1. Spirit Fanfics >
  2. BakuDeku- Amor provocativo >
  3. "Dúvidas e outras emoções"

História BakuDeku- Amor provocativo - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Demorou um pouco, mas saiu. Espero que gostem do cap.

Boa leitura ^^

Capítulo 2 - "Dúvidas e outras emoções"


Katsuki P.O.V on

°8:15 am°

°Despertador toca°

- Cala a boca, porra... - Eu disse sobolento e ao mesmo tempo com raiva.

°Despertador continua a tocar°

- Dei um soco forte para desligar o despertador - CALA A BOCA DESGRAÇADO!

Eu tive a pior noite de sono possível. Ficar acordado durante 4 horas e 30 minutos é horrível! E ainda por cima pensando no idiota nerd do Deku!! De qualquer maneira eu acordei tarde e ainda tô com sono.

- DEKU, SEU DESGRAÇADO! O QUE VOCÊ FEZ COMIGO?! - Após ter pronunciado essas palavras, eu me sentia levemente vermelho. - Mas quê...?

Me levanto da cama, pego minha toalha e vou para o banheiro. Só tive que tirar as calças, aliás eu geralmente não durmo muito de camisa.

Após ter saído do banho, vesti uma regata branca e uma calça preta solta e desci pra ver o que comer. Daqui para duas semanas, vou ter meu café da manhã sem os meus pais; eles estão viajando e irão ficar por 3 semanas fora por completarem 20 anos de casados... Eu não vejo sequer uma necessidade disso! Mas é a única desculpa pra eu ficar sozinho em casa e fazer o que eu quiser, então tudo bem.

Eu comi uns sanduíches picantes com refrigerante, o que eu sempre quis vomer de café da manhã, pois não há ninguém para me impedir disso.

°9:30 am°

Depois do café, eu fiquei deitado na cama pensando no que fazer. Mas meu único afazer e desprazer é ter que ir na casa do nerd idiota do Deku hoje.

- Ah... Eu quero matar o Midoriya! - Então, eu me lembrei do que aconteceu ontem - Por quê ele ficou olhando pra mim?! Depois que ele fez isso, eu não parei de pensar nele! Mas eu sinto como se parte do meu corpo quisesse isso de novo e a outra não. - Coloco minhas mãos atrás da cabeça e me apoio na parede - Mas sinseramente, à parte eu gostei de ele ter pulado em cima de mim e ter segurado meu ombro forte... heheheh... Quem diria que ele poderia ter agido daquela maneira tão boba por causa que eu o provoquei comendo aquelas batatas picantes. Eu poderia melhorar isso? - Faço um sorriso cheio de malícia e sentia meu rosto começar esquentar de novo. - PARA CARALHO!!!

°Katsuki P.O.V off/ Izuku P.O.V on°

°8:00 am°

Eu acordei e por um minuto pude ficar calmo, até ficar ansioso que nem eu estava na noite passada. Ansioso pela chegada do Kachan. Mas eu não sei o que me deu desde o que eu fiz ontem... Não sei se foi o contato visual ao encontrar seus olhos escarlates encarando os meus, o contato físico em sentir um pouco do seu corpo ou ter feito aquilo tão impulsivamente por um fato bobo, porém ter gostado daquilo.

- Mas se eu realmente perdi a cabeça porque eu gosto dele... Eu vou ter que encontrar motivos? Porque ele me trata tão mal... Ah! Isso tá sendo tão complexo pra mim... - E fiquei vermelho.- É melhor e-eu tomar meu banho.

Me levantei da cama e fui para o banheiro tomar um banho quente pra relaxar e tentar resolver minha ansiedade.

°8:25 am°

Até que funcionou, entretanto "tudo o que é bom, dura pouco" e novamente eu comecei a pensar em mil cenas de mim e do Kachan juntos e resultou em: hemorragia nasal. Tive que limpar o mais rápido possível antes de descer para tomar café.

°9:00 am°

Depois de ter tomado café junto da minha mãe (apesar de ter sido tarde, é domingo), nós dois estávamos jogando um baralho e ela já havia ganhado 3 vezes seguidas.

- E... Eu ganhei! Finalmente! 3 de ouros, 3 de espadas e 3 de rei! - Eu comemorei minha vitória.

- Haha, parabéns, filho. Você merece... Dorayakis por não ter desistido. - Ela pega uma bandeja com vários dorayakis em cima e deixa em cima da mesa e se senta em uma das cadeiras.

- Isso! Obrigado mãe! - Me levantei, dei um abraço nela, me sentei à mesa e começei a comer os Dorayakis. - Pega um, você também merece. - Eu disse arrastando a bandeja para perto dela.

- Está bem. - Então ela pegou um e começou a comer também.

Comemos mais 2 dorayakis e depois já estávamos satisfeitos. Depois, arrumamos as cartas que estavam na sala, colocamos aventais e lavamos algumas das louças que estavam na pia.

- Ah… Estava ótimo! - Eu disse enquanto secava uma xícara e depois a deixo no armário.

- Estava mesmo, pega mais um. - Ela me responde e me dá um prato para secar.

- Eu acho que faz um bom tempo que não temos um momento como esse…

- Tem razão… Devemos fazer isso mais vezes.

- No domingo que vem? - Digo já terminando de secar o prato.

- Pode ser. - Ela me dá outro prato para secar.

- Bem, acabou a louça. O que a senhora vai fazer agora?

- Eu... Vou ao mercado comprar uns ingredientes para o almoço. Não vou demorar. - Ela diz tirando seu avental.

- Eu posso ir com você! - Proponho eu, tirando meu avental.

- Ah… Não precisa.

- Mas é pesado.

- Só são algumas verduras.

- Mas eu não quero ficar aqui…

- Hum…

- Por favor?

- … Ah, está bem. Vamos.

°8:45 am°

Depois que compramos os ingredientes, haviam alguns casais andando juntos… Sejam homens junto de homens, mulheres junto de mulheres, ou um casal de sexos opostos… Eram casais felizes um com a presença do outro andando, passando um tempo juntos. Então, pergunto à minha mãe:

- Eh… Mãe, o que faz uma pessoa ficar apaixonada pela outra? - Fazendo essa pergunta, me lembro sobre o fato das minhas emoções em relação ao Kachan.

- Hum?! - De certa forma, ela ficou surpresa. - Ehm… Bem, existem diversos fatores. A pessoa "afetada" pode ter várias emoções em relação à outra. Falando sobre o fator do amor, pode ser aleatório. A pessoa certamente ficará vermelha e ansiosa para ver a pessoa pela qual ela está apaixonada, ela sentirá seu coração palpitar ou acelerar e vai ficar totalmente distraída e enquanto não conquistar o coração do seu amado ou amada. Algumas outras emoções é ter desejos loucos em relação à pessoa que a outra gosta, querer obsessivamente estar ao lado dela e a maior emoção perceptível e provável de que uma pessoa está apaixonada por uma outra é o ciúmes.

- Mas esses são os únicos motivos? - Eu sentia a cada passo que eu dava, aquela conversa se aprofundar e me encher de dúvidas e a vontade em ver o Kachan para me dar as respostas…

Uma pessoa pode ficar apaixonada apenas por olhar uma pessoa atraente na opinião dela. - Eu começava a entender um pouco melhor o que eu estava sentindo… Minhas dúvidas auntavam

- Mas… A pessoa precisa de motivos para se apaixonar por outra? Assim… Vamos supor que eu goste de alguém e essa pessoa que eu gosto me trata mal, mas eu não sei o porque que eu gosto dela.

- Deve ser pelo jeito que ela te trata que você se apaixonou… Mas… Por quê está me perguntando isso? Você está gostando de alguma garota?… Da Ochaco por exemplo?… Hein, filho?

- N-NÃO!… Não é nada disso… É s-só a dúvida mesmo… Mas por quê a Ochaco?

- Ela é uma garota muito gentil. Eu gosto do jeito dela e ela é uma bela moça.

- Mas eu gosto dela porque é minha amiga e não por causa dessas coisas que você... falou. 

- Sei...

- V-vamos voltar pra casa!

Quando chegamos, a ajudei a fazer o almoço, comemos juntos e depois ela foi descansar em seu quarto. Provavelmente ela ficará lá enquanto a Ochaco e o Kachan estiverem aqui em casa.

°15:00 pm°

Depois do almoço, eu não tive mais nada pra fazer, então aqui estou eu, o mais paciente possível esperando a Ochaco e o Kachan chegaram em casa.

- °suspiro° Ah… Kachan... - Cubro meu rosto que estava vermelho. - Olha o que você fez comigo em tão pouco tempo… - Por algum motivo eu bobamente sorri.

°Campainha toca°

Quando a campainha tocou, o meu coração acelerou e começou a bater muito forte. Eu soava frio de ansiedade. Apartir do momento em que o Kachan passar por aquela porta, eu terei minhas respostas!

- Izuku, é a Ochaco! Eu e o Kachan chegamos! - A Ochaco disse pelo lado de fora. Eu fui até a porta e girei a maçaneta.

- Oi Izuku! - Ochaco disse sorrindo pra mim.

- Oi Ochaco!… O-oi K-Kachan! °passa a mão por de trás do cabelo°… - Meu rosto estava tão quente.

- Oi… D-…Deku. - Ele olhava fixamente para os meus olhos, igual no dia anterior.

Ele estava…

Na mesma situação que eu?

Continua…


Notas Finais


Então? O que esperam para o próximo capítulo?

Bye bye! ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...