1. Spirit Fanfics >
  2. Back to the past >
  3. (Back to the past - Jimin) Piquenique

História Back to the past - Capítulo 9


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura 💖

Capítulo 9 - (Back to the past - Jimin) Piquenique


Fanfic / Fanfiction Back to the past - Capítulo 9 - (Back to the past - Jimin) Piquenique

Já são 5 da da tarde tomo um banho e começo a me arrumar pra sair com os meninos. Eu não sei pra onde a gente vai, mais vou não tão arrumada mesmo assim arrumada; penteio o cabelo deixando solto mesmo; calço uma rasteirinha de tira, perfume, bolsa e celular e fim. Desço encontrando o Nam, Hobi, Tae, Jungkook e Jimin. Minha mãe tinha saido pra buscar alguns parentes nossos que estavam na rodoviária, então me pergunto como a gente vai sem carro?

- Olha como ela tá bonita. - Tae levanta vindo em minha direção. - Dá uma voltinha.

Yoongi descendo as escadas, assobia me fazendo ficar sem graça.

- Tá já chega, vamos?! - Jimin fala sério, logo saindo fazendo todos irmos juntos.

- Onde a gente vai? E como? - pergunto pra Hoseok.

- Nós alugamos uma mini van de 10 lugares. - Jin se intromete na "conversa".

- Aah, quem vai dirigir? - pergunto cruzando os braços. - Eu que não vou ser.

- Eu vou, eu aluguei então...é minha responsabilidade. - Jin fala tirando a chave do bolso.

Nós fomos escutando música o caminho todo. E enfim chegamos no lugar que toda vez que eu perguntava todos ficavam calados. Ao descermos do carro me deparo com o mar, Jin tira uma cesta do porta malas.

- Vamos fazer um piquenique na praia? - pergunto animada.

- Sim! - J-Hope responde animado.

Tiro minha rasterinha e colocamos um pano no chão, colocamos algumas músicas e pedimos fast food.

- Não é meio estranho pedir pro rapaz entregar pizza na praia? - pergunto risonha.

- Não tinha pensado nisso. - Nam fala rindo.

Depois de alguns minutos brincando e rindo muito, as pizzas chegaram. Nós comemos e eu me afastei um pouco e fui a beira da água.

- E lindo não é? - me assusto com a voz de Jimin.

- Sim, é lindo. - falo e olho pra ele que olhava pro horizonte.

- Eu estava com saudade disso. - ele olha pra mim.

- É depois que vocês foram pra Seul as coisas aqui nunca mais foram as mesmas pra mim. - falo tirando o cabelo do rosto por eu estar olhando pro lado. - Ah, e como é a tá sendo morar lá?

- Tem seus lados bons, e seus lados ruins, digo...e normal. - ele fala enquanto eu me abaixo pra pegar uma conchinha.

- Toma, pra você sempre lembrar desse dia. - dou a conchinha a ele e me afasto pegando mais conchinhas e dando aos outros.

(...)

Depois de um tempo de tudo voltamos pra casa e já que não estava tão tarde fomos assistir um filme. E esperando minha mãe voltar com a minha tia que avia chegado.

- Vai ser de que? - Tae pergunta sentando.

- Não sei, querem de que? - Suga fala passando alguns filmes na TV.

- Pode ser de tudo menos romance ou drama. Hoje não tô afim de nada meloso. - falo me aconchegando.

- Tá pode ser esse? - Yoongi pergunta apontando pra televisão.

- Pode ser. - falo dando ombros.

- Não, terror não. - Hoseok se pronuncia cruzando os braços.

- Vai ser esse e acabou. - Suga fala ignorante e apertando o controle pra que o filme começasse.

Nós assistimos o filme e me acabei de dar risada dos sustos que eu e os meninos levamos principalmente de J-Hope que as vezes gritava.

- Esse filme é horrível. - Hobi fala incrédulo.

- Foi mais de comédia que de terror, eu me acabei de rir com você tomando susto. - falo divertida.

Ele faz careta, e ouso a porta ser destrancada provavelmente meus pais.

- Chegamos. - meu pai entra com as malas da minha tia.

- Tia, tio! E...Soo. - minha tia e minha prima chata.

- Oi S/N! Como vai? - Soo fala sínica. - Fiquei sabendo o que aconteceu com você.

- Vou bem. - respondo sem dar importância.

- Vamos entrando gente. - meu pai fala indo até a cozinha. - Comprei carne pra assar.

- S/N! Como você cresceu. - meu "primo" Bin me abraça, me deixando sem graça.

Achei estranho ele me abraçar por não termos mais intimidade por causa do tempo que não nós vemos. Bin é filho do esposo da minha tia que é um ótimo tio, pelo que ouvi ele era amigo da minha tia e viúvo com um filho pequeno e ele quis assumir a Soo que na época era apenas um feto. Minha tia tinha se envolvido com um rapaz que a engravidou e deixou ela assim que descobriu e ninguém se sabe quem é o pai da Soo.

- Oi Bin. - eu me afasto dele sem graça.

- Você tá linda. - ele fala segurando minhas mãos.

- S/N, não vai falar comigo? - meu tio me abraça assim faço com minha tia.

- Vou ajudar seu pai lá, depois a gente conversa. - ele fala sendo acompanhado da minha tia até a varanda.

- Não sabia que você conhecia o BTS, e então S/N, não vai me apresentar aos seus amiguinhos? - ela fala olhando pra ele enrolando uma mecha de cabelo.

- Não! Você tem boca e pode se apresentar sozinha - falo grossa.

- Ui! - Bin fala rindo.

- Já que é assim...oi meu nome é Soo, prazer em conhece-los. - ela vai até cada um apertado as mãos alheias.

- Não caiam no papo não, aí só tem de bonito a cara. - falo debochando.

Bin se apresentou aos meninos e ficamos assistindo alguns vídeos engraçados, até minha tia chamar todo mundo pra comer só o Jin e o Jungkook que foram e olha que a gente se empanturrou de pizza.

(...)

- Vamos dormir? - minha mãe fala vindo da cozinha. - Vamos ter que dividir alguns quartos.

- Bin pode dormir com a gente. - Nam se pronuncia gentilmente. - Vamos? - os meninos se retiram.

- Tá vamos ver isso. - meu pai se intromete. - Tem um quarto vazio então o casal fica e S/N e Soo dormem juntas.

- Desculpa aí mais...eu não divido meu quarto com ela nem a pau. - falo cruzando os braços. - Tem um sofá ótimo aqui na sala.

- E por quê você não vem dormir nele? Ela vai dormir lá sim. - minha mãe defende a tão amada sobrinha.

- Então tá, ela dorme lá. Mais eu vou dormir em outro lugar. - falo subindo, ouvindo minha mãe falar "desculpa ela é mal educada as vezes".

- Aah, que ódio. Eu só tenho gente que me odeia nessa cidade. - falo sozinha.

Tomo um banho demorado visto meu pijama, escovo os dentes e vou passar alguns hidratantes no rosto.

- Já pode sair. - ouso Soo falar na porta.

- Eu vou sair, mais se você mexer em qualquer coisa aqui eu te arregaço. Você sabe muito bem que eu não tenho medo que a tia fique chateada. - falo saindo do quarto com um travesseiro, um urso que o Tae me deu.

Vou até a sala e fico por um bom tempo deitada no sofá me remexendo. Eu realmente durmo em qualquer lugar mais a luz da frente estava apagando e acendendo por causa do cachorro do meu pai que ficava passando pra lá e pra cá, e a luz tem sensor. Eu não vou conseguir dormir aqui, e tenho a idéia de dormir no quarto dos meninos, ninguém alí faria nada comigo então...não tem nada demais.

- Gente! Posso entrar? - bato na porta esperando alguém me responder. - Alguém acordado?

- S/N? Aconteceu alguma coisa? - Jungkook abre a porta com cara de sono.

- Posso dormir aqui? A Soo está no meu quarto e não consigo dormir na sala. - falo deixando o ursinho cair no chão.

- Pode, mais não tem cama vazia. - ele dá espaço pra eu entrar esperando eu pegar o que tinha caído no chão.

- Tem problema não, pelo menos pra mim. - entro no quarto vendo Jimin, Tae e Jin acordados e Jungkook volta pra cama dormir.

- Aconteceu alguma coisa S/N? - Jin pergunta desligado o celular.

- Não, a Soo está no meu quarto e não consegui dormir na sala.

- E por quê você tem tanta raiva da Soo? - Tae pergunta ajeitando a cama.

- Ela é tipo a Chae mais só que ela é 3 vezes pior. Só por isso você já sabe, fora isso as coisas que ela aprontava comigo.

- Nem vou perguntar mais, já tá explicado. - ele fala divertido.

- E então...eu tô com sono. Tem problema se eu dividir cama com você? - pergunto ao Tae.

- Pra mim tudo bem, mais pro Jimin não sei. - ele fala risonho.

- O que tem o Jimin? - pergunto confusa e olho pra Jimin que olhava pra Taehyung bravo. pelo que eu sempre soube ele não gostava, ou melhor gosta de mim.

- Nada não. - Tae ri dando espaço pra mim deitar. - Você ainda tem o Tetê?

- Sim, tirei até de lá pra a Soo não ver e fazer alguma coisa. - falo deitando.

- Jimin, calma que não vou fazer nada. - Tae fala

Já são 5 da da tarde tomo um banho e começo a me arrumar pra sair com os meninos. Eu não sei pra onde a gente vai, mais vou não tão arrumada mesmo assim arrumada; penteio o cabelo e faço uma trança despojada; calço uma rasteirinha de tira, perfume, bolsa e celular e fim. Desço encontrando o Nam, Hobi, Tae, Jungkook e Jimin. Minha mãe tinha saido pra buscar alguns parentes nossos que estavam na rodoviária, então me pergunto como a gente vai sem carro?

- Olha como ela tá bonita. - Tae levanta vindo em minha direção. - Dá uma voltinha.

Yoongi descendo as escadas, assobia me fazendo ficar sem graça.

- Tá já chega, vamos?! - Jimin fala sério, logo saindo fazendo todos irmos juntos.

- Onde a gente vai? E como? - pergunto pra Hoseok.

- Nós alugamos uma mini van de 10 lugares. - Jin se intromete na "conversa".

- Aah, quem vai dirigir? - pergunto cruzando os braços. - Eu que não vou ser.

- Eu vou, eu aluguei então...é minha responsabilidade. - Jin fala tirando a chave do bolso.

Nós fomos escutando música o caminho todo. E enfim chegamos no lugar que toda vez que eu perguntava todos ficavam calados. Ao descermos do carro me deparo com o mar, Jin tira uma cesta do porta malas.

- Vamos fazer um piquenique na praia? - pergunto animada.

- Sim! - J-Hope responde animado.

Tiro minha rasterinha e colocamos um pano no chão, colocamos algumas músicas e pedimos fast food.

- Não é meio estranho pedir pro rapaz entregar pizza na praia? - pergunto risonha.

- Não tinha pensado nisso. - Nam fala rindo.

Depois de alguns minutos brincando e rindo muito, as pizzas chegaram. Nós comemos e eu me afastei um pouco e fui a beira da água.

- E lindo não é? - me assusto com a voz de Jimin.

- Sim, é lindo. - falo e olho pra ele que olhava pro horizonte.

- Eu estava com saudade disso. - ele olha pra mim.

- É depois que vocês foram pra Seul as coisas aqui nunca mais foram as mesmas pra mim. - falo tirando o cabelo do rosto por eu estar olhando pro lado. - Ah, e como é a tá sendo morar lá?

- Tem seus lados bons, e seus lados ruins, digo...e normal. - ele fala enquanto eu me abaixo pra pegar uma conchinha.

- Toma, pra você sempre lembrar desse dia. - dou a conchinha a ele e me afasto pegando mais conchinhas e dando aos outros.

(...)

Depois de um tempo de tudo voltamos pra casa e já que não estava tão tarde fomos assistir um filme. E esperando minha mãe voltar com a minha tia que avia chegado.

- Vai ser de que? - Tae pergunta sentando.

- Não sei, querem de que? - Suga fala passando alguns filmes na TV.

- Pode ser de tudo menos romance ou drama. Hoje não tô afim de nada meloso. - falo me aconchegando.

- Tá pode ser esse? - Yoongi pergunta apontando pra televisão.

- Pode ser. - falo dando ombros.

- Não, terror não. - Hoseok se pronuncia cruzando os braços.

- Vai ser esse e acabou. - Suga fala ignorante e apertando o controle pra que o filme começasse.

Nós assistimos o filme e me acabei de dar risada dos sustos que eu e os meninos levamos principalmente de J-Hope que as vezes gritava.

- Esse filme é horrível. - Hobi fala incrédulo.

- Foi mais de comédia que de terror, eu me acabei de rir com você tomando susto. - falo divertida.

Ele faz careta, e ouso a porta ser destrancada provavelmente meus pais.

- Chegamos. - meu pai entra com as malas da minha tia.

- Tia, tio! E...Soo. - minha tia e minha prima chata.

- Oi S/N! Como vai? - Soo fala sínica. - Fiquei sabendo o que aconteceu com você.

- Vou bem. - respondo sem dar importância.

- Vamos entrando gente. - meu pai fala indo até a cozinha. - Comprei carne pra assar.

- S/N! Como você cresceu. - meu "primo" Bin me abraça, me deixando sem graça.

Achei estranho ele me abraçar por não termos mais intimidade por causa do tempo que não nós vemos. Bin é filho do esposo da minha tia que é um ótimo tio, pelo que ouvi ele era amigo da minha tia e viúvo com um filho pequeno e ele quis assumir a Soo que na época era apenas um feto. Minha tia tinha se envolvido com um rapaz que a engravidou e deixou ela assim que descobriu e ninguém se sabe quem é o pai da Soo.

- Oi Bin. - eu me afasto dele sem graça.

- Você tá linda. - ele fala segurando minhas mãos.

- S/N, não vai falar comigo? - meu tio me abraça assim faço com minha tia.

- Vou ajudar seu pai lá, depois a gente conversa. - ele fala sendo acompanhado da minha tia até a varanda.

- Não sabia que você conhecia o BTS, e então S/N, não vai me apresentar aos seus amiguinhos? - ela fala olhando pra ele enrolando uma mecha de cabelo.

- Não! Você tem boca e pode se apresentar sozinha - falo grossa.

- Ui! - Bin fala rindo.

- Já que é assim...oi meu nome é Soo, prazer em conhece-los. - ela vai até cada um apertado as mãos alheias.

- Não caiam no papo não, aí só tem de bonito a cara. - falo debochando.

Bin se apresentou aos meninos e ficamos assistindo alguns vídeos engraçados, até minha tia chamar todo mundo pra comer só o Jin e o Jungkook que foram e olha que a gente se empanturrou de pizza.

(...)

- Vamos dormir? - minha mãe fala vindo da cozinha. - Vamos ter que dividir alguns quartos.

- Bin pode dormir com a gente. - Nam se pronuncia gentilmente. - Vamos? - os meninos se retiram.

- Tá vamos ver isso. - meu pai se intromete. - Tem um quarto vazio então o casal fica e S/N e Soo dormem juntas.

- Desculpa aí mais...eu não divido meu quarto com ela nem a pau. - falo cruzando os braços. - Tem um sofá ótimo aqui na sala.

- E por quê você não vem dormir nele? Ela vai dormir lá sim. - minha mãe defende a tão amada sobrinha.

- Então tá, ela dorme lá. Mais eu vou dormir em outro lugar. - falo subindo, ouvindo minha mãe falar "desculpa ela é mal educada as vezes".

- Aah, que ódio. Eu só tenho gente que me odeia nessa cidade. - falo sozinha.

Tomo um banho demorado visto meu pijama, escovo os dentes e vou passar alguns hidratantes no rosto.

- Já pode sair. - ouso Soo falar na porta.

- Eu vou sair, mais se você mexer em qualquer coisa aqui eu te arregaço. Você sabe muito bem que eu não tenho medo que a tia fique chateada. - falo saindo do quarto com um travesseiro, um urso que o Tae me deu.

Vou até a sala e fico por um bom tempo deitada no sofá me remexendo. Eu realmente durmo em qualquer lugar mais a luz da frente estava apagando e acendendo por causa do cachorro do meu pai que ficava passando pra lá e pra cá, e a luz tem sensor. Eu não vou conseguir dormir aqui, e tenho a idéia de dormir no quarto dos meninos, ninguém alí faria nada comigo então...não tem nada demais.

- Gente! Posso entrar? - bato na porta esperando alguém me responder. - Alguém acordado?

- S/N? Aconteceu alguma coisa? - Jungkook abre a porta com cara de sono.

- Posso dormir aqui? A Soo está no meu quarto e não consigo dormir na sala. - falo deixando o ursinho cair no chão.

- Pode, mais não tem cama vazia. - ele dá espaço pra eu entrar esperando eu pegar o que tinha caído no chão.

- Tem problema não, pelo menos pra mim. - entro no quarto vendo Jimin, Tae e Jin acordados e Jungkook volta pra cama dormir.

- Aconteceu alguma coisa S/N? - Jin pergunta desligado o celular.

- Não, a Soo está no meu quarto e não consegui dormir na sala.

- E por quê você tem tanta raiva da Soo? - Tae pergunta ajeitando a cama.

- Ela é tipo a Chae mais só que ela é 3 vezes pior. Só por isso você já sabe, fora isso as coisas que ela aprontava comigo.

- Nem vou perguntar mais, já tá explicado. - ele fala divertido.

- E então...eu tô com sono. Tem problema se eu dividir cama com você? - pergunto ao Tae.

- Pra mim tudo bem, mais pro Jimin não sei. - ele fala risonho.

- O que tem o Jimin? - pergunto confusa e olho pra Jimin que olhava pra Taehyung bravo. pelo que eu sempre soube ele não gostava, ou melhor gosta de mim.

- Nada não. - Tae ri dando espaço pra mim deitar. - Você ainda tem o Tetê?

- Sim, tirei até de lá pra a Soo não ver e fazer alguma coisa. - falo deitando.

- Jimin, calma que não vou fazer nada. - Tae fala

O Tae está me deixando confusa, deixei de lado meu pensamento, e acabei pegando no sono rápido.

O Tae está me deixando confusa, deixei de lado meu pensamento, e acabei pegando no sono rápido.


Notas Finais


Esse foi bem grande, então só vou postar esse por hoje. Me desculpem se tiver algo errado ou sem sentido, eu tô postando isso aqui com sono antes de postar um capítulo eu leio pra ver se tá tudo ok, mais hoje tô morrendo de sono. E será que o Jimin estava com ciúmes da S/N?

𝐋𝐞𝐢𝐚𝐦 𝐢𝐬𝐬𝐨 𝐚𝐪𝐮𝐢⬇️🛑

Eu tenho outra versão dessa fic, essa é adaptada pra ficar melhor. Então vou perguntar se vocês querem que eu poste ela só pra vocês verem no que eu me inspiro. Kkkkkkkk até parece que eu sou a "FODONA". Como tinha escrito antes...eu criei uma fic no meu insta mais eu ficava com vergonha de postar hot pq minha irmã e minhas amigas viam então...achei essa oportunidade e tô só largando aqui, quem gostar favorita e quem não gostou muito favorita tbm por favor 🙏🏻 nunca te pedi nada mana(o).

PS: Favorita 💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...