1. Spirit Fanfics >
  2. Be Mine >
  3. Capítulo X- Um novo integrante

História Be Mine - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


BOA LEITURA, MEUS AMORES!!!!

Capítulo 10 - Capítulo X- Um novo integrante


Fanfic / Fanfiction Be Mine - Capítulo 10 - Capítulo X- Um novo integrante

     A morena senta-se na cama sentindo sua barriga contorcer, estava faminta, seu apetite pela manhã estava terrível. Vira a cabeça encontrando seu marido dormindo, levanta-se devagar para não acorda-lo.

   Durante o banho alisa sua barriga, que ainda se encontrava lisa, mas logo, logo iria começar a crescer revelando um serzinho ali presente.  Hinata não estava acreditando em tudo que havia conquistado, fez a faculdade dos seus sonhos, casou com o homem que sempre foi apaixonada e por fim estava grávida, mal podia acreditar na sua própria sorte, tinha tudo que queria, não poderia estar mais feliz.

   Após ter feito sua higiene matinal, veste um vestido colado azul na altura dos joelhos e sapatilha preta, amarra seu cabelo e sai do quarto. Desce as escadas notando que a casa era iluminada pelas luzes do sol atravessando as janelas, tudo estava em completo silêncio.

    Prepara um café bem caprichado enquanto cantarola uma música aleatória, na casa não havia empregadas, apenas duas diaristas que vinham limpar a casa quatro vezes na semana, Hinata era quem fazia todas as refeições do casal, adorava cozinhar, era seu momento de paz. No restaurante não cozinhava muito, apenas gerenciava e auxiliava os cozinheiros.

   Quando está terminando de arrumar a mesa é surpreendida por braços fortes lhe abraçando por trás.

- Bom dia, amor.  –Fala com a voz rouca de sono.

- Bom dia, Naru. –se vira para poder lhe olhar. - Por que ainda não está pronto? Não vai trabalhar hoje?  -Pergunta ao notar que ele ainda está de pijama.

Naruto cuidava da administração e contabilidade da rede de restaurantes dos dois, além disso, também ajudava seu pai na empresa.

- Eu estava pensando em ficar com você hoje. –lhe beija, na tentativa de driblar sua esposa.

 

- Você prometeu ao seu pai que iria acompanha-lo na reunião, não precisa se preocupar comigo, a Sakura disse que eu estou bem, só preciso descansar.  –fala com os braços cruzados.

- Mas Hina... –é interrompido.

-Amor, eu vou ficar bem. –fala o encarando. –Vou ficar essa semana sem trabalhar para poder descansar um pouco.

O loiro parece se convencer ao escutar, puxa Hinata para o seus braços lhe abraçando apertado, aquela pequena e delicada mulher era tudo para ele.

-Amor, você vai se atrasar.  –fala saindo dos seus braços.

   Naruto lhe dar um rápido selinho e sai da cozinha apressado, Hinata suspira ao escutar o loiro subir correndo as escadas. Sua barriga ronca a lembrando que está com fome, se senta e começa a tomar seu café calmamente, logo o loiro volta arrumado de forma apropriada.

Já vou indo Hina, não quero me atrasar. –fala após tomar seu café.

- Naru você pode me dar uma carona? –ele a encara com uma sobrancelha arqueada.

Todos sabiam que Hinata odiava dirigir, nunca se deu bem com a direção, por isso que não tinha carro.

- Claro, mas você vai para a onde? –pergunta sério.

-Eu gostaria de ir naquela livraria do centro, como vou passar um tempinho em casa, vou aproveitar para ler uns livros. E também preciso passar na farmácia, Sakura me passou uns suplementos de vitamina para tomar.

    Naruto sorrir aliviado, acreditava que teria problemas para tentar convencer Hinata há ficar um tempo afastada do trabalho, mas pelo visto, ela estava aceitando muito bem.

-Ok, vamos!  -fala pegando sua pasta de couro preta.

Hinata pega sua bolsa e tranca a casa, entra no carro colocando o cinto de segurança, Naruto dar partida dirigindo em direção ao centro.

-Naru, o que você acha de irmos à praia no domingo?  –pergunta encarando seu marido que estava dirigindo concentrado.

- É uma ótima ideia.  –responde com um grande sorriso.

    Logo chegam ao seu destino, Hinata se despede com um rápido selinho.

Tome cuidado e qualquer coisa me liga. –o escuta gritar quando sai do carro.

   Ao entrar na livraria uma sorridente atendente vai ao seu encontro.

- Posso ajuda-la?

- Sim, gostaria de um livro sobre nomes para bebês e seus significados.

    A atendente lhe leva até uma estante com livros de todos os tipos relacionados a bebês, depois de alguns minutos escolhe um sobre nomes e outro sobre maternidade. Após pagar sai da loja, na mesma rua havia uma farmácia e supermercado, iria comprar algumas coisas, pois queria fazer um jantar especial.

   Depois de comprar tudo que precisava, volta para casa de táxi. Guarda as compras no armário para em seguida se jogar no sofá, pega seu celular para mandar mensagem para Naruto, seus olhos arregalam ao notar o tanto de mensagem de seu marido, resolve responder logo, antes que ele aparecesse lá.

 

  Acabei de chegar em casa, tive que passar no supermercado.   11:40

 

Já estava ficando preocupado com a demora. Quer ir almoçar comigo?             11:41

 

Não, estou muito cansada, deixa para outro dia... Bjs!    11:43

 

Vou sair mais cedo do trabalho hoje, bjs.    11:45

 

   Ela realmente estava cansada, se acomoda no sofá para tirar um cochilo. Após horas dormindo, seu sono é interrompido pelo toque do seu celular, a morena o encontra debaixo das almofadas, na tela o nome e a foto de Ino estão estampados.

 

- Alô?

- Oi Hina, tudo bem?

- Tudo sim, aconteceu alguma coisa?

- Eu estava pensando em a gente sair no domingo.

- Eu prometi ao Naru que iremos à praia, você pode vim também. Aproveita e chama a Saky e o Gaara.

- Ótima ideia, depois te ligo para acertamos os detalhes, beijos!

- Beijos!

 

    Ao encerrar a ligação, ela olha a tela do celular onde marca 16hrs, suspira ao constatar que dormiu mais do que pretendia, sai dos seus pensamentos ao escutar sua barriga roncar a lembrando que a última vez que comeu foi no café da manhã.

    Fuça a geladeira em busca de algo para comer, faz dois sanduiches de pernil e suco de uva, além disso, come um pedaço de brownie com sorvete. Quando se sente satisfeita sobe para o quarto, pega o livro sobre nomes que comprou mais cedo, e na contracapa cola o resultado do exame, para em seguida embrulhar o livro com papel de presente.

   Retorna a cozinha e começa os preparativos para o jantar, iria cozinhar os pratos favoritos do loiro. Após tudo pronto, incluindo a mesa de jantar, sobe para tomar banho.

   Depois do banho, procura pelas gavetas do quarto a tinta preta específica para pele, ao encontrar usa a tinta para escrever uma frase curta em sua barriga, com muito dificuldade conseguiu, enquanto espera a tinta secar limpa a bagunça que fez. Após a tinta estar seca, vai em busca de algo para vestir, queria estar bonita e confortável.

    Opta por um short jeans, uma blusa preta ombro a ombro e sapatilha preta, no rosto passa apenas rímel e um batom vermelho sangue, coloca uma argola prata na orelha e por fim solta suas madeixas longas, Naruto adorava seu cabelo solto.

    Desce tranquila às escadas segurando no corrimão, até que escuta o barulho do portão da garagem sendo aberto, tenta se acalmar, já havia pensado em tudo, trancou a porta da garagem que dar acesso à cozinha, então o único jeito de entrar era usando a porta principal, os olhos perolados descem até a mesa de centro, encarando as chaves de Naruto. Caminha calmamente até o som, onde seleciona a playlist que havia feito ajustando o volume do som para médio.

   Do outro lado da casa o Uzumaki tentava abrir a porta que ficava na lateral da garagem, porém estava trancada, o loiro franze o cenho, aquela porta nunca era trancada. Sai da garagem e aperta o controle fazendo o portão fechar lentamente, caminha até a porta principal, procura as chaves em sua maleta e bolsos, porém não as encontra, resmunga baixo e aperta o botão da campainha.

   Logo a porta é aberta revelando Hinata, quase que o queixo do loiro cai no chão, que sua mulher é linda, ele sempre soube, mas tinha dias que ela superava a si mesma.

- Desculpa amor, esqueci às chaves. –Entra a olhando fixamente.  – Você está tão linda, vamos a algum lugar? –Pergunta confuso.

-Eu resolvi fazer um jantar especial hoje. -sorrir ao ver a confusão nos olhos azuis.

-Especial? Iremos comemorar alguma coisa? –pergunta com a mão no queixo.

-Talvez.  –Responde categórica.

   Antes que o loiro possa fazer mais uma pergunta, Hinata o beija e pede para que ele suba para tomar banho, o loiro obedece prontamente. Logo Naruto retorna vestido com uma calça moletom cinza e uma regata branca, Hinata franze o cenho ao vê-lo descalço, era uma mania do marido que ela odiava.

    Hinata o conduz até a sala de jantar, ao ver a mesa recheada com os seus pratos favoritos Naruto estaca no lugar, os pensamentos embolavam em sua cabeça.

Seu aniversário? Não.

Meu aniversário? Não.

Nosso aniversário de casamento? Não.

Dia dos namorados? Também não.

Então qual era o motivo para aquilo tudo?

    O som tocava Stupid love de Jason Derulo,  passa os olhos pela sala a procura de Hinata, ao encara-la nota que a mesma possuía um brilho diferente em seus olhos.

-Não vai sentar?  -pergunta divertida encarando seu marido que continuava estático na porta.

    O loiro lhe dá um sorriso sem graça e se senta à sua frente, quando os olhos azuis passam por toda comida disponível ali, a barriga ronca alto, fazendo Hinata soltar uma risada baixa. Os dois começam a comer em silêncio, porém a todo instante Naruto encarava Hinata tentando adivinhar o que se passava em sua cabeça.

-Você ainda não me contou o que estamos comemorando. –fala quando se sente satisfeito.

    A morena limpa seus lábios com o guardanapo, para logo em seguida se levantar de maneira delicada.

-Eu já volto.  –fala saindo da sala de jantar, logo retorna com um embrulho retangular em suas mãos.

   Naruto franze o cenho quando ela lhe entrega o presente, encara sua esposa novamente tentando adivinhar o que se passava em sua cabeça.

- Mas hoje não é o meu aniversário. –ele se encontrava cada vez mais confuso.

- Eu sei bobinho, apenas abra.  –responde com um pequeno sorriso.

    O loiro dar de ombros, talvez Hinata apenas quisesse presenteá-lo. Naruto abre o embrulho encontrando um livro, no título dizia ‘’Que nome darei ao meu bebê?’’, encara Hinata ainda mais confuso.

- Abre o livro. –incentiva.

    Ele obedece se deparando com um exame, ao ler tudo atentamente arregala os olhos, volta a encarar Hinata que continua sorrindo, o loiro é surpreendido quando a morena levanta a blusa, em sua barrida estava escrito ‘’Oi papai, eu estou chegandooooo’’ em tinta preta.

    Emocionado o Uzumaki toca na barriga da sua mulher, ainda sem acreditar que finalmente a sua família ficará completa. A abraça fortemente, sem que Hinata esperasse, ele deposita um beijo delicado em sua testa para em seguida pegá-la no colo para leva-la para o quarto.


Notas Finais


Creio que a vida de todos anda muito calma, certo gente?! Vamos dar uma agitada no próximo capítulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...