História Bad Things - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Liam Payne, Louis Tomlinson, One Direction, Zayn Malik
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Gangue, Harry Styles, Larry, Liam Payne, Lilo, Louis Tomlinson, Máfia, Niall Horan, Paynlinson, Stylinson, Zayn Malik
Visualizações 40
Palavras 1.342
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Ficção, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 23 - Chapter Twenty Two


Fanfic / Fanfiction Bad Things - Capítulo 23 - Chapter Twenty Two

- LEVANTA ! - Liam falou alto e respiro ofegante me levantando novamente recendo um soco forte em meu rosto e logo Liam me derruba novamente. - VAMOS, SEJA FORTE. - ele quase berrou.

Me levanto novamente dando alguns suspiros, estávamos treinando por experiência e por hobby.

Mas não é nada legal apanhar.

- Pega leve com o garoto Liam. - Zayn riu do lado de fora do ringue e Liam se virou revirando os olhos.

- Óbvio que não, ele precisa aprender a se defender, eu não estarei sempre lá para o proteger. - Liam voltou sua atenção para mim, passou as mãos em seus cabelos, engulo a seco levantando rápido fazendo movimentos de ataque e chuto seu abdômen caindo no chão ao que Liam segura meu pé.

- Eu ainda tenho muito o que aprender... - dou um sorriso fraco, Liam concorda com a cabeça e logo dá uma risada.

- É de fato que você realmente precise. - Liam saí andando até Zayn que estende uma toalha e uma garrafa d'água.

Me sento no chão e pego a garrafa d'água e a toalha que Zayn joga para mim. Limpo seu suor com a toalha, bebo um gole grande de água e me levanto saindo andando até as cordas e saio do ringue indo em direção ao banheiro.

- Aonde você pensa que vai? - Liam perguntou ao tirar sua atenção da conversa que estava tendo com Zayn.

- Eu vou tomar um banho, não pode mais? - reviro os olhos ao que ele bufa e caminho ao banheiro, por milagre ele estava vazio.

Ando até meu armário "22" deixando minhas luvas ali, e pego minha toalha, sabonete e shampoo. Caminho até um dos chuveiros e abro deixando água morna cair sobre meus cabelos e passo o shampoo entre meus cabelos, fecho os olhos ao que esfrego minhas mãos em meus cabelos.

Liam está certo de uma coisa, eu devo ser mais forte, eu não posso ser vulnerável perante as coisas ao meu redor, eu não posso esperar alguém me dizer o que devo fazer, eu preciso ser forte e determinado sobre as coisas, preciso ser confiante e forte. Não pelos outros, mas sim por mim. Eu preciso ser mais do que sou e farei o possível para me tornar forte.

- Está boiando está? - voz de Liam se mistura junto com a água que cai no chão e abro os olhos rapidamente. Agradeço a Deus por existir uma parede ali junto com uma cortina semi transparente.

- Não, por que acha isso? - falo olhando para cortina confuso.

- Está parado faz dois minutos já. - Liam riu.

- Como sabe disso? - perguntei a ele ainda confuso.

- Ainda é possível te ver viu, aliás que bela bunda. - Liam gargalhou e reviro os olhos.

- Vai tomar banho, ou melhor vai toma no cu. - balanço a cabeça e volto a esfregar meu corpo e minutos depois fecho o chuveiro.

Abro a cortina não vendo mais ninguém ali, ando até o vestiário e ando até meu armário, passo desodorante em meu braço e reviro os olhos ao ver Liam se aproximar.

- Veio encher o saco de novo? - reviro meus olhos e ele nega com a cabeça rindo.

- Vim te dizer que hoje vamos para uma festinha. - ele sorriu.

- Que festinha? - visto minha box preta e tiro minha toalha pegando minha calça e Liam passa seus olhos por meu corpo.

- Para se divertir obviamente né Tomlinson, mas bem que nossa diversão pode começar agora... - ele passa suas mãos por minha cintura e deixa meu corpo próximo ao seu selando nossos lábios.

Ao que sua língua pede passagem, e assim iniciamos um beijo no qual sua língua explora cada canto de minha boca, e apoio minhas mãos em seus ombros, Liam logo segura minha cintura empurrando meu corpo contra os armários, logo ele segura meu corpo e enrolo minhas pernas em sua cintura. Seus beijos desce para meu pescoço e sorrio de olhos fechados escutando os beijos molhados de Liam em meu pescoço, gemo fraco ao que ele começa sugar minha pele e provavelmente iria deixar marcas.

- Eu só queria pegar minha jaqueta não ver pornô gay ao vivo. - voz de Zayn se espalha no local e Liam se afasta colocando meu corpo no chão e passo a mão em meus cabelos molhados e respiro fundo.

- Pega sua jaqueta e morra com ela. - Liam bufou e travou seu maxilar e Zayn gargalha.

- Foi mal atrapalhar vocês dois, mas acho que deveríamos ir logo. - Zayn questionou e andou até seu armário e olho para Liam.

- Ele tem razão, vou vestir minha roupa e já encontro vocês no carro. - me viro novamente abrindo meu armário e visto minha camisa.

- Okay. - Liam diz por último e saí andando com Zayn que faz uma cara maliciosa.

(...)

Bebo meu Dry Martini e escuto a música alta enquanto todos dançavam e bebiam. Lábios de Liam em meu pescoço e sorrio ao que olho ele, nossos lábios se juntam em outro beijo quente, nossas línguas nunca parando de se encontrar, mordidas de leve um no lábio do outro, um mais gostoso que o outro, sem esquecer o hálito de hortelã da boca de Liam o que me faz ter mais vontade ainda, posso jurar que estou fora de mim, sem controle, como uma arma carregada.

- Vocês vão passar o tempo todo aí? - Zayn se aproximou cruzando os braços.

- Não tem nada de importante lá mesmo. - Liam riu dando outros beijos em meu pescoço e me ajeito em cima de seu colo.

- Caralho vocês não se desgrudam? Liam vamos logo aproveitar, você não é de ficar aqui. - Zayn bufou, ele parece uma criança quando quer algo.

Deixo meu rosto entre o pescoço de Liam e dou uma risada ao que Zayn continua fazer "pirra".

- Aí está você... - voz de Sabrina fez meu corpo congelar e levanto meus olho para ela que me encara e Zayn balança a cabeça.

- Eu disse que já estou indo. - ele revirou e saio de cima do Liam agora me sentando no sofá grande e veludo de cor cinza e bebo minha bebida tentando não entrar em pânico.

- Você está bem? - Liam pergunta e concordo com a cabeça.

- Acho que você deveria ir se divertir um pouco. - dou um sorriso fraco e ele concorda logo se levantando.

- Você fica aqui então certo? não demoro. - ele sorriu fraco e puxou Zayn para pista de dança, olho para Sabrina que ainda me encarava e engulo a seco.

- O que foi? - pergunto me encolhendo em meu lugar.

- Parece que está se divertindo muito com o senhor Payne certo? - ela cruzou os braços abro a boca para falar mas ela impede. - Não creio que você caiu no papo dele Tomlinson, caralho nós temos um plano então não estrague ele.

- Eu não fiz nada, eu só estou fazendo tudo para ele não desconfiar. - respiro fundo e Sabrina se senta ao meu lado bebendo a cerveja do copo de Liam e olho ela de canto de olho.

- Assim espero Louis, se você se aliar a ele, saiba que vai morrer como um deles, não teremos piedade com ninguém, exatamente ninguém. - ela disse de modo ameaçador e me viro encarando seus olhos.

- Ótimo, pois eu também não terei piedade de mais ninguém que ousar tentar me usar para ganhar algo, porque na verdade, todos querem algo. - falo encarando seus olhos e ela da um sorriso de lado balançando a cabeça.

- Que bom que está tomando coragem para as coisas, pois estamos prontos para atacar e espero que você se decida Tomlinson. - Sabrina olha em volta e volta os olhos para mim.

- Eu já me decidi faz tempo querida, espero que confie mais em mim. - pego meu copo e bebo novamente minha bebida e ela sorrir.

- Espero que eu não esteja confiando em vão.

- Você não está. - falo simples e logo ela se levanta e saí andando, tomo novamente outro gole de bebida.

Ou você está. Único lado que estou é de construir meu próprio império.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...