1. Spirit Fanfics >
  2. Através do tempo - Obisaku >
  3. Melhores amigos?

História Através do tempo - Obisaku - Capítulo 12


Escrita por: Sakura-san378

Notas do Autor


Desculpem a demora, eu meio que andei ocupada esses dias. E não deu tempo de escrever nenhum capítulo, mais aí está.❤️

Espero que gostem.❤️

Capítulo 12 - Melhores amigos?


Fanfic / Fanfiction Através do tempo - Obisaku - Capítulo 12 - Melhores amigos?

Após Minato se sentar ao lado de Obito, fitou Kakashi com o cenho franzido. Estava muito curioso para saber exatamente o que aconteceu naquela sala, o que seus queridos alunos fizeram? O que o filho de Sakumo fez com Sakura para ela o socar? Tinha que ter sido algo muito sério. Será que o albino falou algo que a Haruno não gostou? Podia pensar em várias coisas, desde a chegada da garota Kakashi implicava com ela.

Sabia que isso era somente para esconder o sentimento confuso que estava sentindo sobre ela, sobre Rin também. Minato sempre desconfiou que o aluno sentisse algo pela menina Nohara, mais agora com a chegada da rosada ele se sentia estranho. Era normal, várias pessoas se sentia assim. Claro que nunca aconteceu com o loiro, ele sempre foi apaixonado por Kushina, sabia que ela também.

Mais com Kakashi era diferente, ele nunca amou alguém romanticamente. Como sensei, e também amigo dele, tinha que fazer algo sobre isso. Poderia pedir para Obito sair, queria conversar com o albino sozinho. 

Suspirou.

Não! Obito não sairia, ele estava muito concentrado no rival.

O Uchiha queria saber o que o amigo fez, Sakura sempre foi muito "doce". Porque ela tinha batido no companheiro? Conhecia Kakashi desde muito novos, ele jamais faria algo que não tivesse pensado e repensado antes. Apesar do Hatake ser alguém considerado frio, Obito sentia que era só uma máscara, essa que logo logo irá quebrar.

O silêncio pairava entre eles, nenhum dos três disse nada desde a saída das meninas. Kakashi estava receoso, como contaria que beijou Sakura? E que foi por isso que ela o socou? Poderia inventar algo, mais não! Minato não acreditaria, tão pouco Obito. 

— Eu não tenho a noite toda, Bakashi. — Obito disse batendo o pé no chão. — e nem pense em mentir, eu sei quando faz isso, sua máscara não esconde tudo. 

Kakashi riu.

— Você é muito impaciente, Obito. — resmungou. — porque está tão interessado nisso?

— Porque ela é minha amiga, porque eu não deveria se importar?

"Amiga, eh?"

— Eu beijei a Sakura, foi isso o que aconteceu. — coçou a nuca demonstrando seu nervosismo. 

Tanto Obito, quanto Minato ficaram calados e se entreolharam.

— Você o quê... — Minato questionou em baixo tom, queria poder gritar com o aluno, mais se fizesse iria acordar os donos da casa. — você tem idéia do que fez?

— Claro que tenho. — murmurou pra si mesmo. — ou não.

"Rin"

Obito riu baixo e logo se levantou do sofá, andou em direção a escada. Olhou para o sensei e disse:

— Acho que eu entendi o que o senhor quis dizer naquela noite. — Minato piscou confuso. — não sou só eu, certo?

— A-ah. — foi tudo o que o loiro conseguiu responder. 

"Eu sei que você gosta dela, Obito."

A frase da conversa que teve com o aluno soou na cabeça do Namikaze, então era disso que ele tava falando?

"Mas lembre-se, não é só você."

Minato levantou o olhar para a escada a procura do moreno, mas não o viu. Obito já tinha subido para o andar de cima, deixando apenas Hatake e o mesmo.

— Porque você beijou a Sakura, Kakashi? 

O citado corou levemente, mais como estava de máscara o outro não conseguiu ver.

— E-eu não sei. — encarou o sensei que o fitava com uma sombrancelha arqueada. — eu sinto algo por ela, só que também gosto da Rin.

Minato murmurou e pediu para ele continuar, talvez pudesse ajudar seus amados alunos.

— Desde a chegada da Sakura eu me sinto estranho, meus sentimentos por Rin estão confusos. — se sentou ao lado do Namikaze e abaixou a cabeça. — eu acho que gosto delas duas, o que você acha sensei?

— Não cabe a mim responder isso, Kakashi. — o citado o olhou. — são seus sentimentos, talvez com o tempo você consiga entende-los. Tente passar mais tempo com Rin, alguns sintomas do amor surgi assim.

— Sintomas dos amor? — sussurrou confuso. — como eles são?

— Quanto mais se está perto da pessoa amada, mais se quer continuar perto, seu coração bate mais rápido quando está com ela. Você pode corar, suas mãos podem suar, você se sente nervoso ou envergonhado. — explicou. — você sente isso quando está perto de Sakura?

— Nunca parei para pensar nisso. — respondeu. — você se sente assim quando está com a Kushina-san?

Minato corou.

— Pelo visto sim. — riu. — obrigado, sensei. Acho que a partir de agora eu irei tentar passar mais tempo com a Rin, e assim posso ver se sinto essas "sintomas dos amor."

Kakashi se despediu do loiro e subiu para o quarto, estava tentando não demonstrar sua animação. Ele estaria errado ao seus sentimentos? Poderia ele estar apaixonado pela companheira de time? Queria as respostas, mais antes tinha que pedir desculpas para Sakura. Ele tinha sido muito impulsivo ao beija-la, com certeza ela está com raiva dele. E com razão, agora que tinha pensado direito, ele nem pensou nos sentimentos dela.

E se Sakura já gostasse de alguém? 

Após chegar no quarto conseguiu sentir o chakra do amigo muito agitado, o que Obito estava fazendo? Abriu a porta com cuidado e observou o local escuro, Obito estava na varanda. Seguiu até ele em passos silenciosos e se sentou ao seu lado, o moreno olhava para as estrelas. 

— Porque Kakashi? — o Uchiha murmurou ainda fitando o céu estrelado. — porque sempre quer tirar tudo de mim? Já não bastava a Rin-chan, agora quer a Sakura?

O filho de Sakumo o olhou incrédulo, como assim tirar tudo?

— Do que você está falando, Obito? — questionou. — eu nunca tentei tirar nada seu, e eu...

— Pare de mentir, Kakashi. — fitou o rival com lágrimas nos olhos. — você sabia que eu gostava de Rin, e mesmo assim se permitiu gostar dela também. Agora que eu desisti dela e estou sentindo algo por Sakura, você quer tomar ela de mim também.

— Obito você gosta da Sakura? — o moreno riu. — porque não me disse?

— Como se você não soubesse, o que acha que eu sou idiota? — limpou as lágrimas. — eu posso ser ingênuo as vezes, mais burro eu não sou. Você também gosta da Sakura, não gosta?

— Não, e-eu não... — negou se levantando. — eu não sei.

— Você é muito falso, eu confiei em você. Eu sempre te perguntei se você sentia algo por Rin-chan, mais você sempre negava. Você me disse que nunca sentiu nada por ela, você mentiu pra mim. — pegou Kakashi pela gola da camisa e o empurrou na parede. — será que poderíamos continuar sermos amigos? Eu realmente não sei, eu não sei se posso confiar em você novamente.

— Você quer terminar nossa amizade que durou anos por causa de uma garota, Obito? — empurrou o moreno para longe. — e eu disse a verdade sobre Rin, mais tudo mudou. Eu comecei a ter sentimentos por ela, eu não mando no coração, como eu poderia ter evitado isso?

— VOCÊ ERA MEU AMIGO, PODERIA TER ME CONTADO. — gritou. — que tipo de amigos gostam da mesma garota? 

— Eu sei que errei, Obito. — se abaixou ficando perto do citado. — me desculpa, se você quiser eu posso me afastar da Rin, mais não podemos terminar nossa amizade. Você é meu melhor amigo, você é a única pessoa que me entende. Sem você, quem vai me dizer quando estou errado? Quem vai me irritar nas missões? Sem você eu não vou poder bater mais nos garotos que gostam de zombar dos nossos amigos.

Obito encarou o albino choroso e o abraçou, Kakashi correspondeu o abraço. Ambos amigos/rival choraram juntos, como poderiam ficar afastados? Eram melhores amigos, amigos desde muito novos.

Do lado de fora do quarto Minato sorria alegre, foi bom não ter apartado a briga deles. Se fizesse, eles estariam brigados e não queria isso. Ele era testemunha da amizade daqueles dois, não só ele, como Sakumo, Kushina e a própria Rin.

Sabia que Rin jamais se perdoaria se soubesse que foi o motivo da briga dos amigos, ela viveria com a culpa. A morena era doce, gentil e amável. Jamais iria ou desejou o mal para alguém, principalmente se eles fossem seus amigos ou conhecidos. Tudo o que a Nohara queria era paz, ter uma vida boa e ter sua própria família.

Rin nunca quis demais, sempre foi o elo da equipe. Como ela ficaria após saber do que aconteceu? Rezava para que nenhuma das meninas tivesse ouvido a discussão deles, elas eram sentimentais demais.

 

 

Em um lugar afastado, um ser observava tudo. Um sorriso diabólico surgia em seus lábios, talvez ele já tivesse achado suas próximas vítimas


Notas Finais


Eu quis muito chorar quando eu estava fazendo a briga do Kakashi e Obito, kkk.😶

O que acharam? O que aconteceu na história é o que sempre acontece na vida realmente, sempre algum amigo gosta da mesma pessoa que a outra. Já aconteceu comigo, e bem, eu preferi parar de gostar do menino do que terminar minha amizade que durou anos.😌

Quem será a pessoa que apareceu por último?🤔

Espero que tenham gostado.❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...