1. Spirit Fanfics >
  2. Bastard Imagine Jeon Jungkook >
  3. He is strange

História Bastard Imagine Jeon Jungkook - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Espero que gostem.

Capítulo 2 - He is strange


Fanfic / Fanfiction Bastard Imagine Jeon Jungkook - Capítulo 2 - He is strange

Então vocês devem estar se perguntando se eu me corto, às vezes, depois que aquele desgraçado fez aquilo comigo eu comecei a me alto mutilar, cortava meu braço inteiro na verdade, os dois braços,e minha pernas, passava semanas usando calças e moletons, as calças apertavam muito e doía os cortes, com o moletom fazia muito calor então ficava escorregando suor nos cortes e ardia muito, mas como eu não queria que ninguém soubesse tinha que aguentar aquilo por semanas.

Acordei com o despertador, ops quer dizer com a minha mãe.

— Vamos filha já está na hora de acordar — puxa o lençol fazendo eu resmunga pelo frio incontestável que aquela manhã fazia.

Me levanto parecendo uma múmia, e vou para o banheiro fazer minhas higienes matinais, e tomar um banho quente. Terminei fui me arrumar, como só era obrigatório usar uniforme no primeiro dia de aula, então vesti meu moletom e minha calça. Desço as escadas rapidamente encontrando Laura na cozinha fazendo o café da manhã.

— Bom dia Laura...

— Bom dia menininha — fala enquanto virava a panqueca.

Cadê a mamãe? — me sento em alguma cadeira perto do balcão, vendo ela colocar os pratos na mesa.

Acabou de subir, hoje ela tem que trabalhar lembra...

— Verdade tinha me esquecido disso...

— Bom dia filha — se senta na em uma das cadeiras da mesa e eu faço o mesmo.

— Bom dia mãe...

— Vamos logo vocês duas, pra não se atrasarem...

Termino de comer, e subo para o meu quarto pegar minha mochila e meu celular — Desço as escadas vendo minha mãe já saindo na porta.

— Tchau filha — grita.

— Tchau mãe — gritei de volta – já tô indo, tchau Laura.

— Tchau menininha, toma cuidado...

Como minha mãe foi trabalhar, tive que ir a pé mesmo, bem eu estava precisando caminhar mesmo não queria virar sedentária agora.

Ao chegar na escola já me deparo com o grupinho do Jungkook, então acho que eu não apresentei os amiguinhos dele, então vamos lá : Park Jimin é um dos melhores amigos de Jungkook, teve um tempo que eu pensei que eles estavam namorando, mas não era verdade, Kim Taehyung ok tenho que admitir, Kim Taehyung é muito lindo e também é um dos melhores amigos dele, sem contar que é um dos meninos mais pegadores desse colégio, Min Yoongi, bem não tem muito o que falar desse ele não fala muito e tem cara de sono toda hora, sem contar daquela pele branca que ele tem, Kim Seokjin, bem esse é muito lindo o rosto dele é perfeito, pena que ele não consegue enxergar mais ninguém do que ele, ele fala que é bonito demais pra alguém dessa escola, principalmente dessa cidade, Jung Hoseok, ele é sempre alegre não importa que hora que você olhe para ele, ele sempre está esboçando seu sorriso, Kim Namjoon ele parece bem intelectual e inteligente, e tem covinha no sorriso eu acho isso muito fofo. E o Jeon Jungkook vocês já sabem né.

Apresso meus passos, ainda não esqueci do que ele falou pra mim ontem, passo e eles me olham cochichando alguma coisa, por sorte eles não fizeram nada então fui para minha sala, já havia me sentado, mas algo me incomodava, então levanto e vejo que havia alguma coisa presa em minha calça : Chiclete, eu sabia quem havia feito aquilo comigo, todo mundo da sala começou a rir de mim, então corri para o banheiro, tentei tirar aquilo da minha calça mas não estava saindo, por sorte eu sempre levava roupas pra escola, então me troquei, e fiquei no banheiro, sai do banheiro já era a segunda aula então pedi para o professor deixar eu entra, me sentei e ouvi as risadas de Jungkook do meu lado.

Ah Jeon Jungkook você me paga.

Havia terminado a segunda aula, o que quer dizer que já estamos no intervalo, sai para o estádio meu lugar de sossego, ou não, quandk cheguei lá vi que o Jungkook e seu grupinho estavam lá, tentei sai mas já havia algum bloqueando as portas do estádio.

— Eai nerdezinha, você acha mesmo que eu esqueci de ontem.

— Eu só estava esperando o momento certo pra agir nerdezinha.

— Me deixa em paz...

— Te deixar em paz kkkkkkkkk...

— Acho que isso não vai acontecer tão cedo nerdezinha...

Ele vem caminhando em minha direção e eu vou andando para atrás, da pra perceber que ele estava com alguma coisa escondida nas costa, e é disso que eu estava com medo. Então eu paro de caminha, e ele chega perto o bastante para nós dois começarmos a nós encarar. Quando eu menos esperava sinto líquidos gelados caírem em mim, e como se não fosse o bastante ele ainda fez a questão de jogar comida em mim

FILH* D* PU** DESGRAÇADOOOO.

Eu podia estar assim por dentro mais por fora eu estava sentada no chão enquanto eles riam da minha cara, eu só queria saber o porquê de ir tão longe assim, só foi um chute nós ovos dele porra, tá bom deve doer, mas não foi porque eu quis, eu estava assustada quando ele estava se aproximado de mim então eu simplesmente chutei.

Havia batido o sinal e eu ainda estava lá sentada no chão do estádio chorando, me levantei e fui até o vestiário e peguei a roupa de educação física, me vesti e fui para a sala.

— Com licença posso entrar?

— O que aconteceu com suas roupas __________?

— Derramei um suco sem querer, e ficou tudo sujo então troquei de roupa...

— Tudo  bem pode entrar, e cuidado na próxima vez...

— Tudo bem vou ter cuidado na próxima...

Fui direto me sentar no meu lugar, não gostava muito da roupa de educação física, era uma sai que ficava muito apertada e curta em mim. Havia terminado a terceira aula, e a diretora falou que vinha na nossa sala falar com a gente.

— Bom dia a todos, vim avisar que o professor de inglês não pode vim hoje, então por favor arrumar suas coisas, e vão para casa, obrigada.

Todos logo começam a gritar, pois não é todo dia que um professor falta. Todos já haviam arrumado suas coisas e saido, eu ainda estava ajeitando algumas coisa, mas logo terminei tudo e fui para fora, como minha mãe estava trabalhando hoje vou ter que volta a pé. Estava andando na rua a caminho de casa, quando comecei a perceber que estava sendo seguida por um homem, logo comecei a apressa meus passos estava com medo e ele também, então comecei a correr desesperada, senti que ele estava perto demais, e então algum me puxa em um beck, percebo que era o mesmo homem que estava me seguindo, rapidamente tento sai dali mas não consigo ele estava me puxando com muita força.

— Calma gatinha, vamos nós divertir um pouquinho...

— Me solta...

— Ainda não, quero me divertir com uma coisa...

Ele começa a passar a mão no meu corpo, flashbacks começam a passa na minha cabeça, do meu padrasto passando a mão em mim, e com isso começo a chora muito, quando ele ia começa a pegar nos meus peitos alguém tira ele, fazendo eu cair no chão, minhas pernas estavam fracas eu estava apavorada, não parava de chora, enquanto via o homem apanha, só depois que eu fui perceber que quem estava batendo nele era o Jungkook, nesse momento eu não estava ligando pra muita coisa, eu só queria sair dali. Jungkook véi para perto de mim e eu recuei estava com medo dele fazer alguma coisa comigo.

— Tá tudo bem eu não vou fazer nada com você...

Ele me pega no colo e me tira dali, me levando para uma casa ali perto, chegando lá ele me coloca em uma sofá.

— Obrigada ~ falo em soluços.

— De nada, só toma cuidado quando você sair na rua...

Ele sai e volta com um copo de água.

— Toma essa água vai acalmar um pouco...

Pego o copo da mão do mesmo e bebo tudo, até que acalmou um pouco.

— Obrigada, mas eu tenho que ir agora minha mãe já deve estar em casa — me levanto e ele me chama.

— Espera, eu levo você...

— Não precisa...

— Precisa sim eu vou te leva...

Ok eu não entendi esse menino de jeito nenhum.

O caminho todo foi silêncio, não trocamos nenhuma palavra se quer, chegamos em casa, eu fui para a porta.

— Obrigada mais uma vez — sorrio parecendo ser gentil.

— De nada, e cuidado tchau...

— Tchau...

Entro em casa e vou para o meu quarto, tomo um banho e me deito na cama, foi assim a minha atarde toda, deitada na cama. Chegou a noite fui tomar mais um banho, me vesti e fui fazer as tarefas da escola, terminei fui para a cama fiquei pensando um pouco do que aconteceu hoje, depois fui mechendo no celular até cair no sono, amanhã talvez seria um logo dia...







Notas Finais


Espero que tenham gostado do capítulo de hoje
Bjs até o próximo capítulo 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...