1. Spirit Fanfics >
  2. Barrigudinho >
  3. Vida feliz (único).

História Barrigudinho - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oi, eu desenvolvi esse final alternativo de 'O intruso' e gostei dele. Sei lá, queria alguma coisa fofinha, sabe?

Espero que vocês curtam.

Capítulo 1 - Vida feliz (único).


Yoongi se espreguiçou enquanto acordava, rolando sob os lençóis. Ele bateu em algo duro e abriu os olhos sonolento, antes de sorrir. Passou os braços pelo corpo maior ao seu lado e viu o mesmo se virar de frente para si.

—Bom dia, gatinho. — Taehyung murmurou sorrindo, ainda de olhos fechados.

—Bom dia, Taetae. — Yoongi respondeu, chegando um pouco pra frente para dar um selinho no maior.

—Como vocês estão hoje? — ele perguntou abrindo os olhos e colocou as mãos na barriga grandinha do híbrido, que riu.

—Estamos bem... Hm, na verdade, estamos com fome. — Yoongi disse antes de se sentar. Taehyung riu também, se espreguiçando, antes de se sentar, empurrando os lençóis e se levantou. Yoongi sentiu suas bochechas esquentarem ao notar que o namorado estava só de calças moletom e sem camisa.

—Vou fazer o café pra vocês então. — o maior disse calçando seus chinelos de tecido e se aproximou de Yoongi só para lhe dar um beijo na testa.

O híbrido ficou vendo o maior sair do quarto e suspirou, antes de se jogar de volta nos travesseiros e sorrir feliz.

Em que momento de sua vida Yoongi pensou que estaria passando por aquele momento? Ele iria ter um filho com o homem que mais amava na vida.

Há um dois atrás ele era apenas um gatinho de rua que ficava invadindo casas e restaurantes em busca de qualquer alimento. Ele jamais imaginou que depois de invadir um apartamento em um dia qualquer seria pego no flagra pelo dono do lugar e que depois eles iriam desenvolver um relacionamento amoroso. Um relacionamento que mudou sua vida.

Das ruas, ele foi morar com Taehyung e recebeu todo o carinho e amor que ele nunca recebeu na vida.

Na verdade, Yoongi nunca havia recebido nenhum tipo de amor na vida, antes de conhecer Taehyung. Logo que nasceu foi vendido por seus pais para um homem que não queria nada além de um escravo. Com dez anos de idade ele já era obrigado a fazer tudo na casa do homem que o havia comprado, desde cozinhar até lavar as roupas. Depois que fez quinze anos, as coisas pioraram muito em sua vida, ele começou a ser abusado física e mentalmente, por qualquer motivo ele apanhava muito e sempre era humilhado por seu suposto dono. Quando o homem tentou lhe abusar sexualmente, depois que ele completou dezessete anos, foi a gota d'água para Yoongi, ele se defendeu com unhas e dentes e por muita sorte conseguiu fugir. Levando apenas a roupa do corpo, vários machucados e lembranças terríveis, ele viveu na rua por anos, se alimentando apenas do que conseguia furtar na casa dos outros e encontrar no lixo. Grande parte de sua vida passou na forma de um gato, era mais fácil viver na rua quando se era um gato em vez de um humano. Era mais fácil de fugir quando alguém queria lhe bater ou lhe pegar para fazer sabe-se lá o que.

Ele vivia com medo, não sabia se estava vivendo o seu último dia ou não.

Ninguém poderia realmente chamar aquilo de viver.

Mas tudo isso mudou quando ele conheceu Taehyung, e embora no começo eles tivessem se estranhado, no fim, Yoongi entendeu o que era ser amado e o que era amar alguém.

Ele jamais iria conseguir demonstrar o quanto era grato àquele homem por tudo que lhe fez.

—Anjo, por que você está chorando? — Yoongi pulou de susto quando o voz de Taehyung o tirou de seus pensamentos. — Desculpe, amor. — o garoto pediu, correndo até a cama e se sentou ao lado do híbrido, enquanto o mesmo sentava e limpava as lágrimas do rosto.

—Tudo bem, Tae. — Yoongi murmurou e sorriu. — Eu só estava pensando que eu sou muito sortudo por ter te conhecido... São os hormônios que me deixam sensível, você sabe.

Taehyung sorriu também e segurou as mãos do menor, lhe dando um selinho em seguida.

—Eu que sou sortudo, anjo. — ele disse, encarando o rostinho corado por causa do choro. — Você é a coisinha mais preciosa que existe pra mim. E você vai realizar um dos maiores sonhos da minha vida. Você vai me dar um filho.

Taehyung colocou as mãos na barriga de seis meses do namorado, rindo quando algo cutucou levemente suas palmas. — Ele está agitado.

—Ele sabe que você está aqui. — Yoongi riu baixinho, colocando suas mãos sobre as de Taehyung. — E ele te ama.

—Eu amo muito ele. — Taehyung respondeu. — E amo você também.

—Eu também te amo.

Yoongi passou os braços pelo pescoço de Taehyung e o mesmo o levantou saindo com ele da cama no colo. Os dois foram até a cozinha assim e o mais alto colocou o híbrido sentado no balcão.

—Eu fiz o café para os meus bebês. — Taehyung disse se afastando de Yoongi e foi até o fogão, pegando a frigideira que tinha ovos mexidos, depois pegou pão de forma e um prato que tinha algumas panquecas.

—Nossa, café da manhã de filme americano. — o híbrido juntou as mãos, sentindo a barriga roncar. — Só faltou o suco de laranja.

Taehyung sorriu deixando as coisas na mesa e correu até a geladeira, tirando uma jarra de suco lá de dentro.

—Agora não falta nada. — ele disse, fazendo Yoongi rir e descer do balcão, para chegar perto da mesa.

O híbrido passou os braços pelo pescoço do mais alto e o mesmo abraçou sua cintura. Seus corpos separados apenas pela barriga grandinha do híbrido grávido.

—Eu te amo muito, Taetae. — Yoongi murmurou, antes de ficar na ponta dos pés e beijar o namorado de forma apaixonada, que era o que ele estava.

—Eu te amo também, Yoon. — Taehyung respondeu.

A vida de Yoongi era assim agora. Todos os dias. Ele era muito amado e teria um bebê com a pessoa que ele amava.

Ele podia dizer que era feliz agora.


Notas Finais


Ei, deem amor para essa one fofinha 😔✊ comentem e deixem o fav se vocês gostarem 💜

Leiam 'O intruso', juro que é um amor

https://www.spiritfanfiction.com/historia/o-intruso-17740409

Leiam também a nova fanfic que eu estou traduzindo no wattpad. Ela é taegi 🙆 juro que é uma belezinha 💜

https://my.w.tt/3qNr1jS7W3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...