História Beautiful Liar - YoonKook (3shot) - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, Suga
Tags Bts, Jungkook, Lacrimars, Lemon, Sexo, Suga, Sugakookie, Yaoi, Yoonkook
Visualizações 107
Palavras 924
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Bishounen, Famí­lia, Festa, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - "Por que eu não consigo mudar?".


Fanfic / Fanfiction Beautiful Liar - YoonKook (3shot) - Capítulo 2 - "Por que eu não consigo mudar?".

~

Eu quis praguejar e xingar, quis socá-lo até arrancar sua pele pra fazer um tapete, eu quis matá-lo!! Mas só consegui ficar em silêncio...

-Quem cala, consente...- JK saiu do camarim abotoando o que faltava de seu blusão social, e eu fiquei ali, sozinho, com seu cheiro grudado em minha roupa e meu orgulho ferido... Novamente.

"Ele vai pagar por tudo o que está me fazendo passar." -Eu desabei...

~

Point of view: Jungkook 

Saí daquele camarim terminando de abotoar meu blusão e batendo a porta com força. 

-Quem ele pensa que é pra me tratar assim? -Praguejei enquanto ia de rumo ao banheiro. 

Por sorte o corredor estava vazio e ninguém me viu. Adentrei o banheiro logo me trancando em uma cabine, sentei-me na tampa da privada e deixei algumas lágrimas que me sufocavam irem embora.

Eu sei que não fui correto com YoonGi hyung, mas eu o amo. Amo mais que a mim mesmo... Desde o princípio, quando o vi pela primeira vez, tive certeza que seria dele. 

Nossos corpos se encaixam de uma forma inexplicável... Nossas bocas se atraem, nossos olhos têm imãs. Não conseguimos ficar muito tempo distantes. Demorei pra assumir o que sentia, e quando o fiz, senti um peso enorme saltar de meus ombros.

-FLASHBACK ON-

"-Antes de qualquer coisa hyung, não fique chateado comigo. Você promete? -Apertei suas mãos entre as minhas.

-Por que eu ficaria chateado com você, Jung? -Ele sorriu, parecia sentir o que viria a seguir.

-Eu te amo, hyung... -Abaixei minha cabeça, encarando nossas mãos.

-Eu te amo, Jeon Jungkook. Você é meu irmão mais novo e nós somos uma família. -Aquelas palavras estilhaçaram o meu ser.

Levantei e tranquei a porta do quarto de YoonGi, voltando a sentar-me de frente para ele.

-Hyung... -Respirei fundo e o encarei.- Você não entendeu... Eu disse que te amo. Além do amor de irmão, eu te am... -Fui interrompido.

-É melhor você não continuar, por favor... -Ele me encarava, com seus olhos mais abertos que o normal.- Melhor você sair daq... 

Eu não aguentei... Aqueles olhos, aquela boca, aqueles cabelos negros bagunçados... Eu o beijei!

E ELE ME CORRESPONDEU!!!

Afastei meu rosto lentamente, seus olhos estavam fechados, tenho certeza que conseguia ouvir seu coração batendo rapidamente.

-Jungkook...- Ele abriu seus olhos, voltando a me encarar.- O que você quer de mim?

-Eu quero você, hyung! -Nem ao menos pensei antes de respondê-lo.

-Ah, JungKook... -Sua voz parecia frustrada.- Por que você está fazendo isso? Por quê?? -Levantou-se da cama e andou de um lado para outro, puxando seus fios negros.

-Hyung... Eu já não aguentava mais! -Levantei-me, segurando-o pelo pulso, fazendo-o me encarar.

-Isso não pode acontecer, Jeon JungKook! É impossível!! -A última palavra saiu em um sussurro enquanto apertava seus olhos com força.

-Nada é impossível quando os dois desejam isso, YoonGi! -Segurei sua face entre minhas mãos, fazendo o mais velho arregalar-se com a informalidade da frase.

-Não seja informal, Jeon JungKook! Eu sou seu hyung!  -Repreendeu-me.

-Quando estou pensando em você a noite, deixo as formalidades de lado...-Empurrei-o até a porta, fazendo-o tropeçar pelo caminho. Segurei em sua cintura com força, fazendo nossas pélvis terem contato. Eu estava discretamente rígido, apesar do nervosismo. 

 E ELE TAMBÉM!!

-Hyung, eu quero você... -Escutei um barulho e fui jogado para o lado.

-Sai do meu quarto, Jeon. Eu preciso de um tempo pra pensar. -Disse, apontando para a porta entreaberta.

-Você disse que não ficaria chateado comigo, hyung. -Respondi, com olhos tristes.

-Eu não estou... -Respirou fundo, logo soprando o ar.- Estou com raiva de mim. Por favor, deixa eu pensar...

Saí do quarto em silêncio, ouvindo a porta atrás de mim ser trancada.

-FLASHBACK OFF-

Ouvi alguém entrar no banheiro e me coloquei de pé, logo limpei meu rosto e saí da cabine. 

Era YoonGi!

Ele me encarou pelo reflexo do espelho. Seus olhos estavam vermelhos e seu nariz levemente rosado.

-Hyung... -Dei 4 passos em sua direção.- Vamos conversar.

-Sinceramente? -Desviou o olhar de meu reflexo.- Eu não tenho nada pra falar com você. -Dei mais alguns passos em sua direção, ficando a poucos centímetros dele.

-Eu preciso conversar com você, YoonGi!

-Você não perde essa mania insuportável de ser informal com seu hyung, Jeon JungKook?!?!? -As três últimas palavras saíram em um berro, seguido de um soco no espelho.

-YoonGi!!!  -Consegui apenas puxá-lo para mim, evitando que o espelho machucasse-o com os estilhaços.- Você é maluco, porra?!! -Eu gritei em seu ouvido, enquanto o agarrava pelos ombros.

-Eu não aguento mais, Jung... -Ele escorregou pelo meu corpo, sentando-se em minhas botas, agarrando seus joelhos e chorando alto.- EU NÃO QUERO MAIS VOCÊ! POR QUE VOCÊ NÃO MORRE OU ENTÃO ME MATA DE VEZ? POR QUE, SEU MALDITO??!! ME DEIXA EM PAZ!!!

Aquilo acabou comigo... Ouvir isso dele, foi o fim!

-Me perdoa, amor... -Eu fungava, tentando colocar as lágrimas de volta pra dentro.- Me perdoa por ser um desgraçado! -Abaixei, envolvendo suas costas com minhas pernas. -Pela última vez eu te peço... Perdoa esse homem coberto de pecados? -Finalmente o envolvi em meus braços.- Eu te amo.- Sussurrei.

-Eu te amei... -Ele suspirou enquanto limpava seu rosto.- mas eu cansei... Já estou farto de suas mentiras, JungKook. Estou farto de você!! -Tirou meus braços de seu redor com violência, e se levantou, soltando um gemido de dor.

-Sua mão está sangrando, hyung. -Levantei-me o puxando para a pia e assim lavando sua mão direita, carinhosamente.

Ele não me encarava, apenas aceitava a ajuda, às vezes torcendo a boca devido a dor.

-Já chega! -Puxou sua mão, e foi em direção a porta em passos rápidos. Antes de sair, concluiu.- Não me procure mais... É só o que eu peço.

Eu fiquei ali, sozinho, arrependido, sujo de sangue e morto por dentro.

"Por que eu não consigo mudar?".



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...