1. Spirit Fanfics >
  2. Because i love you >
  3. Josuke , okuyaso e koichi , juntos por uma noite

História Because i love you - Capítulo 4


Escrita por:


Capítulo 4 - Josuke , okuyaso e koichi , juntos por uma noite


Fanfic / Fanfiction Because i love you - Capítulo 4 - Josuke , okuyaso e koichi , juntos por uma noite

Koichi narrando

Então pulamos o muro da escola , e seguimos caminho ao mercado conversando.

-ei josuke , o que nós vamos comprarno mercado? - perguntou okuyaso olhando para as casas que nós víamos a caminho do mercado .

- huum .. boa pergunta .. quando nós chegarmos no mercado veremos isso - disse ele ajeitando seu cabelo .

(No mercado) 

Josuke pegou uns pacotes de salgadinhos , várias pipocas , cada uma com um sabor diferente, refrigerantes de cada sabor , lasanhas congeladas , pizzas , hambúrgueres congelados , eram tantas as coisas que ele colocou no seu carrinho , que eu só consegui decorar estas que eu vi ele pegando .

Então do nada , okuyaso aparece com outro carrinho , e fala que teve uma ideia  , então ele e josuke se olham e me colocam dentro do carrinho .

- me tira daqui josuke ! - dizia eu morrendo de vergonha , não queria que pensassem que eu fosse uma criança de 5 anos , já basta o tanto de gente que me confunde com criança pelo meu tamanho.

- não :3 - disse ele com um sorriso no rosto , então me deu um saco de doces , e eu deixei ele no meio de minhas pernas , o carrinho era pequeno .

_ ainda quero saber o que vai acontecer hoje - pensei isso antes deles começarem a correr feito loucos comigo no carrinho , confesso que uma hora eu achei que eu iria cair , mas felizmente isso não aconteceu.

(Na casa do josuke)

- haha , põem uma música aí okuyaso ! - então okuyaso pos Open Your Heart , Europe. Eu realmente não sabia que josuke curtia músicas do gênero de rock , essa informação foi deveras interessante .

- hoje vai ser a nossa primeira noite juntos , então se é a primeira vez , tem que ser incrível - dizia ele abraçando eu e okuyaso.

Então josuke teve a brilhante ideia de nós sairmos a noite , de ir num parque de diversões , então decidiu que nós iríamos nos arrumar , como ele disse "ir com estilo".

Então , josuke pegou uma calça diens azul clara , com rasgos no joelho , um all star vermelho , uma jaqueta de couro com umas estampas atrás , e uma blusa branca , e com isso , disse que nós iríamos andar assim .

Da onde ele tirou outras roupas do mesmo estilo do que a dele , e ainda do nosso tamanho , disso eu realmente não sei .

_ai meu deus eu só quero ver no que isso vai dar ..- pensei eu antes de nós irmos nos vestir .

(De noite , 6 horas)

- vamos ? - perguntou ele dando os últimos reparos no seu cabelo e seguindo na frente , deixando eu e okuyaso pra trás .

- vamos na roda gigante ! - disse eu , então seguimos até a mesma , chegando lá tiramos fotos , rimos bastante também .

Então , como Josuke tinha trazido bastante dinheiro , comprou algodão doce pra gente , cachorros-quentes , pipocas , balas , ele literalmente comprou tudo que ele via.

_ será que o hazamada está bem ? - me perguntei isso mentalmente , torcendo para que ele estivesse bem 

Hazamada narrando

Depois de ter comido tudo aquilo , subi para meu quarto , ver meus animes , então subi , tranquei a porta , e me ajeitei na cadeira.

- ah droga .. - recebi uma notificação no meu celular , espero que seja uma mensagem do koichi .

Desconhecido : você é o hazamada ? Aquele que gosta do koichi ? 

Hazamada : sim , sou e daí ?

Respondi isso e acho que a pessoa percebeu que eu já estava puto da cara e não falou mais nada , então achei que Finalmente poderia ver meu anime em paz mas não .

Do nada , recebi notificação de que o Facebook da escola havia postado um texto , ou algo do tipo haver com alguém .

Então decidi ir lá olhar o que era , e me arrependi fortemente de ter feito isso .

" Hazamada toshikazu , um garoto que ninguém suspeitava , ou suspeitava que fosse gay , gostando de koichi hirose .

Peço a vocês que fiquem longe desse imundo do hazamada , se não você irá acabar como ele , sem fé , e sem deus em sua vida" 

E ainda para piorar era a própria diretora da escola que fez esse texto contra mim , que legal , meu dia está um dos melhores (ironia).

Então eu senti meus olhos tremendo , quando isso acontece é por que provavelmente eu irei ter um surto logo , logo .

- JÁ CHEGA !? - gritei de raiva , eu estava chorando mais cedo , mas meu subconsciente guarda tudo , e depois solta isso .

Eu não aguentava mais isso , então desse surto surgiu a ideia de me matar , Então chorando , fui na cozinha peguei uma corda , subi na cadeira , pois a mesa era muito alta , e então subi na mesa .

Amarrei a corda no gancho que tinha no teto , e fiz um nó firme da corda em meu pescoço , então me joguei .

Enquanto eu vivia toda minha vida diante de meus olhos , o ar começava a se fazer ausente , então eu sentia que já estava próximo da hora de eu partir .

" Espero que você seja muito feliz , Koichi-kun , que tenha uma mulher que te ame muito , uma família , que tenha sucesso em sua vida , e que jamais lembre de mim .. não queria ter de dizer isso , mas antes de eu ir gostaria de te dizer o quanto eu te amo , e que não importa o lugar que eu for , te amarei eternamente .. adeus koichi-kun ."

Deixei uma carta a ele , causo eu morrer e ele for o último a saber .

Koichi narrando

- ah , estava bom demais aquele algodão doce cara - disse eu tirando os sapatos que josuke me emprestou , meus pés estavam doloridos de tando andar .

- querem sagaldinho ? - perguntou josuke mostrando o saco de salgadinho .

- não obrigada - recusei pois eu comi demais no parque .

- eu quero ! - disse okuyaso , esse não sabe o que é satisfação mesmo 

- sim , sim , aquele algodão tava bom demais koichi , mas que a gente vai fazer agora josuke ? - perguntou okuyaso já acomodado no sofá onde também estava Josuke , esse já veio descalço do caminho até aqui , não aguentou seus pés doendo .

- agora que já estamos mais calmos , vamos ajudar nosso amigo koichi - disse ele olhando com seu olhar reconfortante para mim .

- eu sei de tudo , eu acho que assim koichi , você não é gay certo ? - perguntou ele, parecendo que estava tentando pensar em algo .

- não , sou hetero , mas.. sinto como se não fosse impossível de eu virar gay - disse eu um pouco envergonhado devido a tal pergunta.

- isso é bom e ruim , bom pois você talvez possa corresponder o hazamada , mas ruim por que você pode se iludir pensando que está gostando dele e no final apenas iludir você e ele , faz o seguinte , se aproxima dele , mas ainda como amigo , tipo , seja amigo dele , e então , se você sentir que pode fazer isso , se aproxima mais dele , e pronto!- falou ele como se fosse a coisa mais simples do mundo , realmente josuke tem um dom de fazer as coisas parecerem mais fáceis do que parecem .

- entendi , irei tentar ! - disse eu confiante diante deles .

- olha , não estou te mandando embora , mas é só uma sugestão , por que você não vai na casa dele tenta conversar com ele ? - perguntou ele sugerindo isso .

- ótima idéia ! Farei isso agora , mas espera , e as suas roupas ? - perguntei eu apontando para as mesmas .

- fica com elas e me devolve amanhã , não tem problema , agora boa sorte e até amanhã , eu e okuyaso estaremos torcendo por você ! - então eu dei tchau para os dois e segui caminho até a casa do hazamada , espero se ele esteja acordado .

Josuke narrando

- hihi , está pensando no mesmo que eu okuyaso ? - disse eu com meu olhar de quem está pronto para fazer merda .

- sim Josuke , pega aquela sua melhor cerveja da geladeira ! - então fui na cozinha e peguei umas fatias de lasanha e umas cervejas de morango , sim , era isso que a gente fazia quando ficávamos sozinhos em casa .

- vamos ver aquela sua série ? Qual era o nome mesmo ... Era Black mirror eu acho - disse ele tentando se lembrar .

- não é uma série é um filme , mas eu tive uma ideia melhor ! - disse eu com um certo brilho no olhar .

- que ideia ? - então me aproximei dele e disse com a maior adrenalina possível .

- vamo dança ! - e logo após isso , pus i want break free do Queen , e então eu e ele começamos a dançar , mas logo depois veio phonesex , yung lixo , então pedi para que ele parasse a música , que eu iria trocar a lâmpada.

Trocando a lâmpada , pus uma lâmpada estilo balada , ela era multicolorida , agora sim , então pedi para que colocasse play novamente .

- BABY SÓ QUER PHONESEX , NÃO QUER MAIS ME VER NEH , ME LIGA DE NOITE PRA GEMER DEPOIS VAI DAR NO PÉ , BABY SÓ QUER PHONESEX , SÓ QUER PHONESEX , SEX , SEEEEX - cantávamos eu e okuyaso , a gente dançava abraçado aquela música .

2:12 da manhã 

- baby só quer phonesex! - dizia okuyaso já bêbado demais para poder andar , então como eu não fico bêbado , sério eu não fico bêbado com nada , me responsabilizei de levá-lo até sua casa , e foi isso que eu fiz .

Então , chegando na frente da casa dele, tomei cuidado para que seu pai não acordasse , e então abri a porta , silenciosamente , e fui até o quarto de okuyaso .

Deitei ele na cama , e abri seu armário , peguei algo que parecia seu pijama , tirei sua roupa , e coloquei nele , pronto .

Então arrumei ele na sua cama , e o tapei com suas cobertas , assim fechando sua janela que estava aberta , que estava  deixando vento entrar , e fechando sua porta também .

" Agora é a minha hora favorita .."

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...