1. Spirit Fanfics >
  2. Avoiding the Inevitable (Imagine Johnny- NCT) >
  3. Capítulo XVIII

História Avoiding the Inevitable (Imagine Johnny- NCT) - Capítulo 18


Escrita por:


Notas do Autor


Desde já me desculpem os erros ortográficos ❤️
Boa leitura ❤️

Capítulo 18 - Capítulo XVIII


Fanfic / Fanfiction Avoiding the Inevitable (Imagine Johnny- NCT) - Capítulo 18 - Capítulo XVIII

CAPÍTULO XVIII        


Ten percebeu que Jhonny tinha levado Luna junto com ele, e certamente sabia que boa coisa não sobrar disso tudo, então assim que ele saiu, o Tailandês correu para a sala de Jeno e entrou no cômodo com tudo 


-Jeno...vamos para o matadouro, agora! 


-Quê?? -Olha assustando para Ten- por que.... Não me diz isso Ten...


-Eu obriguei a Luna me falar o que estava acontecendo com o Yuta, ela me contou e eu acabei falando para o Jhonny...


-VOCÊ É LOUCO???? -se levanta e abre uma de suas gavetas pegando uma arma- COM VOCÊ EU ME ENTENDO DEPOIS, VAMOS PRA LÁ! 


-Ok.... E mais um detalhe... Ele levou a Luna, se ele chegar lá e a S/n estiver morta eu tenho certeza de que... 


-ISSO É CULPA SUA! -interrompe o mesmo- VAMOS LOGO....


...


Antes que Yuta pudesse apertar o gatilho ouviu um som de carro chegando e freando fazendo um barulho ainda mais alto. 


-Que merda é essa... -Olha para a porta- Inferno! É o Jhonny! 


-JOHNNY!!!!!!!!!!! -Colucci Grita- 


-CALA A BOCA!!!! 


Yuta correu e puxou S/n a segurando por trás o mais forte que podia e apontou a arma para a cabeça da mesma.


...


-Aquele japonês desgraçado vai pagar bem caro por mecher com a S/n...-Sai do carro- 


-JOHNNY~~~ 


-É a S/n.... Anda Jessi.... -Abre a porta do carro puxando com força a garota para fora do Veículo- 


-Johnny....me deixa fora disso! 


-É melhor você ficar quieta! -pega uma arma e em seguida prende Jessi com seu braço e com o outro aponta a arma para ela-


-... você é louco... 


Johnny entrou no matadouro na intenção de trocar a Jessi pela S/n, caso contrario as duas morreriam ali. 


Assim que o Asiático viu sua namorada nos braços de Yuta com uma arma apontada para ela sentiu um aperto no coração, mas não deixou que isso o atrapalhace... 


-Luna?? -Yuta fala supreso-


-Jessi??? -S/n fala assustada- 


-Solta a ela agora Yuta...-Johnny fala sério-


-Você é idiota ou o que?? Ela tem que morrer Johnny... é ela sozinha ou vocês dois...


-Eu não te perguntei nada, agora solta ela! 


-Amor...o que é isso?? -Colucci fala chorando- 


-Você querendo ou não...eu vou atirar...


-aish...-respira fundo- então atira Yuta, atira pra você ver... você atira na S/n e eu atiro na Luna


-Yuta...solta logo a S/n...-Luna fala assustada- ele está apontando uma arma pra mim, você não está vendo porquê é por trás, eu não quero morrer...


-Gente....o que é isso?? O que está acontecendo, Como assim Jessi?? -S/n fala em meio ao choro- 


-Cala a boca!!! -Yuta aperta ainda mais a garota- você não teria coragem de matar a filha do seu superior.... 


-Não? -ri em deboche- até parece que você não me conhece... Experimenta pra ver se eu atiro não só nela...se a S/n morrer, morre nós quatro...


-Yuta... 


-Vamos Yuta... você escolhe o nosso destino aqui,  solta a S/n ou todos nós morremos... 


-Ta vendo sua vadia, olha só, isso é tudo culpa sua! -o japonês fala com S/n- você amoleceu o Jhonny, mas está vendo agora? Vê que eu não estava mentindo sobre quem ele é? Se eu matar você ele mata a Luna, eu e no final comete suicídio.... Seu príncipe não passa de um criminoso


Tudo que estava acontecendo já estava deixando S/n assuntada e fazendo-a chorar muito, e as palavras de Yuta deixaram ela com ainda mais medo e a fez chorar ainda mais pelo fato de seu namorado ser mesmo um criminoso.


Jhonny percebia o sofrimento de sua namorada e sentia a decepção dela, mas naquele momento ele tinha que manter o foco em salva-la das mãos de seu amigo sem nenhum arranhão...


-O que decide Yuta? 


-Anda Yuta!! -Luna fala ao sentir Jhonny encostar completamente o cano na arma nela- 


-... Você sabe que morrerá não é Jhonny? Você ela? Isso não vai adiantar nada! 


-Já estou ficando sem paciência... Coloca sua arma no chão e vem pra cá, deixa a S/n ai! 


-Quê?? -pergunta confuso-


-Você acha mesmo que eu confio em você?? Anda, faz o que eu pedi, joga a arma no chão e venha


-qual a garantia que você não vai atirar em mim e na Luna? 


-Eu garanto, eu falei que só atiraria se você fizesse algo com a S/n...agora faz isso... 


-Desgraçado... -Yuta sussurra-


-vai fazer? 


-Diferente de você, eu não quero morrer... -Tira a arma da cabeça de Colucci- 


-Otimo...eu te conheço bem e não confio em você em horas como essa... S/n, assim que ele te soltar fique parada aí mesmo... 


Yuta soltou devagar a garota e colocou a arma no chão


-Se tiver mais alguma é bom deixar aí também....


-Eu vim aqui apenas mata-la, não sabia que meteria em algo assim, eu só trouxe essa... -levanta as mão pra cima- 


-Agora vem...


No mesmo momento em que Yuta se afastava de S/n, Johnny se aproximava ainda com Luna... Quando o japonês finalmente chegou ao outro lado, Jhonny guardou a arma que apontava para a garota, a soltou e a mesma imediatamente correu até Yuta, e o coreanos  americano chutou a arma do amigo para longe onde nenhum deles conseguisse pegar tão rápido... 


Colucci estava com medo que não conseguia sentir raiva de seu namorado, com tudo o que estava acontecendo ela ainda se sentia segura com ele perto e não pensou duas vezes e o abraçou por trás. Ao receber o abraço de S/n, e sentir as lágrimas dela o molhando, se sentiu alivaso pois pensava que a única coisa que receberia dela naquele momento era desprezo 


-Agora vão embora da...


Antes que Johnny pudesse terminar de falar, os quatro foram surpreendidos ao ver Jeno entrando no local  apontando uma arma acompanhado de Ten... No mesmo instante,  S/n se soltou de Johnny e o mesmo pegou suas duas arma 


-ACABOU A PALHAÇADA!!! -Jeno grita- 


-Johnny...-Yuta fala preocupado-


-Amor saí daqui...eu te dou cobertura.... saí pelos fundos e procurar alguma casa, ou sei lá.... só saí daqui....


-Johnny...e você?? John...eu te amo, eu não me importo se você é essa pessoa horrível...


-Eu também te amo, mas agora não é hora de falarmos sobre isso, só saí daqui e não se preocupe comigo, fala para seu pai que vocês precisam sair daqui o mais rápido possível.... 


-Amor... você vai morrer.... -fala chorando ainda mais 


-Se eu vou morrer ou não, isso não importa, a prioridade aqui é você...-Vira o rosto olhando para a menor- se cuida -Sorri- agora vai -Olha novamente- para frente 


-Luna, Yuta...qual a situação?? 


-Apenas o Johnny está armado!


-Ten, vá até lá e tire as armas dele...


-Sim...  


O Tailandês se aproximou de Jhonny com as mãos pra cima mostrando que não estava armando...


-Johnny... Me dê as armas....


-tá me achando com cara de idiota??


-Não... O Jeno só vai atirar se você provocar, então me dê pra algo pior não acontecer...


-Qual a garantia?


-Eu estou na sua frente,  se ele atirar acertará em mim.... Agora me dê... 


-Anda S/n... saí daqui! -Entrega as armas para Ten- 


Colucci olhou para o rosto de cada um que estava ali e em seguida se virou de costas para todos na intenção de sair do local... Assim que ela começou a correr tentado fugir dali, ouviu um disparo e a bala a acertando


-S/N!!!!! -Johnny grita enquanto corre para segurar a garota impedindo que ela caísse- 


-JENO!!! -Ten grita- 


-Então.... você... você não estava apontando pra mim, e sim pra ela... -Johnny olha para Jeno enquanto se abaixa com S/n em seus braços- 


- amor...-S/n fala com dificuldade- 


-Fica queitinha... Não fala nada por favor.... 


-Eu te avisei Jhonny, avisei para você ter cuidado com o que você estava fazendo, mas você abusou....eu sinto muito mas tinha que fazer isso....eu estou com muita raiva de você, por mim te mataria agora também, mas ter ver sofrendo enquanto ela morre em seus braços já é o suficiente.... 


-Sai....sai daqui todos vocês, sai daqui agora! -fala chorando- 


-Amor...eu acho que nunca senti tanta dor na minha vida... 


-Não se esforce... Você precisa ficar bem... -faz carinho no rosto da mesma- 


-Vamos todos... Deixa esses dois aí, ele merece sofrer isso! -Jeno saí do local- 


-Me desculpe Johnny... -Ten fala acompanhando Jeno- 


-... Vejo que agora eu não queria ver a morte dela...-Luna fala chorando- 


-Vamos também...agora é tarde para arrependimentos... -Yuta pucha Luna para fora- 


Em meio aquele barulho de carro e moto saindo, Jhonny tinha deitado S/n no chão, tirou sua camisa e rasgou para que pudesse colocar no lugar do tiro evitando que a garota perdesse sangue demais...


-Respira....eu vou salvar você! 


-eu não sei se isso será possível...eu só quero que você se cuide e viva bem....eu te amo


-Amor, eu já falei para você não se esforçar...confia em mim, eu não vou te deixar morrer....


Após amarrar a camisa em Colucci, Jhonny a pegou no colo para levá-la até seu carro...

Enquanto estava sendo carregada, S/n percebia que estava perdendo forças e sua visão está escurecendo...


-Não sei se poderei falar isso de novo... então mais uma vez...nunca esqueça que eu te amo! 


-eu te amo...mas fica tran...amor??? -Olha para a garota- Amor....Amor.... não... S/n... não faz isso pelo amor de Deus....



....



Notas Finais


Então gente, mais uma vez me desculpem os erros ortográficos e muito obrigada por lerem....
Enfim, eu queria dizer que a fanfic está chagando no final, não sei se farei mais dois ou três capítulos....muito obrigada por me motivarem ♥️
Até breve ❤️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...