História Bad Decisions - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Alexis Ren, Cameron Dallas, Hailee Steinfeld, Nash Grier, Shawn Mendes, Taylor Caniff
Personagens Alexis Ren, Shawn Mendes
Tags Alexis, Amor, Cameron, Dallas, Mendes, Peter, Raul, Romance, Shawn, Shawn Mendes
Visualizações 36
Palavras 1.453
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Temos capitulos prontos para postar, dependendo do rendimento postaremos essa semana ainda.
XOXO Maria e Gabi
Boa leitura

Capítulo 9 - Imagination


Fanfic / Fanfiction Bad Decisions - Capítulo 9 - Imagination

“— Tudo bem vamos - solto um gritinho de felicidade me despeço de Sammy, e sigo Shawn até o carro.”

 

••POV’s ALEXIS••

 

•Eu estava logo atrás de Shawn quando ouço Cameron que veio correndo atrás de nós• 

 

— Não vai nem dizer tchau para mim? - me viro e o olho

 

— Dizer tchau pra alguém que jogou na minha cara que aquilo não era amor? Desculpa, mas eu já te dei um último adeus, e foi a 4 anos trás. - me viro novamente e Shawn abre a porta do carro, quando me sento no banco uma lágrima cai involuntariamente e sinto uma mão em minhas bochechas limpando a mesma e colocando uma mecha do meu cabelo para trás.

 

— Não vale a pena chorar por ele. - Shawn sussurra e da a volta no carro e entra no lugar do motorista, assim que fecha a porta ele da partida no carro e seguimos pelas ruas em silêncio, até que o respondo

 

— Eu não estava chorando pelo Cameron, eu estava apenas chorando pelos momentos que foram desperdiçados com ele... - dou de ombros e forço um sorriso 

 

— Esses momentos não foram desperdiçados, eles apenas te tornaram mais forte e mais independente... - ele me olha - se for pra forçar um sorriso, nem sorria - acabo rindo pelo jeito que fala.

 

— Desculpe por ter sido arrogante com a sua pessoa a alguns minutos atrás, não foi por querer! Na verdade, eu quis um pouquinho - encosto minha cabeça na janela do carro e meus olhos são direcionados as luzes da rodovia, então começo a pensar na vida até que pego no sono dentro do carro mesmo. 

 

••POV’s SHAWN••

 

•Estava dirigindo calmamente e vejo que estava muito silêncio, então olho para o lado e vejo que ela estava dormindo, acabo rindo baixo para não acordar a mesma. Ela não havia me falado aonde ela estava hospedada, então achei melhor levá-la para minha casa, assim eu teria certeza que ela ficaria bem.

Chego em meu condomínio e abro o portão para a garagem, estaciono e vou até a porta da mesma enquanto eu fico a analisando com um pequeno sorriso, ela dormia de um jeito fofo. Então para não acorda-lá eu a pego no colo com cuidado e subo até o segundo andar da minha casa e a deito no quarto de hóspedes, a cubro com um cobertor de pelos macios para garantir que não passaria frio e arrumo seu travesseiro, dou alguns passos para trás e deixo suas coisas no criado mudo•

 

— Boa noite - mesmo que ela não estivesse escutando acabo sendo gentil com ela, saio do quarto, apago a luz e fecho a porta do mesmo. Ando até o meu quarto e entro banheiro, me despido e ligo o chuveiro na água quente.

 

{...} 

 

•Em poucos minutos finalizo o banho e vou até meu closet, pego uma Calvin Klein branca e visto, seco meu cabelo na toalha e me deito.

Quando fecho meus olhos eu imagino Alexis andando pela minha casa com uma blusa branca, meus pensamentos brincam comigo e acabo lembrando de quantas garotas saíram revoltadas logo após saberem que eu tinha um gosto singular... não eram todas que me satisfaziam, mas Alexis me parecia ser uma mulher difícil, o jogo demoraria mais para acabar, pois sempre teriam coisas novas.

Até que acabo pegando no sono com meus pensamentos.•

 

••POV’s ALEXIS••

 

•Acordo assustada pensando estar atrasada pois eu teria que ir buscar as chaves do meu dormitório, mas de repente me dou conta que não estou no meu quarto de hotel, será que que fui sequestrada? 

Analiso o lugar por alguns segundos até que escuto batidas na porta•

 

— Quem é? Se você fizer qual quer coisa eu grito - a pessoa então adentra o quarto e para minha sorte ou azar era shawn.

 

••POV’s SHAWN••

 

— Ei calma, você dormiu no carro antes mesmo de me falar aonde estava hospedada aí te trouxe para minha casa, me desculpe se você não gostou. - falo como se eu realmente estivesse triste, mal sabia ela.

 

— Não, relaxa, a culpa foi minha de ter dormido - ela da uma risada fraca.

 

— Enfim vim te chamar para tomar café da manhã. - falo seco e saio do quarto.

 

••POV’s ALEXIS••

 

— Eu já vou - grito. Coloco a mesma roupa que eu estava ontem, e guardo a de Sammy. Enquanto me trocava me lembro do que aconteceu na noite passada, e uma lágrima escorre. Enfim, saio do quarto, demoro um pouco para encontrar o Shawn, por conta do tamanho da casa.

 

— Até que enfim, enrolada. - ele já havia ido até o quarto antes, mas só agora me dei conta de quão lindo ele estava, aquele cabelo caindo em seus olhos, uma cara de dengo, provavelmente por conto do sono, e MEUSSSS DEUSSSSS ele estava sem camisa, apenas uma calça de moletom cinza, minha expressão após perceber isso foi de uma boca em um perfeito O.

 

— Viu um fantasma foi? - ele diz rindo de mim, então fico imediatamente corada, por ele ter percebido minha expressão - estava pensando em que em Alexis René Glabach? 

 

— Em nada - digo meio envergonhada, após isso corrijo  a pronúncia do meu sobrenome, e dei um sorriso fraco, mas logo fecho a cara - Ei como você sabe meu nome inteiro?  - ele começa a rir 

 

— Você não sabe o que o Sr.Google é capaz de fazer! - começo a rir, pois é  uma resposta óbvia. - coma Ale, se não vai passar mal, posso te chamar assim né?

 

— É claro que pode, mas eu não estou com fome, muito obrigada. - Digo torcendo para ele não insistir.

 

••POV’s SHAWN••

 

— Eu fiz essa panqueca especialmente para você, me desafiei a isso, e você não vai comer nem um pedaço? tudo bem, eu nem fiquei triste - falo de cabeça baixa, fazendo um drama para que ela comesse, na verdade eu não me importava, mas queria passar uma boa impressão. 

 

— Ok, eu como então - ela pega um pedaço e faz uma feição que acaba me recordando o sonho que tive, que era com a mesma.

 

•••SONHO DO SHAWN ON•••

 

•Acordo no meio da madrugada com algum barulho que vinha da cozinha, me levanto apenas de calça de moletom e vou ando até a cozinha em silencio, lá me deparo com Alexis sentada em cima do balcão apenas com uma blusa larga enquanto comia morangos, eu vou até a mesma com um sorriso malicioso. Fico entre as pernas da mesma e coloco minhas mãos em sua cintura, nossos lábios se encostam e sinto os gostos dos morangos, mordo os seus lábios e os puxo; a intensidade do beijo ia aumentado a cada momento.

{...}

Levanto sua blusa e acabo vendando seus olhos com a própria, começo a beijar seu pescoço e segundos depois começo a descer meus beijos por seu corpo, ela gemia baixo e meu membro pulsava dentro da calça que começava a ficar apertada...

 

•• SONHO do SHAWN OFF••

 

•Alexis começa a me encarar, então encaro a mesma novamente, ficamos nesse devaneio por alguns segundos, até que ela resolve comer mais um pedaço de sua panquecas•

 

— Você está melhor ? - digo para acabar com o silêncio constrangedor.

 

— Em qual sentido, Shawn? 

 

— Em todos - Shawn 

 

— Olha, fisicamente estou bem, posso correr até uma maratona -ela da uma risada fraca- o que está me machucando são meus sentimentos, Cameron foi alguém importante para mim até certo ponto da minha vida, e ver ele falando sobre isso com desdém me magoou - Alexis 

 

— Enfim -respiro fundo- você quer que eu te leve para casa? - falo para mudar o assunto pois eu não sabia o que falar.

 

— Preciso ir para a faculdade pegar a chave do meu dormitório e ter meu primeiro dia de aula, não sei se vou conseguir processar tudo isso de uma vez - ela diz rindo da situação, seu olhar era tão meigo. 

 

— Ok, eu te levo. Mais alguma coisa madame ? - falo em tom de piada rindo.

 

— Se você poder, preciso ir para o hotel, trocar de roupa, pegar minhas coisas e fazer meu check out, mas claro se não for muito abuso. 

 

— “Se não for muito abuso”? - rio baixo- que nada, já me usaram para coisas piores -dou de ombros fazendo um beicinho- Em qual hotel estas hospedada? 

 

— Toronto’s Hotel.

 

— Ok, sei onde é - pego as chaves do meu carro - vamos? 

 

— Quer se livrar de mim rápido é ? - ela diz brincando e com as mãos na cintura.

 

— Claro que não, mas é que também tenho meus compromissos. - digo sério, com um sorriso social. 

 

— Ok, então vamos. 

 

•Saímos da cozinha e fomos direto para a garagem, assim partimos para o hotel.•


Notas Finais


Desculpe qual quer erro, espero que você esteja gostando da nossa fanfic.
XOXO Maria e Gabi


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...