História Bad past - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 3
Palavras 1.013
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Lemon, LGBT, Shonen-Ai, Suspense, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Capítulo um


Eu sempre tive um certo ódio pelos humanos,na verdade não todos os humanos... uma parte dela,os homens.Sim garotas isso mesmo,eu não me recordo em que época comecei esse rancor incontrolável,talvez começou na época em que a prostituta fodida da minha mãe trazia os clientes dela para a nossa casa e eles me batiam,história triste a minha eu sei blá blá blá,mas não sou de chorar. na verdade por causa dessas merdas eu comecei a odiar homens que são tão nojentos,não tem essa de "alguns" pra mim,são todos.

Mas é curioso não?invés de eu odiar a minha mãe ou todas as mulheres comecei a odiar os homens,bem minha mente nunca funcionou bem mesmo.eu nunca quis nada pra droga da minha vida,com esse meu jeito de delinquente e mau humorado que sou, consegui afastar não só os homens mas também as mulheres,Mas prazer sou Yato takashiro..considerado pela sociedade um belo fracassado e delinquente

Antes quando minha vida era pior do que é agora,havia sim uma pessoa que eu não odiava,ele era alguém totalmente diferente de mim em todos os sentidos,ele era tão..gentil..e feliz..eu na verdade nunca soube realmente o que era a felicidade,como é?tem gosto bom?eu gostaria de sentir um pouco.Não,alguém como eu não merece tal prazer

Bem,depois de toda essa história de passado,vamos começar com o presente...

Estava acordado,na noite anterior pois não consigo dormir durante a noite,eu pensava que quando finalmente conseguísse morar sozinho, poderia dormir tranquilamente.Eu estava errado eu iria começar a estudar no primeiro ano do ensino medio este ano,como consegui passar todas aquelas séries sendo que sou tão irresponsável?não sei.Mas consegui e o que importa.

Estava amanhecendo,então fui me trocar,vesti meu moletom de tom preto muito escuro,meu cabelo estava desarrumado como sempre,arrumar para que?ele iria bagunçar de novo.

Fui para escola de trem,algo que eu realmente odiava,as pessoas olhavam pra mim como se eu fosse matar alguém,mas na verdade isso não era o pior,o pior era ter que aguentar o odor dos homens,a presença deles,seus rostos..aquilo pra mim,era como uma tortura,não era atoa que eu fechava os olhos a metade do caminho todo

Quando cheguei na escola nova,não parecia nada demais,ela tinha dois andares,provavelmente eu iria ficar no andar de baixo,por causa dessa merda de "calouro" o que eu também odiava.Quando comecei a caminhar pra dentro da escola,um daqueles atletas que se acham donos da escola esbarrou em mim,só o toque dele me dava nojo,uma vontade de morrer,meu cérebro só dizia que eu tinha que sair de lá,ou eu iria morrer...provavelmente ele tentou pedir desculpas,mas quando falou não consegui ouvir apenas corri corri e corri eu não queria que homens me tocassem ou eu iria morrer,com toda aquela correria eu acabei chegando na minha sala por acaso.Eu entrei e a aula não havia começado ainda o que realmente é um alivio eu não queria me atrasar no primeiro dia e entrar em uma sala de aula cheia,iria chamar todos aqueles olhares pra mim.

Quando a aula começou o professor tinha passado algumas atividades..talvez sobre ciências?..eu na verdade não me lembro pois não escutei nada,não tinha dado atenção para o que o professor ..Claudio?João? Fernando?não ..não lembro..eu olhava pela janela e parecia que nuvens pretas cobriam o céu,parecia que iria chover e não seria pouco.Quando a aula acabou eu vi vários garotos indo em direção ao ginásio da escola e me lembrei que não vim a reunião da escola por isso não havia pegado os horários das aulas.

A unica coisa que eu pensei foi "fodeo" ...eu não sabia pra onde ir ou quando ir,eu fiquei vendo todos irem. perdido no meio da sala,ate sentir uma mão entrelaçar meu ombro,era quente e grande e quando me virei,era o mesmo garoto de hoje cedo,eu tirei rapidamente a mão dele,provavelmente eu estava com aquela expressão de assustado,apesar disso ele ignorou minha expressão e apenas se apresentou com um sorriso mais brilhante que o próprio sol.

-Ola! ..eu sou Mikaelis Shyanki,lembra de mim,não?

-É. -respondi friamente olhando pro lado-

-Eu não vi você na reunião geral,não deve ter pegado os horários das aulas,não é mesmo?me siga eu te mostro sua próxima aula já que EU sei a onde devemos ir.

Eu não tinha muito o que fazer a não ser segui-lo,não sabia onde ir teria que seguir aquela pessoa ou iria ficar sem aula..enquanto caminhavamos um longo corredor,a chuva parecia estar mais evidente,eu eu já tinha certeza que iria chover

Chegamos no ginásio,e como havia imaginado seria aula de educação física,eu odeio essa aula,sair correndo atrás de uma bola como uns idiotas é totalmente estúpido.Eu estava a ponto de ir embora ate que Mikaelis puxou a gola da minha camisa e falou

-Ah,por favor não va embora assim,aula de educação física não é tão ruim

Falar é fácil,você é atleta

Eu pensei,por que não?eu já estava ali mesmo.Mikaelis tinha soltado a gola da minha camisa então foi embora sem falar nada,apenas foi para onde estava seus amigos,eu fiquei sentado na arquibancada enquanto o professor falava

-Ai novatos,quero que saibam que aqui não vai ser molesa entendem?não vou pegar leve só porque vocês ainda chupam chupeta !

Todo o ginásio foi tomado por gritos dos garotos barulhentos

-Calem a boca! Já vi que são insolentes,e por isso já vou passar um trabalho em dupla onde vocês terão que pesquisar todas as regras do futebol,e os nomes dos primeiros homens a jogarem esse jogo.

Todo o ginásio tinha sido tomado de novo por aquele barulho insuportável,eu realmente odeio garotos,eu sinto que minha cabeça iria explodir a qualquer momento.

-Já disse pra calarem a boca,e pra melhorar eu vou escolher as duplas.

O professor foi falando nomes de alguns alunos,e em seguida falando com quem eles iriam formar dupla,demorou um tempo ate ele chamar meu nome,mas havia finalmente chegado,e eu só pensei que poderia finalmente ir embora.

-Yato Takashiro com...

Ah vamos fale logo seu idiota!

-Azusa Sawasaki !

E uma expressão de medo e nervosimos tinha tomado meu rosto,eu não sabia o porque..mas senti que já tinha ouvido esse nome antes.

Um garoto de cabelo verde quase apagado com uma coloração de olho diferente estava se aproximando de mim, seu corpo era coberto por ataduras , e ele vestia preto como eu,quem poderia ser esse Azusa que sinto que já conheço a anos


Notas Finais


Ninguém vai ler,porém vou fazer né kk :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...