1. Spirit Fanfics >
  2. Battle of Life >
  3. Único; Meeting of Souls

História Battle of Life - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Único; Meeting of Souls


  Aos 4 anos Jeon Somin sonhava em ser uma princesa, igualmente as dos contos de fadas que seu vizinho, Kim Taehyung, sempre lia e lhe contava .

  Aos 6 em ser bailarina e rodopiar por todos os cantos da cidade usando um par de sapatilhas rosa bebê e uma saia extravagante da mesma cor. “Eu vou ser a bailarina mais famosa Tae!” essa era uma frase que o Kim estava acostumado a ouvir da garota naquela época.

  Aos 8 a menina ganhou seu primeiro animalzinho de estimação, presente dado por Taehyung no aniversário da Jeon. Sejun, um filhote de cachorro branco que se tornou o grande amor da garota. Pronto, estava decidido! Somin queria ser uma veterinária!

  Aos 10 já passava de meia noite quando o pai de Somin chegou bêbado em casa e pela primeira vez agrediu a menina quando a mesma foi lhe encontrar e perguntar onde ele estava até aquela hora da noite, céus se ela soubesse que um simples “papai, por que só chegou agora?” renderia a noite inteira de gritos pela casa ela nunca teria saído do seu quarto... A partir daquela noite, o que antes Somin chamava de “casa” agora havia virado o próprio inferno na vida da garota. “Taehyung eu quero ser adulta para poder morar sozinha!” e foi ali choramingando nos braços do amigo que a morena confessou que agora sonhava em ser adulta para poder tirar a si mesma e a mãe daquele lugar.

  Aos 12 apareceu as primeiras espinhas, e não demorou muito para isso virar motivo de piada na escola, sempre que Somin entrava na sala de aula era recebida com vários comentários do tipo “Caiu de cara no asfalto Jeon?” ou “Olha gente, o porco-espinho da sala chegou” entre outros diversos absurdos  e sempre que isso acontecia Somin corria para ser consolada pelo seu vizinho e único amigo Taehyung.  J.seph, como carinhosamente a garota o chamava sabia de absolutamente tudo da vida dela “Oppa ,será que eu nunca vou ser bonita?” era sempre a mesma pergunta que ela o fazia e também sempre recebia a mesma resposta “Você é perfeita Minny! Não ligue para o que esses bobões dizem." Somin, agora queria ser bonita.

  Aos 14 a Jeon se apaixonou pela primeira vez, e consequentemente teve seu coração partido pela primeira vez. Jay era o líder do time de basquete, todas as garotas estavam aos pés dele, Somin sabia disso, mas mesmo assim a mesma tentou conquistar o coração do garoto e se confessou para ele, com direito a chocolate e uma carta feita mão, ela nunca foi tão humilhada igual naquele dia “Você acha mesmo que iria gostar de alguém como você, Somin? Se olhe no espelho!” e mais uma vez Taehyung estava lá para proteger e consolar a amiga “A Somin é uma garota incrível. Tenho pena de você por não saber o que esta perdendo. Eu daria tudo para estar no seu lugar!”

  Aos 16 Somin começou a machucar seu próprio corpo. Trancada dentro do banheiro, ela começou a descontar sua dor. Não, não era uma “sensação boa” porém de algum modo isso a ajudava. Quando Taehyung acidentalmente descobriu sobre isso, gritou com a menina pela primeira vez, era um grito de dor, um grito no qual ele a implorava para ela parar.

  Eu te garanto ela tentou, ela tentou agüentar tudo, ela batalhou ferozmente igual a um leão batalharia, mas nessa luta contra a vida, infelizmente ela perdeu. Aos 18 anos Somin deixou esse mundo, após ingerir uma quantidade alta de medicamentos para dormir. Naquele momento todos choravam de culpa, desde os pais da Jeon a até mesmo os alunos que tanto a atormentaram.  Mas com toda a certeza, nenhum deles sentia tanta dor e culpa igual a Taehyung, que estava abraçado a um porta retrato com a foto da amiga falecida, ou melhor, com o a foto do amor da vida dele que cruelmente fora tirada dele. Somin foi embora levando uma parte dele junto de si.

  Nenhum dos dois sabia, mas aos 20 os dois iriam se casar, na frente da praia e iriam fazer juras de amor e prometer que um teria o outro para sempre.

  Aos 22 eles iriam ter uma filha, a garota mais linda segundo a mãe. Com a aparência lembrando Taehyung, porém com a personalidade de Somin. Seah teria sido uma criança muito amada e feliz.

  E aos 24 Somin poderia se considerar a mulher mais feliz do mundo, em um verdadeiro conto de fadas, com um marido que a amaria muito e uma filha tão desejada.

  “Se eu pudesse viveria minha vida novamente, só para poder encontrar você mais cedo, e assim amar você mais tempo.”  Era o que estava escrito no pequeno pedaço de papel que Taehyung colocou do lado do caixão, não era um bilhete cheio de palavras, mas era cheio de sentimento de saudade, raiva, dor, culpa e principalmente, cheio de amor.


Notas Finais


Bom dia, boa tarde, boa noite! Sabe aquela fanfic que vem na cabeça quando você está se preparando para dormir? Então, "Battle of Life" é uma dessas, porém essa não ficou apenas na minha imaginação, decidi compartilhar ela com vocês. ❤️

Desculpem qualquer errinho. 📝
Se hidratem, lavem as mãos e não saiam de casa hein! 💫


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...