1. Spirit Fanfics >
  2. Attack Of The Killer Bunny >
  3. CAPUT V - Quaerens me?

História Attack Of The Killer Bunny - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Olha quem voltou, depois de um bom tempo ?! Hehehe
Eu sei que eu mereço uns tapas por ter demorado tanto, perdoem-me ❤
Mas está aí o quinto capítulo dessa fanfic doidona, espero que gostem

Capítulo 5 - CAPUT V - Quaerens me?


Depois de um almoço maravilhoso, Isabella voltou para sua casa e avisou a (S/n) que sua entrevista de emprego seria no outro dia. No fundo, a Kim se sentia "estranha" em relação a essa entrevista. De acordo com as informações que a amiga brasileira tinha dito a ela, Isabella tinha ganhado esse tal emprego por um coreano que dizia ser dono de uma empresa em Seoul, os mesmo se conheceram e trocaram mensagens pelas redes sociais. Suspeito ? Sim. Estanho ? Mais ainda. A Kim sentia que no fundo essa entrevista podia não ser uma coisa boa. E se fosse um sequestro ? O medo de perder sua amiga era grande, (S/n) não queria perder mais ninguém. Então, teve uma ideia ! Meio idiota ? Bom, provavelmente, mas se ela fosse atrás de sua amiga na tal empresa poderia se certificar que talvez não acontecesse nada e que isso seja apenas coisa de sua mente fértil. Com essa ideia na mente, a Kim iria ir mesmo até a empresa, estava preocupada demais com sua amiga e teria de fazer isso.

(...)

A Kim mais nova acordou no outro dia já ciente que iria atrás de sua amiga, como a brasileira também havia dito o local onde a tal empresa fica, a coreana anotou o local no bloco de notas de seu celular. A rua onde a tal empresa supostamente fica, realmente existe ! A Kim já até mesmo já passou pela tal rua, mas nunca havia reparado uma empresa ali que contrata-se modelos. Ok, tá ficando ainda mais estranho.

Olhou o relógio, e BIM ! Já estava na hora, vamos agir, pegou seu celular e uma pequena bolsa, disse uma desculpinha esparramada para os Appas afim de que os mesmos a deixassem sair. Chegou uns minutos antes do horário da entrevista da amiga brasileira e ficou "escondida" para que a amiga não perceber ela ali. Desde que chegou, percebeu que tinha um carro preto estacionado na rua com um homem encostado nele, provavelmente o dono do carro.

Porque a sensação de que aquele cara é suspeito ?

Passou um tempinho e logo, Isabella chegou, com uma roupa formal, ficou uns minutos conversando com o cara que estava encostado no carro e logo entrou no carro do mesmo, indo pra algum outro lugar que a coreana não fazia ideia de onde seria.

Mas que merda ! Onde será que ela foi agora ?

Poxa, que pena, missão fracassada. A Kim não fazia a mínima ideia de onde eles poderiam estar indo. Será que a tal empresa fica em outro lugar e esse era apenas um simples local de encontro ? Ok, isso tudo continua estranho. Mas, não tinha outro jeito de descobrir, a coreana apenas voltou para sua casa e ficou a espera de alguma mensagem da sua amiga.

Kim (S/n) P.O.V.s

Aish, nenhuma mensagem... Nada ainda. Aigoo, estou preocupada com ela. Será que está tudo bem e isso é apenas coisa da minha cabeça ? Acho que deve ser mesmo, sou meio maluca.

Levanto da minha cama e vejo a hora pelo relógio do celular. 20:45hrs.

Mas já ??? Como assim ??? Eu mal pisquei os olhos !

Saio do meu quarto e vou até a sala. Não vejo ninguém na sala, provavelmente meus irmãos estão em seus quartos. Vou na cozinha e também não tinha ninguém.

Estranho, esse horário o Jin ou a minha Omma estariam fazendo comida... Só sei que estou com fome... Acho que vou comprar um lanche, já que ninguém vai fazer comida. Eu que não vou fazer.

Volto ao meu quarto e pego minha carteirinha que tinha pouco dinheiro mas dava pra comprar um lanchinho. Arrumo meu cabelo e saio de casa indo até um mercadinho que ficava a apenas três ruas longe de casa. Chego no mercadinho e compro algumas besteiras e vou andando normalmente até em casa.

●ω● Autora P.O.V.s ●ω●

Enquanto voltava para sua casa, (S/n) percebeu que estava sendo seguida por um homem estranho. Ela olha para trás, disfarçadamente, e o tal homem continuava a segui -la e a se aproximar cada vez mais.

"Só tem uma coisa a fazer... Corre negada !"

A mesma começa a correr, o homem quase a alcança mas de repente, ela ouve um barulho alto te tiro. Com o susto, ela se joga no chão, quando olha pra trás vê o homem morto e Killer Bunny segurando sua arma e olhando para o homem. A Kim arregala os olhos e Killer Bunny a olha, quando o mesmo ia se aproximar, eles ouvem a sirene de um carro de polícia. Killer Bunny logo se apressa e entra no beco mais próximo, assim fugindo. (S/n) ficou ali parada no mesmo lugar sem entender absolutamente nada do que havia acabado de acontecer. Ele "salvou" ela ? 


Notas Finais


Desculpem-me pelo capítulo deveras curto, mas prometo que o próximo será maior e com mais conteúdo ❤
Beijos de Nutella e até o próximo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...