1. Spirit Fanfics >
  2. Azul como o céu - Dramione >
  3. I - In love?

História Azul como o céu - Dramione - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oi você que abriu essa fanfic porque chamou sua atenção, tudo bem? Se você abriu ela é porquê teve algum interesse em saber o que vai estar aqui, não é mesmo? Então se você gostar eu fico feliz de verdade e peço que deixe o que achou sobre a história 💙

Minha primeira história de Dramione aqui no aplicativo de fanfics e históriass, eu só leio e leio e nunca coloco em práticas as minhas ideias, mas hoje, eu decidir colocar e espero que gostem muito do que lerem aqui 💙

Uma curiosidade: estou fazendo a história baseada na minha cor favorita, o azul 💙 vai perceber isso a cada fim de texto que eu deixo com coração azul 💙

💙 Essa história vai mostrar 3 fases da vida de Dramione 💙

Eu não quero saber de plágios, minha fanfic sou eu que estou tentando a ideia e escrevendo, se você não tem ideia própria não escrava, mas não plagie a fanfic de ninguém que isso é feio, ok? Leia aí na paz 💙

Espero que gostem da minha escrita e da forma que eu escrevo 💙

Capítulo 1 - I - In love?


Aí Aí Aí, Hermione!! Logo o Malfoy? Isso não pode estar acontecendo comigo, por quê comigo? Justamente comigo?

Tragédia.

Eu estava bem plena na janela do meu quarto da escola planejando um feitiço novo e dei por conta que estava apaixonada, na verdade estou apaixonada ainda  e não sei como isso me aconteceu

Dizem que isso acontece quando entramos na fase da adolescência não é mesmo? Quando eu era criança, eu suportava a ideia de ter que gostar de alguém um dia

Mas agora eu estou gostando de alguém?!! Isso é realmente bem estranho, me questiono porque nossos pensamentos mudam ao decorrer da nossa idade? 

Criança? Odeio a ideia de me apaixonar por alguém 

Adolescente? Eu estou perdidamente apaixonada

E adulta??? Vou estar casada e com filhos??!

Mas isso deveria ser bom, não é mesmo?? Oh se deveria, mas não é, não é mesmo. Não é só pelo fato de estar apaixonada pela pessoa errada, mas se esse erro fosse bom? Não gosto nem de parar para pensar no que isso me traria 

Meus pensamentos estão corroendo a minha cabeça, eu preciso me concentrar em relação ao que tá me acontecendo

Eu gosto do Malfoy? Eu não gosto do Malfoy, ele é o diabo 

Por quê logo ele? 

Fica esse questionamento, Harry e Rony me mataria por isso, o que eles tem haver com os meus sentimentos pelo inimigo? Tá aí a resposta não é mesmo? Ele é o inimigo. Aí Deus.

Comecei a caminhar pelos corredores da biblioteca atrás de livros para que eu pudesse fazer um novo feitiço, conhecia aquela biblioteca como a palma das minhas mãos, quando levantei meus pés ficando na ponta dos dedos para pegar o livro, alguém arrebatou ele da estante mais de pressa do que eu 

- Você não iria usar esse livro, iria? - Draco me perguntou com um sorriso provocador, aposto que o mais filho da puta que ele podia por nos lábios

- Devolve, Malfoy - Respondi um pouco alterada, mas não tanto para não chamar atenção dos outros alunos ali presente

- Hmm e se eu não quiser devolver, Granger? O que você vai fazer? - Draco perguntou ainda com seu sorriso debochado

- Eu iria usar esse livro, você tá sendo injusto e mal educado - Falei com simplicidade 

- Você tá sendo injusto e mal educado - Draco me imitou de forma sarcástica e jogou o livro no chão 

- Você vai pegar esse livro - Gritei chamando atenção dos outros alunos e até mesmo dos professores

- Eu posso saber o que tá acontecendo aqui? - Snape perguntou com a sobrancelha erguida para nós dois 

- O Malfoy jogou o livro no chão - Respondi engolindo a seco com aquele olhar medonho

- Eu quero que vocês peguem cinco livros de cada e vão fazer a lição em dupla em forma de castigo - Snape ordenou - Agora mesmo, senhor Malfoy e senhorita Granger

- Eu odeio você, Granger, tudo por sua culpa isso tá acontecendo - Malfoy disse com seus olhos enfurecidos e eu arregalei os olhos

- Sem reclamações - Snape bronqueou nós dois - Depois eu passo para ver como ficou a lição em dupla - Ele se retirou

- O que vamos fazer? - Draco me perguntou 

- Agora você quer a minha ajuda? - Perguntei dando um sorriso debochado e ele revirou os olhos - É brincadeira, vamos estudar sobre Hogwarts

- Tanto faz, eu nem quero estudar mesmo - Malfoy desdenhou 

- Pode ir na frente com seus livros, eu vou levar os meus - Levantei os meus pés e voltei a pegar os meus livros

Malfoy e eu fomos sentar em uma das mesas vazias e um dos corredores onde ficavam poucos alunos, ele nem se quer estava prestando atenção nos livros, apenas passando páginas por páginas sem se quer ler uma letra 

- Estudar com você é uma chatice - Malfoy disparou com ironia em minha direção

- Eu não tô nem aí - Respondi dando de ombros - Você sabia que um dos feitiços mais poderosos

- Eu não quero saber - Malfoy desdenhou novamente - Vem comigo se quiser saber o que é diversão - Ele me puxou pelos corredores da escola e me levou para fora da escola

- Isso é errado, vamos ser pegos - Comentei com o cenho arqueado 

- Dane-se - Malfoy disse sorrindo - Vamos pegar a capa da invisibilidade e fazer coisas divertidas

- Como o que? - Perguntei e pra que eu fui perguntar - Melhor não, Malfoy 

- Você já tá nessa, Mione - Malfoy se pronunciou ao meu apelido como se tivesse intimidade comigo, mas no fundo eu se derreti 

Puta merda, eu estou apaixonada pelo Malfoy 


Notas Finais


Não sei quando vou postar novamente, provavelmente isso vai demorar muito, mas comentem e obrigada desde já 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...