1. Spirit Fanfics >
  2. Beck e Jade - One Shot >
  3. "Onde estava?"

História Beck e Jade - One Shot - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Segundo one shot yeeeiii! Muito obrigada a quem está lendo, espero realmente que gostem de mais esse capítulo!

Capítulo 2 - "Onde estava?"


Fanfic / Fanfiction Beck e Jade - One Shot - Capítulo 2 - "Onde estava?"

-...Então o meu irmão falou para a doutora girafa que seria melhor ele não tonar os remedios, porque saiu um artigo na TV que dizia...

-CAT!

Estava a horas tentando arrancar informações de Cat sobre o paradeiro de Beck mas ela insistia em falar coisas que sinceramente ninguém queria saber o que estava me irritando. Seguro com força a tesoura de ponta feita inteiramente de aço que se encontrava na minha mão direita.

-Vou contar até três, se não me disser onde ele está diga adeus a sua girafa roxa - falou em um tom ameaçador apontando em direção a girafa de pelúcia a qual a ruiva carregava o que a fez soltar um gritinho irritante

-Não machuque a Dasy

-Um...

-Bom ele...

Ela estava prestes a dizer quando vejo ao longe o carro de Beck se aproximar logo estacionar, de dentro sai obviamente Beck mas logo arqueio a sobrancelha tentando compreender a situação quando uma garota saí de dentro do carro. Os dois se aproximam de nos.

-Onde estava? Por qual razão não respondeu minhas mensagens? E quem é a Barbie humana? - pergunto de forma ameaçadora logo apontando a tesoura para a garota que da um passo para trás.

-Oi pra você também Jade - disse Beck se aproximando tentando fazer com que eu abaixasse meu braço e consequentemente a tesoura o que só fiz após ele focar seu olhar no meu me fazendo o encarar de volta com um olhar que assustaria qualidade um...bom uma pena ele não ser qualquer um.

-Te fiz perguntas e quero respostas! - falei seca

-Vou levar a Dasy para passear, tchau Jade, tchau tesoura da Jade, tchau Beck, tchau moça bonita que saiu do carro do Beck

Cat disse tudo animada me fazendo a olhar com o mesmo olhar que encarei Beck o que a fez sair correndo com sua girafa de pelúcia ridiculamente roxa. Logo desvio meu olhar para a a Barbie e meu até então namorado.

-Jade essa é Meredith, minha prima veio do Canadá para passar uns dias - a encaro fixamente - passei o dia mostrando a cidade para ela e meu celular desligou

Se tem uma coisa que odeio em Beck mas ao mesmo tempo adoro é como ele fala tudo de forma descontraída e galanteadora com aquele típico sorriso ladino que derrete qualquer garota...esse é o problema!

-Oh olha só mais uma na fila para sentir minha tesoura enfiada no braço

-Jadelyn!

Agora estava ainda mais irritada, odeio que me chamem de Jadelyn e ele sabe disso, respiro fundo e poço perceber que ele se arrepende instantaneamente de ter me chamado por meu nome completo e tenho certeza de que diria algo se não fosse pela irritante da suposta prima dele começar a falar.

-Ham...Albert me leva pra casa dos seus pais?...foi um prazer te conhecer...Jadelyn certo? - tento me controlar ao máximo para não a atacar

-Nunca diga meu nome! - viro para o lado oposto me afastando dos dois

-Jade! Assim que eu deixar Meredith na casa dos meus pais te ligo

Pude escutar a foz dele mas apenas respondi em voz baixa "que seja". A verdade é que nesse instante eu já me sentia uma idiota por ter brigado com ele por algo tão bobo, mas meu orgulho não deixaria eu evitar uma briga por mais idiota que fosse. Caminhei em direção a minha casa que por sinal era bem longe.

-Jay entra no carro - escuto após uns trinta minutos de caminhada logo reconhecendo a voz, paro de andar e olha na direção da voz encarando o carro

-Eu estou bem Albert, me liga depois. - falei imitando sua prima o fazendo suspirar

-por favor

Bufo revirando os olhos em seguida caminhando até o carro me sentando ao lado de Beck que me olha por breves segundo antes de focar sua visão na rua. Quando chegamos na porta de sua casa (lê-se trailer), saímos do carro logo adentrando o ambiente. Me sento na beirada de sua cama e cruzo os braços o vendo fazer o mesmo.

-Hey o que aconteceu com você? - falou quebrando o silêncio

-Nada...

-Ciúmes?

-Não repita isso! - digo apontando minha tesoura mas logo abaixo meu braço e ele retira a tesoura da minha mão a colocando para longe

-Jade eu te amo mas

-Mas?...

-Preciso que confie em mim

Droga, odeio admitir mas ele está certo, eu só simplesmente não consigo controlar a raiva. Respiro fundo e concordo com um movimento de cabeça.


-Tá ok! Confesso que exagerei um pouco

Ele se aproxima acariciando meu rosto e fitando meus olhos, fecho meus olhos e suspiro. Sinto nossos lábios um no outono e logo o puxo para um beijo intenso e cheio de sentimentos, acaricio seus fios macios de cabelo, quando me dou conta já estamos deitados na cama. Os beijos de Beck logo descem para meu pescoço fazendo meu corpo arrepiar.

-Diga que me ama por favor - sussurra próximo a meu ouvido me fazendo sorrir e sussurrar

-Eu te amo - posso sentir ele sorrir e logo reviro meus olhos o puxando novamente para um beijo intenso já desabotoando os botões de sua camisa.

Notas Finais


Foi isso amores espero que tenham gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...