1. Spirit Fanfics >
  2. Baraúna Fique Noite >
  3. Misterioso

História Baraúna Fique Noite - Capítulo 13


Escrita por: vermezoro

Capítulo 13 - Misterioso


Capítulo 13

 

???: — Aparentemente, apenas eu não me revelei ser um mestre. Mas a hora chegou, porém, um processo vai acontecer durante isso.

 

O desconhecido mestre do Berserker então vai até a Rua Tóxica de Baraúna, o lugar onde grande parte dos mestres vivos ou mortos possuíram.

 

Sapo: — Aí Xinim, vou beber a água do rio, me disseram no twitter que faz bem pra saúde.

Xinim: — NÃO BEBA AGUA DO RIO!

Sapo: — Ok... 

???: — Oi gente, tudo bem? Queria perguntar se vocês sabem o caminho para a escola Assistão Kaiji. 

Xinim: — Bem... Eu não sei, Sapo, você sabe?

Sapo: — Sim, eu sei, você vai andar reto essa rua, virar a esquerda e seguir reto, o destino estará na direita.

???: — Obrigado!

Xinim: — Ei garoto, qual o seu nome?

Ryan: — Ryan, e o de vocês?

Xinim: — Xinim.

Sapo: — É Sapo.

 

Ryan então vai até a escola Assistão Kaiji.

 

Sapo: — Ei Xinim, você acha que ele seja um mestre?

Xinim: — Não. Não tem nada nele que faça eu pensar nisso.

 

Ryan: — Eles nem pensaram que eu sou um mestre, mesmo que eu já saiba que ele sejam mestres, ainda é cedo para me revelar. Meu alvo é o riquinho de Baraúna, aquele tal de Power.

 

Power: — Eu não vou para a escola, eu vou para a escola que era do Anthony, ver coisas que ele tinha...

Ryan: — Olá, moço.

Power: — Quem é você???

Ryan: — Ryan, e você? 

Power: — Power... 

Ryan: — Belo nome, bem, você não usa o uniforme dessa escola, o que faz aqui?

Power: — Queria ver coisas sobre um amigo meu que... morreu...

Ryan: — Sinto muito por ele, sabe me dizer o nome dele?

Power: — Anthony.

Ryan: — Conheço ele! Ele era ingênuo, porém uma boa pessoa. O que você queria ver dele?

Power: — Sua mesa, coisas suas e tudo que se relacionava a ele.

Ryan: — Venha comigo, vou te mostrar coisas dele.

 

Ryan e Power então vão vendo coisas que eram do Anjinho Anthony.

 

Ryan: — Bom, Power. Aqui terminamos de ver as coisas de Anthony.

Power: — Hm...

Ryan: — Já está até de tarde, devem ser umas 17h.

Power: — É, já está tarde mesmo. Mas enfim, o que você vai fazer agora, Ryan?

Ryan: — Sabe... Me dê sua mão, Power.

Power: — Hm? Por quê?

 

Ryan então pega a mão de Power, e vê seus selos de comando. 

 

Ryan: — Como eu sabia, você é um mestre.

Power: — Uh! O que você quer?!

Ryan: — HENTAIGAY! Você precisa sentir uma dor superior.

Power: — Português... ON!!!!

Ryan: — VAI, SINTA, SINTA! Português ON não vai adiantar nada! NADA!

Power: — UUHH. ARCHER! ARCHER?!?!?!?! 

Archer: — Mestre... acho que eu acabo aqui... O Berserker, acabou comigo...

Power: — NÃO NÃO NAAAAAAAAOOO ARCHERRRRRRR... 

Ryan: — >HENTAISMO< A ULTIMATE MAIS FORTE!

Power: — Nem adianta mais usar a minha Ultimate... minha vida acaba aqui... Archer, eu te amei.

Archer: — Mestre ... 

 

Ryan então matou Power, assim sobrando apenas 3 mestres na guerra.

 

Então o Protagonista da história, está morto.

Sapo: — Mano, vou para a escola que o tal do Ryan foi, eu ainda suspeito dele.

Xinim: — Vai lá, qualquer coisa me chame.

Sapo: — Ok.

 

Sapo então vai até a Assistão Kaiji. 

 

Ryan: — Ah, olá, Sapo.

Sapo: — Ryan? 

Ryan: — Você não vai acreditar!

Sapo: — O que foi?

Ryan: — Olhe aqui, o Power está morto!

Sapo: — O--- QUE????

Ryan: — É triste, né? Quem será que fez isso com ele...

Sapo: — Hm... isso é estranho.

Ryan: — Realmente né, ele aparecer morto na sala de aula. Ou alguém apareceu aqui e o matou, ou foi suicídio. 

Sapo: — Hm. 

Ryan: — O que foi, Sapo?

Sapo: — Nada... Vou embora.

Ryan: — Tchau, Sapo.

 

Sapo vai embora então, com pensamentos em relação a isso, e sem reações pela cena horrível que viu.

 

Xinim: — Sapo? O que foi?

Sapo: — O Power morreu... 

Xinim: — O ... Que?

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...