História Baby, don't cry - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Black Pink, EXO, Jay Park
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Jay Park, Jennie, Jisoo, Kai, Kris Wu, Lay, Lisa, Lu Han, Personagens Originais, Rosé, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Chanbaek, Drama, Hunhan, Jay Park, Jennie, Jisoo, Kaisoo, Kistao, Lisa, Sulay, Xiuchen
Visualizações 24
Palavras 680
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Lemon, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Mutilação, Suicídio, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


ANNYEONG ❤

Desculpa a demora mas volteiii, obrigada a todos que comentaram uh? Saranghae vocês❤😍

Desculpem os erros

Capítulo 2 - Enfermaria


Fanfic / Fanfiction Baby, don't cry - Capítulo 2 - Enfermaria

P.O.V Chanyeol On


Após ter colocado o garoto de cabelos vermelhos na maca, sento na poltona ao lado e fico o observando. Já que não tinha ninguém na enfermaria eu mesmo vou ter que fazer os curativos dele... Me levanto e vou atrás das coisas que eu preciso e logo eu volto , e enfaixo os braços dele. 

Volto a me sentar ao lado do menino de cabelos vermelhos. Ele tem uma aparência tão angelical, tão serena quando está desacordado... PERA AI CHANO VOCÊ ACABOU DE CONHECER O GAROTO, JÁ TA ENCHENDO ELE DE ELOGIOS , JÁ ESTÁ BABANDO PELO GAROTO, VOCÊ NÃO PODE SE APAIXONAR CHANO...!!!

Não posso me apaixonar... Porque...

Já fui machucado e não quero ser machucado de volta...

Esse garoto tem algo de diferente, ele é diferente. Mas tenho medo de me apaixonar por ele... Ele pode ser iguais aos outro neh? Será...to tāo confuso....aaaaaa

Fico perdido em meus próprios pensamentos que nem vi que ele acordou, volto a realidade quando ele pigarreia com a garganta. Levo um susto e quase caio da cadeira

—Yaaaaa, que susto menino— falo tentando recuperar o ar que eu perdi pelo susto

—N-não fo-oi por que-erer, Baek não queria te assustar...— fala meio entre cortado e rouco o menino de cabelos vermelhos

—N-não precisa se desculpar Baek...é baek seu nome?—gaguejo um pouco...pera oque está acontecendo comigo aaaaa

—Byun Baekhyun e o seu? Prazer e obrigado por ter me ajudado—fala ele corado e me encara

—Park Chanyeol, bonito nome—falo deixando o outro mais corado ainda— Era o minimo que eu poderia fazer Baekkie

—Obrigado Chanyeol, mesmo. AH NÃO!!

—OQUE FOI??— grito após ele ter gritado do nada.

— Eu tinha aula agora, não gosto de falta aula.

—Imagine eu que hoje é meu primeiro dia de aula e já "faltei". Pera ai já volto.

—Érrr...onde você vai?

—Vou falar com os professores, qual sua turma?

—2°C e você?

—Sério?—falo surpreso e recebo um aceno afirmativo da parte dele— Eu sou do 2° C também

Será coincidência....ou destino?

Saio da enfermaria e vou atrás dos professores e da nossa turma. Após alguns minutos eu aviso á eles. E volto a enfermaria.

Quando chego lá, vejo aquela garota que tava junto quando agrediram o Baekkie. Quando ela me vê, se assusta e também fica nervosa e tenta ir embora. Mas seguro seu braço impedindo-a de fugir

—O que diabos você tá fazendo aqui?

—E-eu? N-ada

—Eu disse uma vez e vou repetir, mas ai de você não me responder. Oque diabos você está fazendo aqui? Hein?

Aperto seu braço forçando-a a falar

—S-só vi-vim co-onver-rsar com o B-baekki-ie

—Aham,ta —falo desconfiado e solto seus braços das minhas mãos.

Ela saiu correndo quando eu soltei seus braços. Não dou bola e entro na enfermaria, e ando na direçāo do Baekkie.

Mas uma coisa que me intriga é... porque ele tá suando e se remexendo sendo que ele só desmaiou? Ele pode ter sido...nāo e NÃO...

Pego ele nos braços e saio do colégio ás pressas o colocando no meu carro. E saio em disparada para o Hospital...

C-chany — escuto Bakkie me chamar fraco e com a voz seca— o-oque h-houve?— tosse forte.

Calma Baekkie, estamos indo no hospital. Você lembra de alguma coisa enquanto eu estive fora?

—A-a Jisoo, e-ela foi me-e ver.— Quem diabos é Jisoo...pera não é aquela garota que estava no quarto?— S-sim é ela C-chany. Ela...

Flashback On

Eu tava esperando o Chanyeol voltar, e do nada, do nada mesmo aparece a Jisoo. Com uma expressão estranha. Meu olhar vai direto para a mão esquerda, onde tinha uma seringa com alguma coisa dentro...

—O-oque você v-vai fa-azer Jisoo?— falo meio assustado.

—Oi Baekhyun, como está? Eu vou ser seu pior pesadelo minha flor.Bons sonhos— da uma risada sarcástica, ela se aproxima numa velocidade surpreendente e engata a seringa em mim.

Gemo de dor e meu corpo amolece, começo a sentir um calor imenso. Pingos de suor descem pelo meu rosto, minhas mãos estão trêmulas e ficando avermelhadas. 

Sinto a inconsciência me invadir e deixo me levar....

Flashback Off

—ELA FEZ ISSO? EU VOU MATAR AQUELA GAROTA GRRRRR....

—C-chany ob-brigado por me ajudar—sorri fraco e seus olhos se reviram e ele perde a consciência.

—Calma Baekkie, já chegamos. Eu vou cuidar de você pequeno...


Amar é destruir e ser amado é ser destruido

Notas Finais


Oque vocês estão achando uh? Eu to muito feliz com esses comentários aigoo 😊❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...