História The Serial Killer - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Jay Park
Personagens Jay Park, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 221
Palavras 984
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Tam tam tam tam tam taaaaaaaaaaaaammmmmmmm

Capítulo 9 - 9 - Capítulo


Acordei de madrugada por motivos de fome ja que não comi nada, sai do quarto e caminhei naquele corredor escuro.

Passei no quarto de jungkook e ouvi uns barulhos de cama se chocando com a parede, ja presumi o que estavs acontecendo ali nao me importei e fui pra cozinha fazer um lancinho.

Abri a geladeira encontrando um belo de um pedaço de bolo receiado de chocolate com pedacinho de morango hm.... e ainda pra completar a cobertura era de Nutella e nesse bolo tinha um bilhete escrito " Pra vc ____" acho que foi o jin que fez pra mim!! Como eu amo esse mininu!!

Peguei o bolo e a jarra de suco.

Me sente no mármore gelado e me deliciei com meu querido bolo, enquando eu devorava o meu bolinho ouvi vozes na sala, e uma dessas voz tava alterada.

Desliguei a luz da cozinha deixando todo escuro, me encolhi no mármore quando ouvi a porta sendo fechada com força.

Podia ta com medo mais minha fome era tanto que eu nao largaria meu bolo pra nada, escutei passo de jeon vindo ate a cozinha, o mesmo nao acendeu a luz foi direto pra geladeira pegando uma garrafa de vodka e bebendo no gargalo.

Sem se mover um músculo fiquei observando seus passos enquando comia meu bolo, o mesmo parecia pensativo com algo, mordia os lábios sem parar, jogava o cabelo pra trás e às vezes bufava.

O incrível é que ate agora ele nao percebeu minha presença, mais tomei um susto quando escute a voz do jin brotando no momento.

- Kookie com quem vc estava gritando? Nao me diz que...* foi interrompido*

- Nao, eu nao tavo brigando com a S/n, e sim com uma puta ai que fodi ela com força...* com a cozinha ainda escura fiquei escutando suas conversas*

- Ta ta, nao quero saber dos detalhes! Agora me diga o que vc vai fazer com a menina? * falo andando ate fica na frente do mesmo*

- Nao sei...* suspiro * Acho que vou me satisfazer com ela e depois quando eu me enjoar a jogo fora ou a mato...*Disse passando a mão em seu cabelo*

- Quando vc vai mudar em jungkook? Para de ser tão infantil!! *Esbravejo * sinceramente pensei que vc tinha mudado! *virou se de costa*

- Gente como eu nunca muda meu caro jin... vc sabe... sou um monstro... era assim que mamae me chama.... se lembra? ... De monstro que nunca me amou de verdade... Por isso que a matei... nao me arrependo disso.... sabia.... se pudesse fazia de novo ver o sangue dela nas minhas mãos foi uma coisa incrível!!

Meu santo G-dragon! Deixa eu vazar daqui antes que ele perceba que eu estava escuntando.

Desci do mármore com o cu trancado e me agachei, me arrastei ate a sala quando eu vi que ja tava fora da cozinha, sai correndo pro meu quarto.

Me deitei correndo e me cobrindo fechando os olhos, como tavo com a posição perfeitinha, me desarrumei, ficando com uma perna pra fora e coloquei um pouco de cabelo no meu rosto e fiquei com a boca um pouco aberta.

Ouvi a porta se abrindo de vagar. Abri um pouco os olhos pra ver quem era, jungkook entrava tranquilamente se sento ao meu lado se encostando na cabeceira da cama.

- S/n?? Ta acorda...*Pergunto mechendo em meus cabelos* porque vc tinha que ser tão linda?  

{ Pergunta pra minha mãe oushi..}

- Queria tanto provar essa sua boquinha na minha denovo como da ultima vez... ouvi vc dizendo que me ama e que nunca ia me abandonar... 

{ Pena que tu so quer me usar Viado du caralho }

- Queria tanto de dar prazer.... ouvir vc gemer meu nome loucamente,  enquando eu batesse em sua bunda e te penetrando em sua bucetinha que deve ser apertadinha...Hmmm


{ Mano como essa pessoa fica pervertido do nada? }

- Amor? quando o nosso vinho amargar ou perder o sabor Quando a maquiagem borrar e as fotos..

{ Mais que voz Jesus Cristo!! }

- Tu ainda vai querer me aquecer quando não me restar nem calor? E quando o cigarro apagar vai ter valido a pena as cinzas e o frescor?

{ se ele continuar assim eu me apaixono!  }

Quando a nossa música tocar, tu ainda vai lembrar do ritmo? Quando o mundo me machucar, Tu ainda vai quere curar a minha dor?

{ Sangue de Jesus tem poder,  tem podeeer tem poder.... nosso agora deu mal bad!! }

- Tua voz e tua respiração são meus sons preferidos, Mas quando eu esquecer de viver teu olhar ainda vai me lembrar quem eu sou...

Me agarrei sua cintura o fazendo se deitar por completo.

- Ainda vai querer acordar com meu toque e minha voz no ouvido? Tua vida ainda vai ter sentido se a nossa for tudo o que te sobrou?

Senti algo molhar meu cabelo, sera que ele ta chorando?

- Quando chegar o cansaço meu abraço ainda vai ser teu abrigo

Mas quando a vida acabar ainda vai quere ir pro mesmo lugar onde eu vou? 

- Ainda vai sorrir quando eu for teu único motivo?

 Ainda vai ouvir o que eu digo mesmo quando eu só quiser falar de amor?

Ainda vai tentar me entender quando eu não fizer mais sentido 

E ficar comigo quando tiver visto o pior lado de quem eu sou? * Fungo o nariz *

Levantei minha cabeça vendo o mesmo estava desabando em lagrimas com os olhinhos fechado, me inclinei um pouco e sele  nossos labios, no começo ele se assusto mais no fim retribuiu, o beijo esta tão bom, sem nenhuma mão boba, so nos carícios separamos o beijo por conta da falta de ar.

- Pode cantar mais uma? *fiz bico*

- Ta tarde, dorma porfavor! * disse fazendo carinho em meu rosto*

- Chato!! *fiz bico e me deitei em seu peito*

Riu do meu comentário e  se a jeito na cama, dormimos agarradinhos.






Notas Finais


Aiii qui bad!!

Musica: https://youtu.be/DrytUclUKCs

Pra quem quer sofrer mais escutei as musica do zeck. !!!

As músicas dele acaba contigo! E olha que eu sou muito alegre e as músicas dele me fez chorar muito!!

BOM TCHAU PRA VUCES!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...