História Bad Things - Capítulo 22


Escrita por:

Postado
Categorias Liam Payne, Louis Tomlinson, One Direction, Zayn Malik
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Gangue, Harry Styles, Larry, Liam Payne, Lilo, Louis Tomlinson, Máfia, Niall Horan, Paynlinson, Stylinson, Zayn Malik
Visualizações 47
Palavras 900
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Ficção, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 22 - Chapter Twenty One


Fanfic / Fanfiction Bad Things - Capítulo 22 - Chapter Twenty One

- Não. Cinquenta mil dólares nesse fuzil, é isso ou nada. - encaro o rapaz em minha frente com a expressão séria.

- Okay, negócio fechado. - ele me entrega a maleta e sorrio satisfeito.

Barulho da música em meus ouvidos me fazia ficar contente ao ver aquele tanto de dinheiro.

Seguro as notas em minhas mãos verificado se eram verdadeiras e assim que afirmo fecho a maleta estendo minha mão para o rapaz que aperta a mesma.

- Foi bom negociar com você.

- Prazer foi todo meu. - dou um sorriso e me viro.

Saio andando entre as pessoas que me dar espaço de imediato, Josh e Rodrick me seguem até área VIP da festa, sorrio para Liam que está bebendo seu whisky puro.

- Negócio foi feito. - falo entregando a maleta para ele.

- Ele foi bem Josh? - Liam pergunta afirmando com a cabeça.

- Essa festa até que está legal. - comento com Liam que acende um charuto e balança a cabeça.

- Sensacional. - ele diz vago, me viro encarando seu rosto.

- Será que você não consegue apreciar uma festa sem estar bêbado ou drogado? - reviro os olhos.

- Eu não estou nenhum dos dois Louis.

- Mas provavelmente vai ficar, se for ficar fique bem longe de mim. - observo as pessoas se divertindo e Liam se aproxima.

- Louis você não manda em mim. - viro meu rosto para encarar seu rosto.

- Eu sei que não Liam. - dou de ombros. - Da mesma forma que você não manda em mim. - falo indiferente.

Ele ergue as sobrancelhas e gargalha.

- E quem te disse isso?

- Ninguém precisa me dizer o óbvio Liam. - dou de ombros.

- Você está se achando muito Louis. - ele assopra a fumaça do charuto para mim.

- Eu não me acho eu me sinto Liam. - sorrio e me viro encarando todos lá em baixo.

- Ah, você é muito convencido. - ele rir.

- Olha só quem fala. - reviro os olhos.

Pego o copo de sua mão e engulo o líquido que está alí, balançando minha cabeça ao que o gosto amargo desce por minha garganta.

- Isso é horrível. - coloco a língua para fora.

- Isso é maravilhoso, você apenas não é acostumado. - ele deu ombros e faz careta ao que recebe que bebi tudo.

- Invés de ficar reclamando sobre o uísque que tal descemos para dançar em? - me viro perguntando ao Liam que apenas rir.

- Acho uma boa idéia. - ele sorri.

Sorrio e seguro sua mão o puxando para fora da pista VIP, descemos as escadas e passamos pelas pessoas.

As luzes eram totalmente azuis fazendo ambiente ter essa iluminação, é exatamente perfeito para essa noite.

Começo dançar ao ritmo da música e gargalho ao que Liam dança junto.

"Taking it slow, but it's not typical He already knows that my love is fire His heart was a stone, but then his hands roam I turned him to gold and it took him higher

Oh, I'll be your daydream, I'll wear your favorite things We could be beautiful Get drunk on the good life, I'll take you to paradise Say you'll never let me go"

Mordo meu lábio ao que mexo minha cintura conforme a música, encaro os olhos de Liam, seu sorriso era enorme e jogo minha cabeça para trás gargalhando.

- Você sabe dançar super bem. - aproximo meus lábios de seu ouvido e falo um pouco alto para ele escutar.

- E você sabe remexer bem a bunda. - olho para ele que expressa um sorriso de malícia e balanço a cabeça rindo.

Viro de costas para ele e balanço minha cintura lentamente, as mãos de Liam prende minha cintura fazendo nossos corpos ficarem grudados e mexerem juntos.

"Deep in my bones, I can feel you

Take me back to a time only we knew

Hideaway

We could waste the night with an old film

Smoke a little weed on my couch in the back room

Hideaway

Say you'll never let me go

Ahh, ahh, ahh

Say you'll never let me go

Ahh

Say you'll never let me go"

- Você é perfeito. - voz de Liam saí próxima ao meu ouvido e dou uma risada colocando minha mão sobre a sua.

Ele segura minha mão puxando a mesma para cima e giro meu corpo dando uma risada, abraço seu corpo novamente deixando nossos rostos próximos e encaro seus lábios.

"Deep in my bones, I can feel you

Take me back to a time only we knew

Hideaway

We could waste the night with an old film

Smoke a little weed on my couch in the back room

Hideaway

Say you'll never let me go

Ahh, ahh, ahh"

Liam aproxima seus lábios do meu e assim iniciamos um beijo quente, meus lábios se movimenta contra o dele fazendo barulho escapar, nossas línguas se encontrando cada vez mais. Passo a mão em seus cabelos deixando os fios molhados de gel passar entre meus dedos, suspiro contra rosto de Liam ao separamos o beijo por falta de ar.

Um sorriso escapa de meu rosto assim como Liam, selo seus lábios jogando minha cabeça para trás novamente ao que Liam segura minha cintura.

- Isso é tão bom. - falo alto para que ele possa escutar.

Aproximo novamente meus lábios do dele e sorrio novamente.

- Eu sei que é bom, eu também sinto isso. - ele diz contra meus lábios.

Balanço minha cabeça sorrindo e beijo novamente ele, deixando os barulhos molhados escapar de nossas bocas deixando beijo quente e intenso. Liam aperta minha cintura em suas mãos enquanto mordo seu lábio inferior voltando beijar sua boca deixando nossas línguas se encontrar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...