1. Spirit Fanfics >
  2. Bad Guy >
  3. Capítulo 13

História Bad Guy - Capítulo 14


Escrita por:


Capítulo 14 - Capítulo 13


Fanfic / Fanfiction Bad Guy - Capítulo 14 - Capítulo 13

• Todoroki Shouto •

Conversei a tarde inteira com o Kirishima. No início estava me sentindo um pouco desconfortável por ter que falar de coisas tão íntimas com ele, mas ele era tão compreensível e sensível que acabei me sentindo mais confortável.

- Então... vocês só não contam por conta da imprensa?- ele tomba um pouco a cabeça para o lado, parecia tentar assimilar tudo o que eu dizia.

- Esse é uma parte, na verdade uma das maiores é meu pai. Ele nunca aprovaria que o filho dele, que deve assumir sua empresa e se tornar o herói número um, é gay...

- É, realmente falar com o Endevor sobre isso deve ser bem difícil...- ele se aproxima me abraçando por traz em forma de carinho porém bem masculina.- Mas se precisar da minha ajuda, eu faço o que for possível Bro!

Faço uma cara de confuso. Ele me chamou de Bro? Tipo, ele me considera um amigo?

-A-ah, você não gosta que eu te chame de Bro?

Acordo de meu devaneio sobre isso. Eu não me sentia desconfortável, era só uma coisa diferente. Parecia que agora éramos mais próximos, parecia que poderia contar com ele só de ele me ouvir.

- Ah! Não tem problema! Só era uma coisa meio diferente para mim, meio que assustei, mas me chame do que quiser Kirishima.

- Okay, vou te chamar de Bro. Ah, me chama de Kiri, eu acho uma forma mais informal!- ele da um grande sorriso.

- Okay.

Ele sai de cima de mim e da um suspiro.

- Cara, vai ser difícil engolir tanta informação, mas vou fazer meu máximo.

Ele se levanta e estica a mão para eu levantar também. Me levanto com sua ajuda, por mais que não precisasse.

- Olha, não quero atrapalhar vocês mas eu queria muito falar com o Bakugou. Sabe, ele é meu melhor amigo, queria falar com ele.

- Não seria mais fácil você ter juntado nos dois para falarmos ao mesmo tempo?

Ele da uma gargalhada.

- Acho que poderia ser bastante constrangedor, além disso, eu me sentiria uma completa vela!

Comecei a rir baixo, tentando disfarçar. Kiri era um cara muito engraçado, leal e amigável.

- É, você tem razão. Eu falo com ele mais tarde, pode ir lá se quiser.

- Obrigado Bro!- ele me abraça de novo.

- Ah, fala pra ele que eu o amo, Okay?- queria fazer uma brincadeira com ele, não é só ele que consegue ser engraçado.

- Ha ha ha, como se ele não soube-se.- fala rindo alto.- Eu falo Bro, mas agora eu vou indo.

Ele começa a correr para dentro da outra sala, mas para na porta para se despedir.

- Tchau Bro!- ele fala balançando as mãos.

- Tchau Kiri!

Respondo com pequeno aceno e o vejo desaparecer de minha visão.

• Kirishima Eijirou •

Me despeço de Todoroki, cara que história. Ele contou tantas coisas sobre o Bakugou que nem eu sonharia sobre ele. Bakugou pra mim era um cara que não conseguiria se apaixonar, mas pelo visto ele é muito apaixonado pelo Todoroki. Bom, pelo menos Todoroki o ama demais.

Eu posso não ser muito amigo do Todoroki mas eu preciso conversar com o Bakugou pra saber como ele se sente em relação ao meio-a-meio. Eita! Parece que peguei um costume do Bakugou.

Subo as escadas em direção ao andar de Katsuki, vou em direção a sua porta.

Bato na porta no ritmo de batidas que havíamos criado pra saber quem estava na porta.

- Bakugou, é o Kirishima! Posso entrar?

Não ouso respostas mas ouso barulhos como se alguém estivesse se mexendo em uma cama.

Todoroki não estava lá em cima, então com isso eu não deveria me preocupar.

- Bakugou deixa eu entrar, eu quero conversar com você.

Mexo na maçaneta mas percebo que a porta estava aberta. Mas Bakugou não costuma deixar a porta aberta! Aconteceu alguma coisa séria.

Entro no quarto e o vejo debaixo de varias cobertas.

- O que foi Bakugou? Parece até que viu um monstro.- dou uma pequena risada antes de tirar a coberta de seu rosto, e quando o faço, fico completamente em choque com o que eu vejo.

Bakugou estava completamente pálido, mais branco do que já era. Estava cheio de lágrimas que escorriam de seu rosto,  estava trêmulo, seus olhos expressavam que estava com medo, olhar totalmente perdido.

- Kirishima, saia daqui!

Estava em choque. Mas eu não saí de lá, independente do que estuvesse fazendo mal ao Bakugou, ele é meu melhor amigo e não vou deixá-lo assim.

- O que aconteceu Bakugou? Deixa eu te ajudar!

- Saia, se não você também vai sofrer!

- Eu não vou sair! Você é meu melhor amigo, independente do que acontecer eu nunca iria te abandonar!

Ele olha diretamente para meus olhos, ele estava lacrimejando mais.

- Bakugou, eu estou aqui pra te ajudar. Não se preocupe comigo, me conte o que está te machucando tanto.

- M-Mas se eu te contar, v-você vai sofrer...

O puxo para um abraço forte, ele precisa se sentir seguro. Eu preciso fazer alguma coisa, nem que seja ouvi-lo.

- Te ver sofrer desse jeito, guardando um peso maior que o seu, isso sim me machuca. Deixa eu te ajudar por favor Bakugou.

Ele começa a retribuir o abraço enquanto chorava mais. Esperei fazendo carinho em sua cabeça para conforta-lo.

- E-eu sei o que aconteceu com o Deku... mas os violões estão me proibindo de contar isso para qualquer pessoa. Se não, o Deku vai sofrer mais...

- O que aconteceu com o Midoriya?

Ele respira fundo e tenta segurar o choro, mas lágrimas ainda escorriam por seu rosto.

- Eles são horríveis... estão torturando ele sem me explicar o motivo é estão me chantageando com isso. Ele me ligam para falar sobre como ele está, me mandam vídeos...

Ele para de falar quando começou a dizer sobre vídeos, alguma coisa estavam fazendo para deixar Bakugou louco. Eu preciso saber o que eles estão fazendo.

- O que eles estavam fazendo nesses vídeos?

Ele respira fundo, parecia repudiar o que estava prestes a falar.

- Estupraram ele.

Meu Deus! Chegaram a esse ponto? O que Midoriya fez? E porque mandaram esse vídeo pro Bakugou?

- Meu Deus...

- Foi tão... horrível ver isso. É como se eu viesse ele sofrer por minha culpa. Parece que a culpa é minha, não sei como. Não tem explicação para o que fazem com ele.

Era muita informação para eu engolir. Midoriya foi sequestrado, está sendo torturado, estuprado e mandam vídeos e chamadas com essas coisas para o Bakugou. Como foi chegar a esse ponto?

- Olha, eu repudio completamente o que fizeram com Midoriya. Mas eu preciso que você entre em detalhes sobre isso, talvez a gente pode encontrar alguma resposta é ter uma ideia de onde o Deku esteja.

- M-Ma-

- É sério Bakugou, preciso que você conte isso para mim, eu quero ajudar vocês dois a não sofrerem mais.

Vejo ele se acalmar, parou de ficar trêmulo e respirou fundo.

- Melhor que você veja o vídeo


Notas Finais


Oie amores :3

Sorry ser fdp d novo e ñ contar o q tem no vídeo, MAS ñ vou ficar enrolando mais :3 hshshhs

Bjs ♥️♥️♥️

(Agradecimentos a Luiza q corrige td aq hshshs ♥️♥️♥️)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...