendo...

- Ele poderia ter terminado tudo antes comigo, mas preferiu me trair com aquela mulher. Não posso perdoar. Agora será diferente daqui para frente! – Disse Margarete decidida.

- Ele me pediu um quarto na pensão, mas recusei, eu pensei em você quando chegar lá em casa, eu prefiro lhe poupar de qualquer constrangimento. – Disse Dunizete.

- Não precisava amiga. O Leandro vai continuar no bairro e vai chegar uma hora que vou cruzar com ele no caminho. – Disse Margarete.

 

Cena 07 – Apartamento de Fernanda – Noite.

Fernanda se arruma para trabalhar e Leandro aparece na porta.

- Leandro? Decidiu onde quer ficar? – Questiona Fernanda.

- Arrumei um lugar no meu bar. Vai sair agora? – Pergunta ele.

- Eu tenho que trabalhar meu amor. Você sabe que pode ficar na minha casa, só não quero que fique obrigado. – Disse Fernanda.

- Eu ainda ando bastante confuso! – Disse Leandro.

- É melhor você se decidir o quanto antes. Eu não estarei disponível para sempre. O tempo corre meu bem! – Disse Fernanda saindo.

Leandro vê a mulher descer o prédio e entrar no táxi.

- Meu Deus! O que fiz com a minha vida? – Questiona Leandro.

 

Cena 08 – Bar – Noite.

Cláudia encontra a amiga Hellen e as duas se abraçam.

- Estou orgulhosa de você! – Disse Hellen sorrindo.

- Estou aprendendo a ser forte. Não vou mais esperar pelo meu marido. O Eduardo. – Disse Cláudia.

- É assim que se fala minha amiga. Você sabe que estou aqui para ajudar. – Disse Hellen.

- Dá um frio na barriga... Mas quero tanto um filho. Eu já deveria ter feito isso há muito tempo. – Disse Cláudia.

- Está tudo tão perto agora! – Disse Hellen.

 

Cena 09 – Apartamento de Raul – Noite.

Stela e Raul continuam conversando. Os dois bebem um pouco de uísque.

- Está ficando tarde...

- Espere mais um pouco. Quem sabe a Beatriz não chega e você está sendo uma maravilhosa companhia. – Disse Raul encantado com a mulher.

- Não posso ficar mais, amanhã trabalho cedo. Queria muito ficar mais um pouco e beber a outra garrafa. Eu tento até me conter, mas acabo me entregando. – Disse Stela.

- Por favor! Tomamos outra garrafa juntos! – Disse Raul.

- Ok! Só mais uma! – Respondeu Stela sorrindo. – E a gravidez da Beatriz? Ela está se cuidando direitinho?

- A Beatriz? Que gravidez? Ah sim! Ela sabe se cuidar do jeito dela! – Corrigiu Raul ao perceber que quase falava demais.

- Uma gravidez tem que ser bem acompanhada. Quando encontrar a Beatriz vou dar alguns conselhos. Eu também sou mãe de um rapaz.

- Sério? Não parece. Uma aparência tão jovem! – Disse Raul.

- Já estou quase nos quarenta. São trinta e oito anos de vida. Eu tive o Daniel cedo demais. Hoje ele está com 20 anos. Imagina só. – Contou Stela.

 

Cena 10 – Empresa Cabral – Dia.

Clarice entra na sala de Stela que a encontra lhe esperando.

- Alguma novidade? – Pergunta Clarice.

- Ontem eu estive com a agradável companhia do Raul. O pai da Beatriz. – Disse Stela.

- A Beatriz esteve com o Nelson o tempo todo. Aquela biscate está jogando com tudo para cima do pai do Marcelo. – Disse Clarice.

- Ela está blefando. Eu tenho certeza absoluta que essa gravidez é tão falsa quanto à grávida de Tau...

- Você tem certeza disso? – Questiona Clarice.

- Vamos destruir com essa piranha! – Afirma Stela.

 

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...