História .autoestima. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Autoajuda, Autoestima
Visualizações 11
Palavras 799
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drabble, Poesias

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi meus amores! Pensando na vida resolvi colocar meu ponto de vista e minha experiência aqui para vocês. Boa leitura!

Capítulo 1 - Capítulo Único: "como contruí-la?"


Autoestima sempre foi algo complicado para o ser humano. Mas já parou para pensar que a sua autoestima não afeta apenas em como você se enxerga no espelho?

 

A autoestima passa disso. Ela afeta nos seus amigos, empregos, estudos, conversas.

 

E quando a sua autoestima te impede de sair de perto de alguém que você tem ciência que te faz mal? Aquela pessoa podre, que não te faz bem mas que em algum dia, foi legal com você. Você se sente grato porque ela lhe fez coisas boas no passado. Mas não significa que você precisa prender uma corrente unindo vocês. Caia fora, se ponha à frente. Ponha-se à frente de pessoas que são ruins. Seus sentimentos em primeiro lugar.

 

Nos seus estudos, empregos, você não se valoriza. Não sabe apresentar ideias, tem dificuldades para se expressar com chefes, professores ou colegas. Não se cale, ninguém é decapitado por abrir a boca. Ideias e críticas tem de ser ouvidas. Diga o que não gosta ou não se adapta em relação aos colegas. Ao apresentar trabalhos, não se acanhe. Sua inteligencia precisa ser ouvida. Não pense ser insignificante para todos, ou nunca vai ser a protagonista da sua vida.

 

Nas conversas, tem medo de expressar sua opinião. Não se assuste, converse normalmente e dê sua opinião no assunto. Se xingarem você, saia de perto. Não discuta com gente desse tipo. São pessoas que se expressão na agressividade e que não aceitam opiniões diferentes da sua. Discuta sobre um assunto somente com quem sabe conversar. Com quem respeita a sua opinião. Respeite elas, será respeitado(a).

 

Não se assuste com críticas! Críticas constroem você, sendo elas de você, de sua mãe, seu pai ou de um conhecido/amigo. Existem tipos de críticas, não misture-as! Existem as críticas boas/construtivas, que te ajudam a melhorar no que faz ou como age. Exemplo: "Seu desenho está lindo, você pode melhorar os traços, apenas". Essa crítica será levada e você se lembrará de melhorar o traço. Contudo, tem a crítica que chamo de "não-crítica". Ela não te ajuda em nada, ela te faz desistir. Exemplo: "Está horrível! Seu traço é horroroso". Você vai desistir de desenhar, toda vez que te elogiarem, vai dizer "meu traço é feio". Isso destrói, não constrói. Diferencie-as e ignore as "não-críticas". Não se lamente por errar, nem uma boneca é perfeita, afinal, ela não tem vida.

 

E na parte que todos lembram quando ouvem a palavra "autoestima": sua visão no espelho. Quando você se olha no espelho, desarrumada, cara limpa.

 

"Meu rosto e meu corpo são feios".

 

Eu te digo, uma parte avassaladora das mulheres e homens se sentem assim.

 

Não minto.

 

Eu me sentia assim, de verdade.

 

Mas pense: E no início de tudo? Do mundo?

 

Já parou para pensar que nossas estrias, celulites, espinhas, gordurinhas, nossa magreza, nossos cravinhos, nossas olheiras de sempre passaram a ser defeitos depois que passaram a vender "soluções" para isso? Nós somos naturais, mas na hora que você ouve que tem "solução" para seus mais lindos detalhes, seu orgulho por eles se esvai. "Se amanhã todas as mulheres acordassem amando seus corpos, quantas empresas iriam falir?"

 

Encare seu espelho. Olhe como seu sorriso é bonito e fofo, e seus olhos são bonitos. Olhe seu corpo de verdade. Não se arrume e faça isso. Vai de cara limpa, pijama e sua carinha de sono de domingo de manhã. Você é linda pra caramba! E cada um é da sua forma. Ninguém é obrigado a achar todo mundo lindo, mas precisamos lembrar que palavras machucam e destroem, e que pouco importam os defeitos físicos, mas importa o que você é de verdade.

 

E assim como você - que não é obrigado a achar todo mundo perfeito-, os outros não são obrigados a te achar perfeito. Porém lembre-se: quem tem que te achar perfeito é você. Sei que deve estar cansado de ouvir "quem vai te amar se você não se ama?", mas é muito verdade! Se ame antes, não espere dos outros o que você pode se dar. 

 

E pra ti que está sempre correndo atrás do príncipe ou princesa encantada: pare agora mesmo! Essas coisas vem na calma, vem sem querer. Pode ser a menina que você atingiu com a bola de futebol na escola sem querer. Aquela moça que sorriu para você na cafeteria. Aquele garoto que te olha às vezes no intervalo da escola. Aquele garoto quieto do seu emprego novo. Não corra desesperadamente atrás, mas quando sentir que pode ser aquela pessoa: não a deixe ir. Divida seu mundo com ela. E senão, não se apresse. Você é uma laranja inteira, não precisa da outra metade.

 

Você pode amar. Gostar. Adorar. Curtir. Mas nunca dependa de alguém para ser feliz.

 

Sua autoestima te constrói, valorize-se! Você é mais do que imagina realmente ser.


Notas Finais


obrigada pela leitura! Se puderem ou quiserem, comentem que me ajuda! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...