História Bangtan boys (hot)-Vamos brincar - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 27
Palavras 1.284
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Violência
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Bom, para quem não sabe eu estou reescrevendo esta fic do começo!
Sim, antes desta tinha outra! E por motivos de que a outra estava para mim, uma grande e bela bosta, eu estou reescrevendo a história!
Espero que tudo dê certo! E espero que gostem desta nova versão!
Beijos e boa leitura S2

Capítulo 1 - Perfeitamente errado


Fanfic / Fanfiction Bangtan boys (hot)-Vamos brincar - Capítulo 1 - Perfeitamente errado

Omma-Bom dia querida filha- Dizia a mulher de estatura média que preparava a mesa do café. Minha omma, a melhor!

-Oie Omma, bom dia- sorrio e lhe dou um beijo na bochecha- Uau, para que tudo isso?- digo avaliando a mesa que ela tinha posto. Tinha tanta comida! Era um banquete logo de manhã

Omma- Para você monguinha, é seu último café comigo durante três meses. Tem que ser especial- ela se senta na mesa.

-Owont mãe, você é tão carinhosa- sento ao seu lado

Omma- Na verdade a ideia inicial era ser tudo para mim, ja que eu estou cansada de tanto trabalhar, merecia uma fartura dessas não, é?

-Claro que sim Omma

Omma- Então porque cacetes, você nunca me prepara um banquete desses?

E pronto. Ela esta estressada, sabia que ela estava muito felizinha pro meu gosto.

- "Diculpa mamazinha, prometo qui um dia pepalo algo tão bom quanto issu ta?"- Essa nunca falha. Voz de bebê!

Omma- Hm, ok! Agora, coma! Não quero filha minha atradada em primeiro dia de aula- Vejo ela engulir goela a baixo seu café

-Aish...pode deixar- Como meu bolo de chocolate com calda. Delicioso como sempre,minha mãe nunca erra em questão de comida- Cadê o appa? 

Omma- Sabe como é né S/n, trabalhando dês de cedo- revira os olhos

- Será que da tempo de passar lá no trabalho dele? Eu quero me despedir- faço bico

Omma- Ah filha eu não sei...

-Por favor mãe, ele não vai me ver tão cedo. E você sabe que eu não gosto de sumir sem me despedir!

Omma- Ta,ok. A gente passa lá, mas sem demoras. De lá eu vou pro hospital, tenho muitos pacientes para fazer consulta hoje.

Sorrio e lhe dou um beijo demorado em suas bolas inchadas e rosadas, mais chamadas como buchechas.

Eu tenho uma vida ótima, apesar de ter sofrido muito na infância...mas,isso não vem ao caso. Continuando, eu tenho uma vida ótima!

Estou quase completando 20 anos de idade, não vejo a hora de comemorar! Estou entrando na faculdade só este ano, pois, me mudei para coreia a 2 meses e durante esse tempo, havia tentado bolsa em várias faculdades e nunca consegui.

Mas, tendo muito esforço eu consegui bolsa na faculdade dos meus sonhos! Incrível né? Lá é focado em artes, de todos os tipos.Irei me formar em teatro, de quebra farei um curso de dança que á lá!

Omma-Pronta?- ela me aborda enquanto eu estava na porta de casa- Hm,mas esta linda! Assim como a mãe- Convencidissima!

-Estou sim mãe- ando um pouco a frente- Obrigada. Fazer oque se a genética é boa na nossa família skksks.

Entramos no carro e fomos a caminho do trabalho de meu pai. Foi nada demais apenas me despedi enquanto ele chorava, sim, ele é sentimental até mais que minha mãe e eu juntas.

Após um tempo de tédio dentro do carro, finalmente chegamos a porta da faculdade.

Esqueci de comentar, irei morar nos prédios residenciais da faculdade. E isso não é tudo não querida(o), os apartamentos são mistos OU SEJA, eu posso ficar em um que tenha eu, um cara, e uma outra menina! Entre várias outras opções! Arrepia até o cabelo do cu.

Omma-Bom, chegamos filhota. Ta na hora do Adeus- ela estica o braço para me abraçar ainda presa no banco do carro

-Cê não vai entar comigo não?- arqueio uma sombrancelha

Omma- S/n te liga, tu tem 19 anos nas costas. Não é présinho para mamãe levar filha até dentro da escola- Que absurdo! Não se deve falar assim com as pessoas, muito menos comigo que sou um bebê.

- Então tchau- tiro meus sintos de segurança e abro a porta

Omma- Não vai dar um abraço na omma?- Ela faz uma cara de espanto

- Mãe te liga, tu tem 49 anos nas costas! Não tem que choramingar pela filha que esta saindo de casa- Usei do próprio veneno não é mesmo?

Omma- Tu quer levar um tapa na orelha menina? Isso é lá jeito de falar comigo?- Estressou

-Ta bom mãe- Dou um abraço apertado na mais velha

Omma- Se cuida tá? Estude bem, faça amizades boas e aproveite o tempo longe de meus berros- a mesma me da um selar nas bochechas.

-Pode deixar- pisco para ela. Saio do carro e me despeço enquanto ela se retira com o automóvel.

Ha... E lá vamos nós!

Estou linda de morrer! Meu look esta top(Capa), minha make suave e natural esta top, minha postura esta... Aceitável. Estou tendo um medo tão grande de não ser aceita, ou de não me adequar. Mas tudo na boa, sei que esse peso vai passar!


Em um belo campo de flores, onde o vento brinca com meus finos fios de cabelo, eu caminhava. Era ótimo sentir que consegui oque mais queria, que era estar presente ali.

A grama macia, o clima agradável, e um aroma de lavanda. Tudo tão perfeito, não é?! Incorreto!

ES-TA-VA tudo muito perfeito, cheguei até a desconfiar. Eu estava pensando que a vida tinha ficado boazinha, ha...trouxa. A vida é filha da puta demais para isso!

Enquanto eu caminhava como uma deusa, um grupinho de garotos colocaram a "jossa" do pé em minha frente! Uau! Um modo bem legal de se dar boas vindas.

?- Olha por onde anda ,ta cega? hahahahah- O coelho com pernas disse. Lindo ele, pena que já vi que não presta.

Ele e seus coleguinhas gargalhavam na minha cara, claro, eu ainda estava jogada no chão.

- O cego aqui é você! Mas com o tamanho desse seu nariz, dúvido mesmo que conseguiria me ver- retruco fazendo minha plena cara de deboche. Sou uma queen nesse quesito.

É, no momento achei que tinha arrasado com meu senso de humor. Mas, eu tenho quase certeza que não divia ter mechido com ele. 

Será que eles são tão valentões quanto parescem?

Quer saber..Ca-guei.

Me levanto e apenas passo por eles como se tivesse acontecido nada. Mesmo estando com um ranço enorme, eu apenas segui meu caminho.

Em meu fone tocava UNB-Black Heart(Autora: Se você não conhece vai conhecer! Eles merecem views!). Estava me segurando para não dançar e cantar ali no campus mesmo, quando ja ia cantar o refrão sou surpreendida com uma colisão em meu ombro. Mas dinovo?! Que porra eu fiz para esse povo ficar trombando em mi...

?- Me desculpe- era uma garota, sua face estava preocupada. Estava a analisando, quando percebi que boiava enquanto olhava para seu rosto- Hey..

-An?- dou um pequeno pulo ao ver que ela me encarava confusa- Ai meu Deus, desculpa!

?-Kkkakakaka isso foi engraçado. Tudo bem, eu que tenho que me desculpar- a mesma estende a mão- Qual seu nome?

Estendo minha mão e nos comprimentamos

- Meu nome é S/n...hã... E o seu?- Estou tímida! não AAAAA, eu não posso ficar corada! Ela vai perceber.

?- Me chamo La Lisa, prazer- ela sorri. Que sorriso fofo! Se eu a conhece-se a mais tempo, concertesa iria apertar suas bochechas.

- O prazer é o meu- Retribuo o sorriso

Lisa- Nova aqui?

- Sim, acabei de chegar

Lisa- Ah entendi, bem vinda então. Podemos andar juntas? Quero ser uma boa veterana- Uma futura amiga?

-Haram. Só não repare muito, sou bem tímida- escondo minhas bochechas coradas em minhas mãos.

Lisa- Ficou fofa assim! Tire já está mão do rosto- ela abaixa as mesmas. Uau,mas já estamos assim?- e não fique com vergonha, eu sou legal.

- Não é isso, é que..

Lisa- Você tem medo de te julgarem- seu olhar preocupado que antes tinha esvaerado, voltou um pouco mais forte. Nem precisei dizer nada, ela ja havia intendido- Você esta comigo, não tem que ficar tímida. Sou bem popular, e todos que viram meus amigos são respeitados, então relaxe.

- então ta bom- sorrio aliviada. Agora as coisas estão indo perfeitamen...

Lisa- Olhe ali, meus amigos. Vamos até eles- Vejo aonde a garota que estava agarrada em meus braços apontava. Cadê meu sorriso? Foi para puta que pariu!


Por quê esses amigos tinham que ser justo eles??!!

















E tudo esta indo Perfeitamente errado!





Notas Finais


É isso né! Ficou bom?
Eu acho que esta melhor do que antes sksksksks
Beijus


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...