História Bad ( 2 temporada ) - Capítulo 40


Escrita por:

Postado
Categorias Descendentes
Personagens Carlos de Vil, Chad, Doug, Evie, Jane, Jay, Lonnie, Mal, Personagens Originais, Princesa Audrey, Príncipe Ben
Visualizações 69
Palavras 1.929
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oii.
Não me matem , mas uma coisa ruim vai acontecer com a Mal .

Capítulo 40 - Batalha final .


Fanfic / Fanfiction Bad ( 2 temporada ) - Capítulo 40 - Batalha final .

        POV MAL

Respirei fundo tentando me acalmar , apertei a mão em volta do cabo da espada , pronta para atacar , caso ele fizesse alguma coisa.

Ray - Com medo Mal ?

Perguntou sorrindo enquanto se aproximava.

Mal - De você ? Nunca.

Respondi recuando , mas firme.

Ray - Achou mesmo que conseguiria me pegar deprevinido ?

Disse com um sorriso presunçoso. O que ele havia aprontado , será que haviamos caído em uma armadilha.

Mal - Você vai perder , não importa o que faça .

Disse levantando a espada a apontando para o seu peito , quando ele estava perto de mais.

Ray - Ainda dá tempo de mudar de lado Mal . Vai continuar sendo a moeda de troca desse reizinho ?

O encarei , do que ele estava falando ? Abaixei a espada , minha curiosidade me obrigava a escutar o que ele estava falando .

Mal - O que você quer dizer com isso ?

Perguntei quando ele parou ao meu lado .

Ray - Olhe pela janela .

Assim eu fiz . Do terceiro andar dava para ver todo o pátio principal , onde estavam lutando. Muitos haviam morrido, seus corpos estavam estirados no chão . A grama antes verde , agora estava manchada de vermelho.

Ray - Acha que ele te ama ? Você é apenas a oportunidade que ele esperava para ser lembrado .

Olhei para Ben que lutava ao lado de Jay .

Mal - Você está muito enganado.

Ray - Será ? Se ele casar com você . Será sempre lembrado como o grande Rei que conseguiu dominar os vilões . Será considerado o rei mais poderoso de todos reinos , o único a conseguir derrotar de vez , todos os vilões.

Senti sua mão afastando meus cabelos deixando o meu pescoço exposto.

Mal - Você não vai conseguir me manipular .

Disse empunhando minha espada. Antes que pudesse lhe acertar, ele sumiu e apareceu no outro lado do escritório.

Ray - Ele conseguiu te dominar. Que vergonha Mal , a filha da pior vilã , agora não passa de uma garotinha assustada.

Fechei os punhos furiosa partindo para cima dele. Se ele queria me ver zangada , havia conseguido . Usei magia para fazer um vaso voar em sua direção , enquanto desviava o ataquei com a espada . Mas Ray foi mais rápido me jogando contra uma parede.

Mal - Vamos ver quem é o mellhor Ray.

Disse com um sorriso presunçosa, limpando com a manga da jaqueta o sangue da minha boca .

Ray - Infelizmente , vou ter que te matar Mal.


[...]

           POV BEN

Estavamos até nos saindo bem , mas os guardas estavam muito melhor que antes. Mas infelizmente já tinhamos bastante perdas. Olhei em volta procurando pela Mal , não a via desde que nos separamos nos túneis . Um estrondo e a janela do segundo andar explodiu .

Ben - Aquele é meu pai ?

Perguntei confuso , sabia que aquilo era uma fera . Mas meu pai não podia estar daquela forma de novo .

Uma - Acredite se quiser . Mas seu papaizinho voltou a ser uma fera .

Gritou enquanto lutava , mesmo estando com a perna machucada. Levantei a espada quando ele parou na minha frente rosnando , mas incerto do que ia fazer .

Bela - Ahhhhhh

Virei para trás e corri em direção a minha mãe .

Ben - Mãe , vai ficar tudo bem.

Disse nervoso , percebendo o corte no seu ombro . Pela quantidade de sangue , deveria ser profundo .

Bela- Ben cuidado !

Gritou me empurrando para longe dela. Levantei confuso , notando porque ela me empurrara . Meu pai havia saltado para cima dela . Pulei em suas costas , com os dois braços em volta do seu pescoço . O tirando de cima da minha mãe , com uma de suas garras segurou minha camisa me jogando longe .


[...]

Ray - Eu avisei que te mataria .

Disse enquanto apertava com mais força meu pescoço. Meus pés não tocavam mais o chão. Odiava admitir mas ele era mais forte e poderoso do que eu.

Mal - Não se eu te matar primeiro.

Disse com dificuldade devido a falta de ar. Concentrei meu poder no colar, em meu pescoço , como Fada Madrinha havia explicado . Fogo saiu das minhas mãos se alastrando pelos braços de Ray onde estava segurando. Ele me olhou assustado.

Olhando em seus olhos eu vi muita dor , sofrimento , medo. O que quer que estivesse ocupando aquele corpo, tinha muito raiva. Vi muito fogo e desespero .

Pisquei os olhos voltando a realidade a tempo de sentir o impacto do meu corpo contra o chão . O colar parecia queimar contra a minha pele.

Ray - O que você fez comigo ?

Perguntou com as mãos na cabeça , tropeçando em alguns objetos que estavam no chão .

Ray - Aonde você conseguiu esse colar.

Disse agora com raiva , não consegui responder , me sentia fraca , com falta de ar. Ele chegou perto de mim e arrancou o colar do meu pescoço.

Usei toda a minha força para me erguer do chão , tirando escondida a adaga que estava na minha bota.

Ray - Achou que isso ia acabar comigo .

Soltou uma alta gargalhada segurando o colar . quando virou para me encarar, cravei a adaga em seu peito.

Mal - Isso é por mexer com meus amigos.

Disse empurrando ainda mais a adaga em seu peito. Sorri diante seu olhar assustado arrancando o colar das suas mãos.

"Use o colar para trazer todos de volta"

Me lembrei das palavras da Fada Madrinha , enquanto me aproximava da janela .

Mal - " Omnia quae prius recipiat. Bonitas est plurimum".

As pessoas no pátio cairam inconscientes no chão . Os que estavam no nosso lado se entreolhavam confusas. Respirei aliviada quando vi a fera se transformar novamente em Adam.

Ray - Se eu morrer , você vai junto.

Desviei os olhos da janela , mas Ray não estava no escritório . Peguei rapidamente a espada do chão e corri até a porta.

Ray - Vai fugir ?

Congelei , quando senti sua respiração bater no meu pescoço . Me virei pronta para o enfrentar novamente.

Deixei um grito escapar quando uma adaga perfurou meu abdomen. Uma lágrima escorreu por meu rosto.

Ray - Shiiiiii , vai ficar tudo bem.

Disse passando a mão no meu rosto , puxando a adaga para fora do meu corpo.

Mal - Devia ter ti-ti-tido medo de mim .

Disse com dificuldade , sentindo gosto de sangue na minha boca . Percebi que ele estava distraído , e usando o que me restava de força o afastei girando a espada em pleno ar lhe arrancando a cabeça do corpo. Seus olhos ficaram abertos , parecia que me encaravam.

Mal - Droga !

Resmunguei colocando a mão no corte tentando estancar o sangue . Tentei abrir a porta novamente , mas continuava trancada. Minhas pernas fraquejaram , senti o chão gelado nas minhas costas.

Mal - Alguém por favor .

Implorei deixando um grito escapar por causa da dor .


[....]

         POV EVIE

Estavamos lutando quando os aliados do Ray cairam desacordados no chão...olhei para os garotos tentando entender o que havia acontecido , mas eles estavam tão confusos quanto eu. Um clarão forte ocorreu nos fazendo fechar os olhos ...quando passou no lugar da Fera , estava agora o Rei Adam. Aquilo só podia ter sido coisa da Mal.

E um por um dos aliados do Ray foram acordando...mas agora sendo eles mesmos .

- Evie !

Nem tive tempo de ver quem era ...braços rodearam o meu corpo num abraço apertado.

Evie - Doug ? Ah ! Minha Nossa Doug . Você tá bem ?

Perguntei preocupada passando as mãos pelo seu rosto e braços .

Doug - Evie , eu tô bem .- Disse segurando o meu rosto com suas mãos - Me perdoa , por ter sido um idiota e ficado ao lado dos meus pais. Quando devia ficar do seu lado.

Evie - Está tudo bem Doug , eu te entendo de verdade.

Doug - Eu te amo tanto .

Sorri sentindo seus lábios contra os meus.

Evie - Eu também te amo.

Disse quando nos separamos lhe dando um selinho .

Jay - VENCEMOS !

Gritou levantando sua espada , e gritos foram ouvidos por todo o pátio . Finalmente as coisas voltariam ao normal.

- EVIE !

Olhei para trás , Ben vinha na minha direção acompanhado de Adam que amparava Bela.

Ben - Cadê a Mal ? Ela estava com vocês .

Não respondi , apenas corri para dentro do castelo . Sentindo meu peito apertar , havia acontecido alguma coisa. Tentei abrir a porta do escritório , mas continuava trancada.

Evie - Mal ! Se está me ouvindo me responde , por favor .

Pedi sentindo as lágrimas molharem o meu rosto , por que ela não estava respondendo.

Carlos - Evie o que aconteceu ?

Perguntou aparecendo com Ben , Jay , Doug , Lonnie , Jane e Fada Madrinha .

Evie - A gente se separou . A Mal ficou trancada no escritório . Só que agora ela não responde .

Expliquei chorando ainda mais. Os garotos se juntaram, e pegaram impulso se jogando contra a porta . A mesma cedeu com um estralo . Meus olhos não acreditaram no que viam , Ray estava decapitado. Mal estava inconsciente no meio de uma poço de sangue , ela não podia estar morta ...não podia. As lágrimas aumentaram conforme me aproximava.


[...]

          POV BEN

Ben - Não faz isso comigo Malvadinha .

Pedi passando a mão no seu rosto,enquanto as lágrimas banhavam o meu rosto . Coloquei sua cabeça no meu colo , colando sua testa a minha.

Ben - Volta pra mim , meu amor!

Ela não podia me deixar , não existia vida sem ela.

Evie - Vamos Mal , essa brincadeira não tem graça.

Disse desesperada ao meu lado .

Ben - Alguém chama uma ambulância .

Ordenei sentindo o nó na minha garganta , tinha que haver algo que pudessemos fazer.

Fada Madrinha - Ben ! Estavamos em guerra , vamos ter sorte se ...o hospital ainda estiver em pé .

Ben - Temos que fazer alguma coisa , não podemos simplesmente...aceitar.

Disse inconformado , não era justo. Ela merecia muito mais da vida .

Evie - E se a levarmos para outro reino , o menos atacado.

Como não tinhamos pensado nisso . Era uma ótima ideia.

Jay - Evie temos que aceitar que...

Não conseguiu terminar , então apenas abraçou a azulada .

Carlos - Espera ! Olhem !

Disse com os olhos inchados de chorar . Seguimos seu olhar que estava fixo em Mal .Quando fui perguntar o que era , sorri ao ver o peito de Mal subir e descer quase imperceptível .

Evie - Ela ainda tá respirando .

Disse abrindo um enorme sorriso. Aproximei meu rosto do de Mal . Sua respiração estava muito fraca .

Ben - Fada Madrinha , pode nos teletransportar para Arendele ?

Perguntei , levantando com Mal em meus braços . Escorrei sua cabeça em meu peito .

Fada Madrinha - Com a minha varinha sim.

Disse a tirando da sua manga .

Evie - Eu vou também .

Disse colocando a mão no meu braço.

Jay - Encontramos vocês lá.

Assentimos esperando a Fada se aprontar para fazer o feitiço.

Ben - Vai ficar tudo bem , eu juro .

Disse deixando um beijo em sua testa. E de repente tudo a nossa volta saiu de foco. Apertei Mal contra mim , e esperei o hospital aparecer a nossa frente


Notas Finais


O que acharam ? Deixem suas opiniões .

Tradução do feitiço da Mal :

- Que tudo volte a ser o que era antes . A Bondade predominante.

Beijuuu


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...